SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.21 número1Retraso en el diagnóstico de la tuberculosis en la cárcel: la experiencia de los enfermos reclusos índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Articulo

Indicadores

Links relacionados

  • No hay articulos similaresSimilares en SciELO

Compartir


Texto & Contexto - Enfermagem

versión impresa ISSN 0104-0707

Texto contexto - enferm. vol.21 no.1 Florianópolis enero/mar. 2012

http://dx.doi.org/10.1590/S0104-07072012000100001 

EDITORIAL

 

Texto & Contexto Enfermagem: 20 anos de contribuição à ciência da enfermagem e saúde

 

 

Maria Itayra Coelho de Souza PadilhaI; Flávia Regina Souza RamosII

IEditora da Revista Texto & Contexto Enfermagem. Professora do Departamento de Enfermagem e do Programa de Pós-Graduação em Enfermagem da Universidade Federal de Santa Catarina (PEN/UFSC). Pós-Doutora pela Universidade de Toronto, Canadá. Líder do Grupo de Estudos da História do Conhecimento de Enfermagem e Saúde. Pesquisadora do CNPq
IIPresidente do Conselho Diretor da Texto & Contexto Enfermagem. Professora Associado do Departamento de Enfermagem e Coordenadora do PEN/UFSC. Pós-Doutora pela Universidade de Lisboa, Portugal. Líder do grupo de pesquisa PRÁXIS - Núcleo de Estudos sobre Trabalho, Cidadania, Saúde e Enfermagem. Pesquisadora CNPq

 

 

20 anos de história!! A Texto & Contexto Enfermagem, desde sua criação, em1992, assumiu um claro compromisso com disseminação qualificada da produção científica da enfermagem brasileira e internacional. Desde seu início, está articulada ao Programa de Pós-Graduação em Enfermagem (PEN) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), com a colaboração direta e decisiva de diversos parceiros.

Ao rememorarmos sua evolução, é inegável o caráter inovador desta Revista, desde cedo marcado pela decisão do primeiro grupo gestor, em fazer deste um periódico temático. A partir de questões importantes para a enfermagem brasileira e visando atender à filosofia do PEN/UFSC, cada número da Revista passou a abordar um tema específico, discutido sob vários olhares e diferentes ângulos. Nos anos que se seguiram, muitas foram as temáticas abordadas pela Revista, as quais cobriram um amplo leque de discussões teóricas, conceituais e metodológicas da área da saúde e enfermagem.1

Após os primeiros anos, a revista passou de periodicidade semestral (1992-1996) para quadrimestral (1997-2002) e, a partir de janeiro de 2003, consolidou-se como periódico trimestral. Definiu-se, assim, por responder à grande demanda de manuscritos submetidos, às recomendações dos órgãos de fomento e à necessária ampliação de oportunidades de veículos de disseminação do conhecimento produzido na área de Enfermagem e afins.

Outra decisão importante e essencial na política editorial da Texto & Contexto Enfermagem foi a de torná-la multitemática, após uma experiência de 18 anos (1992-2009) focalizando uma temática específica em cada número.1 Essa mudança buscou acompanhar o crescimento vertiginoso das solicitações de submissão dos últimos anos e ampliar as possibilidades de socialização da informação científica oriunda das diversas áreas da saúde e da enfermagem.2

Atualmente, caracteriza-se como um periódico de circulação internacional e tem sua importância reconhecida, especialmente no seu impacto para divulgação dos produtos e avaliação dos Programas de Pós-graduação em Enfermagem no Brasil.

Desde sua criação, até dezembro de 2011, já foram publicados 20 volumes, totalizando 73 números, sendo 64 regulares e nove especiais. Ao longo deste tempo foram publicados 1629 artigos, divididos em artigos originais, reflexões, relatos de experiência, revisões de literatura, resenhas e notas prévias, o que, sem dúvida, impactou profundamente a produção cientifica de enfermagem e saúde neste período. Além da versão impressa, está disponível on-line desde início de 2006, em texto completo e em ambiente virtual próprio (http://www.textoecontexto.ufsc.br). No ano de 2006, passou a integrar, também, o Portal da Biblioteca Virtual da Saúde (BVS) - Enfermagem (http://www.enfermagem.bvs.br). Além disso, passou a integrar a coleção SciELO Brasil (http://www.scielo.br), disponível em texto integral e acesso livre, a partir de setembro de 2007.

Outra mudança essencial para a manutenção da qualidade da Texto & Contexto Enfermagem e aderência à política editorial da Revista foi a modificação, em 2010, do grupo diretivo da Revista. Este passou a contar com editores associados, para ampliar o suporte qualitativo no trabalho do Editor, ou seja, foram criadas as funções de Editor de submissão, Editor de seleção e manuscritos e Editor de texto e layout. Complementar a esta decisão foi introduzida também a pré-análise dos manuscritos submetidos, o que beneficia tanto aos autores que tem uma decisão mais precoce sobre a aceitação ou não de seu manuscrito, para continuidade do processo avaliativo, como também para a equipe editorial da revista, na seleção dos consultores Ad Hoc.

Desde o final de 2011, visando acompanhar as tendências dos periódicos de maior impacto, a Revista Texto & Contexto Enfermagem está efetuando mudanças importantes em sua política editorial, que permitirão ampliar sua visibilidade, citação e impacto. Neste sentido, a nova política passará a vigorar a partir do primeiro número de 2012 e se refere, prioritariamente, à: 1 - Todos os artigos serão disponibilizados na versão on-line em dois idiomas, sendo um deles o inglês; 2 - A partir do número três de 2012, a Revista Texto & Contexto Enfermagem estará disponível apenas no formato on-line.

Entendemos que os periódicos científicos também têm a responsabilidade de oferecer aos leitores artigos originais que realmente contenham inovações, proposições claras, contribuições teóricas e resultados práticos e efetivos, que possam ser replicados com sucesso em todos os pontos do país e mesmo internacionalmente. Este é um dos grandes compromissos da Revista Texto & Contexto Enfermagem, ao selecionar os artigos originais para serem publicados a cada número, trimestralmente3.

Reiteramos que a Revista tem sido, cada vez mais, o resultado da força coletiva que a engendra e movimenta, com a qualidade merecida. Nossa homenagem e agradecimento a todos que participaram e participam dessa construção e, especialmente, ao seu corpo dirigente, representado por enfermeiras docentes do PEN/UFSC, desde sua criação, até o presente.

 

REFERÊNCIAS

1. Brüggemann OM, Prado ML, Backes VMS, Monticelli M, Padilha MI. Texto & Contexto Enfermagem: 15 anos de contribuição na socialização do conhecimento em enfermagem e saúde. Texto Contexto Enferm. 2007 Out-Dez; 16(4):769-72.         [ Links ]

2. Brüggemann OM, Ramos FRS, Padilha MI. Editorial. Texto Contexto Enferm. 2010 Jan-Mar; 19(1):11-2.         [ Links ]

3. Padilha, MI. Pesquisa translacional: qual a importância para a prática da enfermagem? Texto Contexto Enferm. 2011 Jul-Set; 20(3):219-20.         [ Links ]