SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.29 issue4Sternechus subsignatus (Boheman) (Coleoptera: Curculionidae): level of control and damage on soybean under the no-tillage systemAssociation of fruit flies (Diptera: Tephritidae) with the sticky disease of papaya (Carica papaya L.) author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Article

Indicators

Related links

Share


Anais da Sociedade Entomológica do Brasil

Print version ISSN 0301-8059

An. Soc. Entomol. Bras. vol.29 no.4 Londrina Dec. 2000

http://dx.doi.org/10.1590/S0301-80592000000400023 

COMUNICAÇÃO CIENTÍFICA

 

Besouros coprófagos (Coleoptera: Scarabaeidae) coletados em Aquidauana, MS, Brasil

 

Coprophagous beetles (Coleoptera: Scarabaeidae) collected in Aquidauana, MS, Brazil

 

 

Themis AidarI; Wilson W. KollerII; Sérgio R. Rodrigues; Agenor M. CorrêaI; João C.C. da SilvaI; Orico dos S. BaltaIII; Jovelina M. de OliveiraIII; Vera L. de OliveiraIII

IUniversidade Estadual do Mato Grosso do Sul (UEMS), Rodovia Aquidauana/CERA km 12, 79200-000, Aquidauana, MS
IIEMBRAPA-CNPGC, Caixa postal 154, 79002-970, Campo Grande, MS
IIIAcadêmicos da UEMS, Aquidauana, MS

 

 


ABSTRACT

Coprophagous beetles were collected from a pasture area using pitfall traps baited with cattle fresh manure, from February to December, 1995. Twenty three species were collected, comprising the following genera: Digitonthophagus, Onthophagus, Dichotomius, Ontherus, Canthon, Canthidium, Ataenius, Aphodius, Pedaridium, Ateuchus, Trichillum, Coprophanaeus, and Megathopomina. Among the species collected Digitonthophagus gazella (Onthophagus gazella) was the most numerous, followed in decreasing order by Ontherus appendiculatus, Trichillum externepunctatum, and Dichotomius anaglypticus. The dung beetles with greater biomass were: D. gazella (Fabr.), O. appendiculatus (Mannerheim), D. anaglypticus (Mannerheim) e D. nisus (Germar). Most of the specimens were collected in the warmer and moister months in the year (February, March, April and December). During drier months, June to October, less than 20% of the total specimens were collected. Among the species, those with greater biomass were collected in the crepuscular-nocturnal period.

Key words: Insecta, dung beetle, dung pat


 

 

As massas fecais (MF) depositadas por animais domésticos nas pastagens, caso sejam desestruturadas apenas pela ação do pisoteio de animais ou precipitações pluviométricas, podem ali permanecer por cerca de oito a nove meses (Alves 1977). Apesar de essas MF terem sido citadas como um "recurso efêmero" (Honer 1991), vários organismos delas se utilizam como fonte de alimento, diretamente ou dos artrópodes por elas atraídos, bem como para abrigo ou substrato para o desenvolvimento da prole. Entre estes, a mosca-dos-chifres (Haematobia irritans L.) e as larvas de nematódeos parasitas gastrintestinais de bovinos causam consideráveis prejuízos à pecuária nacional, necessitando, por isso, ser controlados.

Os besouros coprófagos constituem, atualmente, o meio mais prático e viável de que se dispõe para a desestruturação das MF de bovinos em pastagens. A atividade desses coleópteros, além de auxiliar no melhor aproveitamento da pastagem, colabora também para a redução populacional de organismos indesejáveis. As porções de MF que esses insetos enterram a profundidades variáveis no solo e as galerias que escavam nesse processo alteram as características físico-químicas do solo (Brussaard & Runia 1984, Kalisz & Stone 1984), reciclando o nitrogênio e outros nutrientes (Haynes & Williams 1993), beneficiando, assim, o desenvolvimento das plantas ali estabelecidas (Alves & Nakano 1977, Haynes & Williams 1993, Miranda et al. 1998). Colaboram ainda para acelerar a dessecação das porções de MF remanescentes, de maneira que parasitos de bovinos ali presentes tenham seu desenvolvimento comprometido, quer pela redução da oferta de alimento, quer pela redução no tempo da disponibilidade desse alimento (dessecação antecipada).

