SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.31 número89Como sair do regime liberal de política econômica e da quase-estagnação desde 1990 índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Estudos Avançados

versão impressa ISSN 0103-4014versão On-line ISSN 1806-9592

Estud. av. vol.31 no.89 São Paulo jan./abr. 2017

http://dx.doi.org/10.1590/s0103-40142017.31890001 

Editorial

Editorial

Alfredo BosiI 

IFaculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade de São Paulo, São Paulo/SP, Brasil.

O PRESENTE número reitera a dupla vocação de ESTUDOS AVANÇADOS: manter o rigor da pesquisa científica e cultural, em senso lato, e estimular a reflexão sobre os caminhos a serem trilhados para dar coerência e eficácia a determinadas políticas públicas. E certamente nenhuma ação política seja tão urgente nos dias de hoje quanto a que vise a sair da crise econômica que aflige o povo brasileiro. Daí, a oportunidade de publicar um dossiê em que economistas provadamente competentes exponham seus pontos de vista e formulem propostas viáveis de curto ou longo prazo. A editoria agradece a colaboração do Prof. Luiz Carlos Bresser-Pereira, organizador do dossiê nessa matéria.

O conjunto de textos sobre dilemas ambientais e fronteiras do conhecimento, concebido e orientado pelos professores Pedro Roberto Jacobi e Leandro Luiz Giatti, perfaz a série editada no número anterior e acrescenta medidas estratégicas e dados históricos que conferem novas perspectivas à militância ecológica.

A dimensão propriamente humanística está presente nos ensaios de arte, cinema e literatura: em destaque Mário de Andrade e Ferreira Gullar, há pouco falecido, figuram entre os nomes centrais de nossa ficção e nossa poesia.

Há ainda o que comemorar: em 2016 o Instituto de Estudos Avançados completou o seu trigésimo aniversário. Sobre a sua história e os seus compromissos de ontem e de hoje temos a palavra de dois dos seus primeiros diretores, Carlos Guilherme Mota e Jacques Marcovitch, a quem a editoria agradece vivamente.

Creative Commons License Este é um artigo publicado em acesso aberto (Open Access) sob a licença Creative Commons Attribution Non-Commercial, que permite uso, distribuição e reprodução em qualquer meio, sem restrições desde que sem fins comerciais e que o trabalho original seja corretamente citado.