SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.18 issue1Traditional uses, chemistry and pharmacology of Croton species (Euphorbiaceae) author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Article

Indicators

Related links

  • Have no similar articlesSimilars in SciELO

Share


Journal of the Brazilian Chemical Society

Print version ISSN 0103-5053

J. Braz. Chem. Soc. vol.18 no.1 São Paulo  2007

http://dx.doi.org/10.1590/S0103-50532007000100001 

EDITORIAL

 

 

No editorial do primeiro número do JBCS de 2006, afirmamamos que o crescimento da revista constatado àquela época, embora significativo com relação aos anos anteriores, poderia ser ainda maior. O que parecia uma aposta em aberto confirmou-se plenamente quando analisamos as estatísticas deste último ano (veja em http://jbcs.sbq.org.br/stats/07 os detalhes destas estatísticas): o número de manuscrito submetidos ao JBCS saltou de 440 para 727, um aumento de mais de 65%! Este aumento (melhor visualizado na Figura 1) deve-se, em maior parte, ao fato de haver dobrado o número de manuscritos submetidos do exterior, que agora perfazem 55% do total de manuscritos processados pela revista. Ou seja, definitivamente, o JBCS faz parte do mapa mundial da Química. Este aumento confirma também o acerto em instituirmos a publicação de oito números por ano, já indicando que uma eventual revisão da periodicidade deve ser considerada no futuro próximo.

 

 

Um efeito colateral deste aumento no número de publicações é o esforço demandado para o processamento destes manuscritos pelo escritório editorial, editores e assessores consultados pela revista. Começamos reconhecendo, mais uma vez, o trabalho abnegado e dedicado dos nossos assessores que, dentro da sua atarefada rotina, encontram tempo para contribuir com a pedra fundamental de qualquer revista científica, que é a garantia de publicação de informações novas e corretas que contribuam para o avanço do conhecimento. Outro ponto importante a ser ressaltado é que o número de assessores do exterior hoje perfaz mais de 30% do total.

Um esforço continuamente intenso do nosso escritório editorial conseguiu evitar que este salto no número de manuscritos resultasse em um aumento nos tempos médios de publicação da revista, conforme representado na Figura 2. Embora a diminuição nestes tempos não tenha sido tão intensa, continuamos processando mais rapidamente os manuscritos submetidos, trabalhando agora com intervalos próximos de 6 meses. Continuamos empenhando todos os nossos esforços para reduzir estes prazos, sempre com o compromisso de não afetar a qualidade do processo de revisão e aprimoramento dos manuscritos submetidos.

 

 

Como o JBCS tem uma capacidade ainda limitada do número de artigos que podem ser publicados em cada ano, este aumento no número de submissões também veio acompanhado de um aumento na nossa taxa de rejeição. Em alguns casos de rejeição, os comentários dos assessores e editores permitem aos autores um aprimoramento do trabalho inicial de tal forma que o mesmo possa ser publicado em oportunidade futura no JBCS ou em outra revista. Entretanto, em um bom número de casos, verificamos que o trabalho submetido se trata de uma descrição bastante restrita, incompleta ou mesmo muito abaixo do estado da arte da cada área, o que causa um gasto desnecessário de tempo da editoria e assessoria. Em outros casos, há manuscritos em que a ênfase do trabalho é mais aplicada, tecnológica ou em que há pouca ou nenhuma informação Química relevante, representando trabalhos fora do escopo do JBCS. Reconhecemos a importância em ampliar as fronteiras da nossa revista seguindo os cada vez mais importantes estudos interdisciplinares que vêm se desenvolvendo, mas é ponto fundamental da nossa política editorial que a revista enfatize sua atuação na divulgação de informações novas e relevantes em que a Química desempenhe um papel fundamental. Ainda com respeito aos manuscritos submetidos, continuamos encorajando o uso de material suplementar (Supplementary Information, SI) aos artigos. Estas informações ficam à disposição no site da revista, permitindo uma avaliação mais completa do manuscrito pelos assessores e editores e, após a publicação, a divulgação de informações importantes como dados de caracterização de produtos e intermediários, espectros, tabelas ou gráficos com resultados completos. Ressaltamos que vários formatos de informação podem ser aceitos como material suplementar, como, por exemplo, fotos, filmes curtos ou animações.

Continuaremos empenhando esforços para que a revista possa continuar crescendo, ágil e com a manutenção e aprimoramento da qualidade dos trabalhos nela divulgada. Para isto, queríamos comunicar a inclusão da Profa. Marília O. F. Goulart (Universidade Federal de Alagoas), no corpo de Editores Associados da revista, que será muito importante para atingirmos estes objetivos. Aproveitamos a oportunidade para dar as boas vindas à Profa. Marília e lhe desejamos muito sucesso nesta empreitada!

Por fim, renovamos os votos de que este seja mais um ano de crescimento da revista e de novos desafios, esperando poder contar com o apoio de todos que vêm nos ajudando a almejar conquistas cada vez maiores.

Este ano também é especial por que a Sociedade Brasileira de Química completa 30 anos de uma belíssima história. Parabéns à SBQ!

Um Feliz 2007 para todos!

 

Watson Loh e Luiz Carlos Dias
Editores