SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.11 issue2Health human resources politics and management: from 1984 to 1995Contemporary limits and drawbacks of the municipal management in health system: the experience of Cabo Frio District author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Physis: Revista de Saúde Coletiva

Print version ISSN 0103-7331On-line version ISSN 1809-4481

Physis vol.11 no.2 Rio de Janeiro July/Dec. 2001

http://dx.doi.org/10.1590/S0103-73312001000200004 

Os consórcios intermunicipais de saúde no estado do Rio de Janeiro*

 

The health inter-municipal consortiums in the State of Rio de Janeiro

 

 

Anamaria Schneider1

 

 


RESUMO

A universalidade e a descentralização do sistema de saúde brasileiro implicaram na necessidade de um maior volume de oferta de serviços de saúde. Diante do reduzido aporte de recursos financeiros, as autoridades municipais têm discutido e implementado alternativas de planejamento e execução dos serviços públicos na área de saúde. Entre estas alternativas situam-se os consórcios intermunicipais de saúde, cujo objetivo principal é permitir que os municípios executem com eficiência e eficácia as ações e serviços necessários.

Palavras-chave: Descentralização; planejamento; organização; regionalização; associação; cooperação.


ABSTRATC

The universality and decentralization of the brazilian health sistem have involved the need of a greater health service suplly. Facing reduced financial resources, the local authorities have discussed and implemented alternative planning and pub1ic service execution in the health sector. Among these alternatives there are the city consortiums. Whose main objective is to make it possible for the cities to accomplish efficiently and effectivity the necessary health care assistance ti its population. Despite being started in the 80s, in Rio de Janeiro this consortiums has only begun at the end of the 90s nowadays counting with five associations.

Keywords: Decentralization; planning; organization; regionalization; association; co-operation.


 

 

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text available only in PDF format.

 

 

Notas

1 Enfermeira, mestre e doutorada em Saúde Coletiva no IMS/UERJ.

 

Referências Bibliográficas

CARVALHO, G.I.; SANTOS, L. Sistema Único de Saúde: comentários à Lei Orgânica da Saúde. 2. Ed. São Paulo: Hucitec, 1995.         [ Links ]

FONTES, A. Consórcios intermunicipais: um instrumento para o planejamento local. Revista de Administração Municipal, s/n, jan/mar. 1991.         [ Links ]

MEIRELLES, H.L. Direito administrativo brasileiro. São Paulo: Malheiros, 1996.         [ Links ]

BRASIL. Ministério da Saúde. Norma Operacional Básica 01. Brasília, DF: O Ministério, 1996.         [ Links ]

RIBEIRO, J.M. Desenvolvimento de rede de cooperação técnica entre os gestores do SUS para a SASIMS: experiência em CIS no âmbito do SUS. Brasília, DF: MS, 1994.         [ Links ]

RIO DE JANEIRO (Estado). Secretaria Estadual de Saúde. Consórcios Intermunicipais de Saúde: subsídios aos gestores municipais. Rio de Janeiro: [s.d.]. Mimeografado.         [ Links ]

SILVA, G.F. Notas pessoais sobre os CIS no estado do Ri. Rio de Janeiro: [s.n.], 1999. Mimeografado.         [ Links ]

 

 

Recebido em: fevereiro de 2001.
Aprovado em: fevereiro de 2001.

 

 

* Nota editorial: Quando o texto se encontrava a caminho do prelo, novos fatos e algumas modificações ocorreram, sendo aqueles considerados de maior relevância apontados a seguir: a) todos os consórcios apresentados receberam recursos financeiros da SES/RJ no ano 2000, o que proporcionou significativas mudanças na sua situação, permitindo a aquisição de diversos equipamentos e ampliação da oferta de serviços; b) foram criados dois novos consórcios : o CIS Norte e o CIS Baixada Fluminense, que também receberam recursos financeiros para investimentos. O primeiro tem sede em Macaé e o segundo em Nova Iguaçu; c) o apoio financeiro da SES e Ministério da Saúde foram fundamentais para a efetiva operacionalização dos consórcios no estado do Rio de Janeiro.

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License