SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.82 issue6Case for diagnosisCorrespondência author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Article

Indicators

Related links

Share


Anais Brasileiros de Dermatologia

Print version ISSN 0365-0596
On-line version ISSN 1806-4841

An. Bras. Dermatol. vol.82 no.6 Rio de Janeiro Nov./Dec. 2007

http://dx.doi.org/10.1590/S0365-05962007000600014 

ICONOGRAFIA

 

Dermatologia comparativa: paquidermatoglifia adquirida associada a carcinoma gástrico avançado*

 

Comparative Dermatology: acquired pachydermatoglyphia associated with advanced gastric carcinoma

 

 

Jonas RibasI; Lucíola de Fátima Albuquerque de Almeida PeixotoII; Maíra Fernandes de AlmeidaIII; Walquíria de Castro LimaIV

IProfessor de dermatologia da Universidade Federal do Amazonas (UFAM), chefe do serviço de Dermatologia – Manaus (AM), Brasil
IIAcadêmica de Medicina da Universidade Federal do Amazonas (UFAM) – Manaus (AM), Brasil
IIIAcadêmica de Medicina da Universidade Federal do Amazonas (UFAM) – Manaus (AM), Brasil
IVAcadêmica de Medicina da Universidade Federal do Amazonas (UFAM) – Manaus (AM), Brasil

Endereço para correspondência/Mailing Address

 

 


RESUMO

Demonstra-se um caso de paquidermatoglifia adquirida em paciente do sexo masculino, de 67 anos, associada a carcinoma gástrico avançado. Trata-se de síndrome paraneoplásica com manifestações cutâneas que podem ser comparadas à superfície rugosa do estômago bovino.

Palavras-chave: Ceratodermia palmar e plantar; Neoplasias gástricas; Síndromes paraneoplásicas


ABSTRACT

We report the case of a 67-year-old man suffering from acquired pachydermatoglyphia associated with advanced gastric carcinoma. This is a paraneoplasic syndrome with skin manifestations that may be compared to the wrinkled surface of the bovine stomach.

Keywords: Keratoderma, palmoplantar; Paraneoplastic syndromes; Stomach neoplasms


 

 

Paquidermatoglifia adquirida (PA) e ceratodermia palmoplantar nao familiar, manifestacao cutanea rara caracterizada por espessamento aveludado, acompanhado de aumento pronunciado das linhas e sulcos das superficies palmar e plantar.1,2

Pertence ao espectro das sindromes paraneoplasicas papuloescamosas e esta associada usualmente a neoplasia de orgaos internos, podendo eventualmente ocorrer como manifestacao clinica independente. 1,3 A erupcao pode regredir ou eventualmente desaparecer com o tratamento da neoplasia e reaparecer com a recorrencia da malignidade.1

A expressao tripe palms foi introduzida em 1977 por Clarke, sendo mais tarde popularizada por Breathnach e Wells.1 Tripe, em ingles, e iguaria preparada a partir do estomago bovino. A regiao palmar dos pacientes acometidos possui aspecto rugoso que pode ser comparado a superficie aveludada do estomago bovino.1

A patogenia da condicao ainda nao esta definitivamente estabelecida. Sabe-se que pode estar relacionada a produtos liberados por celulas cancerosas, sendo o fator de crescimento alfa (TGF-a) e o fator de crescimento epidermico os mais provaveis.4

A biopsia de pele demonstra acantose e hiperceratose, podendo ser observada tambem deposicao perivascular de mucina na derme.5 Devido à semelhança histológica, alguns pesquisadores consideram a PA um subtipo de acantose nigricans. Entretanto, na PA as lesões são mais exuberantes e geralmente não acometem a superfície plantar.4

Na mais importante revisão sobre essa condição, realizada por Cohen et al., dos 77 pacientes com PA, 94% tinham carcinoma2. Estava freqüentemente associada à acantose nigricans em 77% dos casos.1,2 Quando se manifestava de forma isolada, a neoplasia mais associada foi o carcinoma pulmonar (53%), enquanto em pacientes com ambas condições, PA e acantose nigricans, o carcinoma gástrico foi o mais Fencontrado (35%).2

Avaliou-se um paciente do sexo masculino de 67 anos, com espessamento rugoso das palmas e acentuação dos sulcos dermatoglíficos, de aspecto
aveludado e coloração amarelada (Figura 1), semelhante à superfície rugosa do estômago bovino (Figura 2). Ele também apresentava acantose nigricans, disfagia e perda ponderal considerável, evoluindo há mais de seis meses com esse quadro. Em vista desses achados, suspeitou-se de síndrome paraneoplásica, sendo diagnosticado carcinoma gástrico avançado, por via endoscópica.

 

 

 

 

REFERÊNCIAS

1. Gorisek B, Krajnc I, Rems D, Kuhelj J. Malignant acan thosis nigricans and tripe palms in a patient with endometrial adenocarcinoma - a case report and review of literature. Gynecol Oncol. 1997;65:539-42.        [ Links ]

2. Cohen PR, Grossman ME, Almeida L, Kurzrock R. Tripe palms and malignancy. J Clin Oncol. 1989;7:669-78.        [ Links ]

3. Chosidow O, Becherel PA, Piette JC, Arock M, Debre P, Frances C. Tripe palms associated with systemic masto cytosis: the role of transforming growth factor-alpha and efficacy of interferon-alfa. Br J Dermatol. 1998;138:698- 703.        [ Links ]

4. Pentenero M, Carrozzo M, Pagano M, Gandolfo S. Oral acanthosis nigricans, tripe palms and sign of Leser-Trelat in a patient with gastric adenocarcinoma. Int J Dermatol. 2004;43:530-2.        [ Links ]

5. Mohrenschlager M, Vocks E, Wessner DB, Nahrig J, Ring J. Tripe palms and malignant acanthosis nigricans: cuta neous signs of imminent metastasis in bladder cancer? J Urol. 2001;165:1629-30.        [ Links ]

 

 

Endereço para correspondência/Mailing Address
Jonas Ribas
Rua 24 de Maio, 220 sala 510 - 5º andar
Edifico Rio Negro Center - Centro
69010 080 - Manaus - AM
Tel./Fax: (92) 3232-5670
E-mail: ribas@internext.com.br

Recebido em 24.05.2007.
Aprovado pelo Conselho Editorial e aceito para publicação em 07.08.2007.
Suporte financeiro: Nenhum / Financial funding : None

 

 

* Trabalho realizado na Fundação de Dermatologia Alfredo da Matta – Manaus (AM), Brasil.
Conflito de interesse : Nenhum / Conflict of interest: None

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License