A introdução de animais herbívoros de médio ou grande porte, em especial na Austrália e no continente americano, fez com que o volume de massas fecais, particularmente nas pastagens, aumentasse consideravelmente e, em algumas situações, talvez até além da capacidade de consumo dos besouros coprófagos nativos. Por isso, a exemplo das medidas adotadas em países como os Estados Unidos e a Austrália, a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA), através do Centro Nacional de Pesquisa de Gado de Corte (Embrapa Gado de Corte), introduziu o "besouro africano", Digitonthophagus gazella (Fabr.), anteriormente referido como Onthophagus gazella (Fabr.). Atualmente, esta espécie encontra-se estabelecida na maioria das regiões pecuárias do País e de países vizinhos, como a Argentina e o Paraguai.

No Brasil, são poucos os locais em que a dinâmica populacional e a diversidade de espécies de besouros coprófagos foram estudados. Segundo Rodrigues (1996) a maior parte desses trabalhos foi realizada nos estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul.

De modo geral, coleópteros coprófagos autóctones de maior biomassa, tais como os pertencentes aos gêneros Dichotomius e Ontherus, têm sua população diminuída durante o período seco do ano (Flechtmann et al. 1995). Além disso, o Brasil apresenta regiões de clima e solo distintos, o que pode determinar complexos de espécies coprófagas próprias a cada uma delas. Assim sendo, a necessidade ou não de se aumentar os efetivos populacionais destes insetos em uma dada região, e as características requeridas para as possíveis espécies a serem nela introduzidas, dependerá de conhecimentos bioecológicos sobre a fauna coprófaga local.

Entre estes conhecimentos destacam-se: a diversidade e abundância de coleópteros coprófagos já estabelecidos; o comportamento da dinâmica populacional das espécies de maior potencial coprófago, e comportamentos específicos destes últimos, em especial do ritmo diário de atividades.

O presente estudo foi conduzido com o propósito de oferecer tais subsídios com respeito a Aquidauana, município distante 130 km a oeste de Campo Grande, situado numa área de transição entre o Cerrado e o Pantanal do Mato Grosso do Sul. Foram empregadas cinco armadilhas pitfall, iscadas com fezes bovinas recentes e postadas aleatoriamente numa pastagem de Brachiaria decumbens Stapf com área de 20 ha e presença constante de bovinos. As armadilhas guardaram entre si a distância mínima de 100 m. Semanalmente procedia-se ao recolhimento dos insetos capturados e à renovação das iscas. Os adultos obtidos eram acondicionados em frascos com álcool 70% para posterior identificação e contagem. As capturas foram realizadas no período de fevereiro a dezembro de 1995, totalizando 48 semanas e 240 amostras.

Obtiveram-se 3.229 exemplares de besouros coprófagos, distribuídos em 23 espécies e 13 gêneros. As espécies verificadas, seguidas, respectivamente, do número de exemplares obtidos foram: Digitonthophagus gazella (Fabr.) (1.573), Ontherus appendiculatus (Mannerheim) (529), Trichillum externepunctatum de Borre (320), Dichotomius anaglypticus (Mannerheim) (263), Ataenius sp. Harold (193), D. nisus (Germar) (95), D. semiaeneus (Germar) (7), Canthon sp. Hoffsg. (1), Canthidium sp. Erichson (5), Megathopomina sp. Martinez (9), Canthon lituratus (Germar) (5), Pedaridium sp. Harold (24), Ataenius sculptor Harold (40), Canthidium (Canthidium) megathopoides Boucomont (36), Coprophanaeus jasius (Olivier) (2), Onthophagus hirculus Mannerheim (20), Onthophagus sp. Latreille (34), Aphodius lividus Blt. (8), Ontherus dentatus Luederwaldt (31), Coprophanaeus spitzi Pessôa (2), Ateuchus vividum (Germar) (15), D. glaucus ? (Harold) (1) e, D. geminatus ? Arrow (16).

Mais de 80% dos exemplares foram coletados nos meses de dezembro a maio (Tabela 1), que correspondem, em sua maior parte, ao período chuvoso do ano (outubro a abril). Apenas D. gazella e Ataenius sp. ocorreram em todas as capturas realizadas. A maioria das espécies observadas estiveram ausentes ou apresentaram níveis populacionais reduzidos nos meses de maior seca do ano (junho a setembro), aumentando seus efetivos apenas no segundo mês após o início das chuvas (dezembro).

 

 

Observou-se que as espécies capturadas, que apresentam maior potencial coprófago (com base na biomassa do total de indivíduos capturados), exercem a atividade coprófaga no período noturno-crepuscular. Entre estas, destacaram-se, no presente estudo, como as mais importantes na região: D. gazella (Fabr.), O. appendiculatus (Mannerheim), D. anaglypticus (Mannerheim) e D. nisus (Germar).

 

Literatura Citada

Alves, S.B. & O. Nakano. 1977. Influência do Dichotomius anaglypticus (Mannerheim, 1829) (Coleoptera; Scarabaeidae) no crescimento de plantas de Napier. Ecossistema 2: 31-37.         [ Links ]

Brussaard, L. & L.T. Runia. 1984. Recent and ancient traces of scarab beetles activity in sandy soils of Netherlands. Geoderma 34: 229-250.         [ Links ]

Fincher, G.T. 1975. Effects of dung beetle activity on the number of nematode parasites acquired by grazing cattle. J. Parasitol. 61: 759-762.         [ Links ]

Flechtmann, C.A.H., S.R. Rodrigues & H.T.Z. do Couto. 1995. Controle biológico da mosca-dos-chifres (Haematobia irritans irritans) em Selvíria, Mato Grosso do Sul. 4. Comparação entre métodos de coleta de besouros coprófagos (Scarabaeidae). Rev. Bras. Entomol. 39: 259-276.         [ Links ]

Gronvold, J., C. Sommer, P. Holter & P. Nansen. 1992. Reduced splash dispersal of bovine parasitic nematodes from cow pats by the dung beetle Diastellopalpus quinquedens. J. Parasitol. 78: 845-848.         [ Links ]

Haynes, R.J. & P.H. Williams. 1993. Nutrient cycling and soil fertility in the grazed pasture ecosystem. Adv. Agron. 49: 119-199.         [ Links ]

Honer, M.R. 1991. Perspectivas de controle biológico da mosca-dos-chifres com Onthophagus gazella. In: Simpósio Internacional sobre a mosca-dos-chifres Haematobia irritans, 1., São Paulo, 1990. Anais... São Paulo: Colégio Brasileiro de Parasitologia Veterinária, p.26-28.         [ Links ]

Kalisz, P.J. & E.L. Stone. 1984. Soil mixing by scarab beetles and pocket gophers in North Central Florida. Soil Sci. Soc. Amer. J. 48: 169-172.         [ Links ]

Miranda, C.H.B., J.C.C. Santos & I. Bianchin. 1998. Contribuição de Onthophagus gazella à melhoria da fertilidade do solo pelo enterrio de massa fecal bovina fresca. Rev. Bras. Zootec. 27: 681-685.         [ Links ]

Ridsdill-Smith, J. & J.N. Matthiessen. 1981. Controling cattle dung and the bush fly. J. Agric. Western Aust. 22: 76-77.         [ Links ]

Rodrigues, S.R. 1996. Ocorrência de besouros coprófagos e avaliações microclimáticas em massas fecais de bovinos, visando ao controle biológico de Haematobia irritans (Linné, 1758) (Diptera; Muscidae) em Piracicaba, Tese de Mestrado, ESALQ/USP, 87p.         [ Links ]

 

 

Aceito em 11/09/2000.