SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.2 número1Octavio Ianni e Agustín Cueva: interpretações contemporâneas da América Latina índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Estudos Avançados

versão impressa ISSN 0103-4014versão On-line ISSN 1806-9592

Estud. av. v.2 n.1 São Paulo jan/mar. 1988

http://dx.doi.org/10.1590/S0103-40141988000100001 

EDITORIAL

 

 

Após a repercussão extremamente positiva do primeiro número, em 1987, estudos AVANÇADOS surge agora com um volume maior de temas e artigos, procurando expressar parte da variada e fecunda produção que vem sendo trabalhada, avaliada e decantada no mais jovem instituto da USP.

Torna-se até mesmo arriscado apresentar, numa publicação planejada e articulada como revista acadêmica trimestral e, até o momento, apenas neste veículo, toda a enorme produção editorial do IEA. A escolha e montagem de cada número implica, inevitavelmente, no adiamento da publicação de textos em função da entrada de outros, com o risco de desatualizar trabalhos e protelar discussões de grande interesse para a comunidade universitária e para a sociedade em geral. A solução projetada é a criação, a médio prazo, de um setor editorial no IEA, envolvendo não só a publicação regular de textos para circulação mais especializada como, sobretudo, o lançamento de monografias e ensaios.

Enquanto não iniciamos as atividades deste setor, nossa produção editorial, entretanto, continuará sendo dirigida basicamente para estudos AVANÇADOS. E esta é a grande marca desse número: todos os temas e textos presentes foram desenvolvidos no interior do IEA, expressando o modus operandi do Instituto, suas priorizações, e, como foi dito no primeiro número, a busca da contemporaneidade perdida. Aparece aqui, também, um núcleo temático, constituído dos artigos dos profs. Octavio Ianni e Agustín Cueva, abordando questões fundamentais para o entendimento da América Latina contemporânea. Esta é uma das grandes vocações do IEA: implementar as propostas e projetos elaborados nos últimos anos pelo pensamento crítico latino-americano — de Richard Morse a Manoel Moreno Fraginals, de Henri Favre a Florestan Fernandes —, que visem não só a uma rigorosa atualização histórica, científica e cultural, mas ao efetivo engajamento do Instituto no quadro intelectual, social e político da América Latina.

O cientista político Agustín Cueva atuou como professor-visitante no período de maio a junho de 1987, e o sociólogo Octavio Ianni, colaborador regular do IEA desde nosso primeiro momento, desenvolverá a partir de meados do primeiro semestre de 1988, também como professor-visitante, o projeto de pesquisa Temas do Pensamento Latino-Americano.

As mesmas condições de trabalho de nossos programas regulares de professores-visitantes possibilitaram que o renomado crítico e tradutor José Paulo Paes executasse seu projeto no IEA, concluindo a mais significativa antologia do poeta norte-americano William Carlos Williams no Brasil, precedido de aprofundado ensaio introdutório sobre a vida e a obra deste grande escritor (publicada pela editora Companhia das Letras, em 1987). José Paulo Paes nos traz, agora, a síntese desta antologia, com apresentação do prof. Alfredo Bosi.

Apresentamos, a seguir, um interessante trabalho do prof. Erney P. Camargo, abordando e conceituando o tema da Biologia Molecular, área de fronteira e de vanguarda nas Ciências Naturais. Interesse priorizado pelo IEA, a área de Biologia Molecular é essencialmente interdisciplinar, e vital para a atualização da projeção científica da USP no plano nacional e internacional. A inclusão do artigo do prof. Erney nessa edição de estudos AVANÇADOS tem também uma função conceitual importante, isto é, fazer com que a Revista expresse, de fato, a feição do IEA. Apesar de uma certa predominância de temas relativos às Humanidades, estudos AVANÇADOS trará trabalho nas mais variadas áreas do conhecimento, realizando, no plano editorial, a proposta interdisciplinar e multidisciplinar do Instituto, abordando questões fundamentais da ciência, da cultura e do pensamento em geral. Voltando mais uma vez a Machado de Assis, como já fizemos no primeiro número, "a dispersão não lhes tira a unidade, nem a inquietude a constância".

A Revista estudos AVANÇADOS neste número contém, também, uma seção nova, Abordagem, sempre com textos polêmicos e de intervenção no debate político, cultural, científico e universitário nacional. O artigo do prof. Gerhard Malnic, vice-diretor do IEA, que abre esta nova seção, elaborado já há algum tempo, ajuda agora a reconceituar uma das mais sérias questões da USP atual, intensamente debatida na imprensa e na comunidade acadêmica: a problemática necessária da avaliação da Universidade e de sua produção intelectual. Concluindo esta edição, apresentamos também um breve histórico, e as perspectivas de trabalho de cada um dos grupos interdisciplinares existentes no IEA. Todos esses grupos atuam no sentido de "favorecer novas idéias, resultantes do convívio, do confronto e da interação entre as diversas áreas do trabalho intelectual"*.

É importante ressaltar ainda que o projeto norteador de estudos AVANÇADOS, assim como o próprio perfil do IEA, é uma idéia em construção, um permanente questionamento sobre o que pode ser a consolidação de uma revista acadêmica no plano editorial brasileiro e qual é seu significado enquanto veículo de difusão e debate cultural. A Revista estudos AVANÇADOS está e estará sempre aberta a sugestões e a discussões democráticas. Finalmente, gostaríamos de deixar registrado aqui um especial agradecimento à equipe da Divisão de Publicações Técnicas da Coordenadoria Cultural da USP, pelo seu empenho e dedicação no processo de produção de estudos AVANÇADOS.

 

O Conselho Editorial

 

 

* Artigo VI do Estatuto do Instituto de Estudos Avançados da USP.

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons