SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.18 número3O Ouvido Absoluto: bases neurocognitivas e perspectivas índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Psico-USF

versão impressa ISSN 1413-8271

Psico-USF vol.18 no.3 Itatiba set./dez. 2013

http://dx.doi.org/10.1590/S1413-82712013000300001 

EDITORIAL

 

O ano de 2013 foi bastante importante para a Revista PsicoUSF, pois houve a troca integral de sua equipe de gestão editorial. Agradecemos aos autores, pareceristas e leitores pela credibilidade depositada e esperamos poder contribuir com a qualidade do periódico em questão. O número de manuscritos recebidos foi bastante alto e para acompanhar a procura, estamos nos organizando de modo a atender os níveis de profissionalização preconizados nos recentes eventos científicos da área. A PsicoUSF apresenta o seu último número de 2013 com a satisfação de apresentar artigos com temas diversos. Esta edição é iniciada com o artigo intitulado O Ouvido Absoluto: Bases neurocognitivas e perspectivas, de autoria de Fabrízio Veloso e Maria Ângela Guimarães Feitosa. Os autores fazem uma revisão da literatura científica, em que analisam os avanços e as limitações acerca do Ouvido Absoluto.

Jaqueline Gomes de Jesus realizou um estudo com vistas a analisar a permanência na sociedade de um conjunto de crenças denominado heterocentrismo. O título do artigo é O Conceito de Heterocentrismo: Um Conjunto de Crenças Enviesadas e sua Permanência.

O objetivo dos autores Moises Romanini e Adriane Roso foi investigar como os usuários de crack, inseridos em um Centro de Atenção Psicossocial – Álcool e Drogas percebem as formas simbólicas veiculadas em uma campanha televisiva. O trabalho foi intitulado Mídia, Ideologia e Cocaína (Crack): produzindo Refugo Humano.

Paula Grazziotin Silveira Rava e Lia Beatriz de Lucca Freitas elaboraram o artigo Gratidão e sentimento de obrigatoriedade na infância. A partir de uma abordagem construtivista sobre o desenvolvimento moral, as autoras utilizaram duas histórias para examinar o desenvolvimento do sentimento de gratidão em crianças. Também estudando crianças, Gisele Schwede e Andrea Vieira Zanella , em Olhares de crianças a relevar a polifonia da cidade,buscaram compreender os sentidos que elas atribuem às relações que estabelecem com a cidade. Os participantes do estudo foram convidados a produzir imagens fotográficas daquilo que lhes fosse significativo no espaço urbano.

Luiza Feijó Knijnik, Claudia Giacomoni e Lilian Milnitsky Stein, em Teste de Desempenho Escolar: um estudo de levantamento, recuperaram as publicações científicas que utilizaram o Teste de Desempenho Escolar (TDE) de 1994 a 2011. Os resultados evidenciaram a relevância desse instrumento no cenário da avaliação educacional no Brasil.

Também referente ao contexto escolar, o trabalho de Andréia Osti e Rosely Palermo Brenelli verificou as percepções de si mesmo de estudantes com dificuldades de aprendizagem e analisou as representações dessas crianças a respeito dos juízos que seus professores teriam delas. Sentimentos de quem fracassa na escola: análise das representações de alunos com dificuldades de aprendizagem aponta a necessidade de se debater o papel das representações no processo de aprendizagem.

Competência, problemas internalizantes e problemas externalizantes em quatro grupos de adolescentes é o título do artigo elaborado por Nancy Ramacciotti de Oliveira-Monteiro, Juliana Olivetti Guimarâes Nascimento, Fábio Tadeu Montesano e Maria Aznar-Farias. Os autores caracterizaram perfis de competência e de problemas psicológicos em 160 adolescentes.

Marta Helena de Freitas, em Relações entre religiosidade e saúde mental em imigrantes: implicações para a prática psi. apresenta uma síntese das principais questões entre religiosidade e saúde mental, articulando-as com a realidade do imigrante, e discute as percepções dos profissionais psi acerca do tema.

Padrões alimentares e imagem corporal em mulheres frequentadoras de academia de atividade física de autoria de Marcia Cristina Dominguez Fernandes Pinto de Souza, Laura Vilela e Souza, Sabrina Martins Barroso e Fabio Scorsolini-Comin, investigaram a presença de sintomas moderados e graves relacionados aos comportamentos alimentares em uma amostra de 30 mulheres.

André L. A. Rabelo e Ronaldo Pilati são os autores de O estudo Adaptação e evidências de validade da Bateria de Personalidade Prosocial no Brasil, que visou traduzir para o português, adaptar e avaliar as propriedades psicométricas da Prosocial Personality Battery.

Com o objetivo de compreender como os cuidadores de homens em tratamento oncológico significam a experiência do cuidado, Suellen Santos Lima de Almeida, Alberto Mesaque Martins, Adryene Milanez Rezende, Virgínia Torres Schall e Celina Maria Modena realizaram entrevistas narrativas com 10 cuidadores. As análises do artigo Sentidos do cuidado: a perspectiva de cuidadores de homens com câncer foram realizadas por meio do referencial fenomenológico heideggeriano.

O artigo Tradução e adaptação da escala de potencial de ajustamento intercultural para a realidade brasileira, de autoria de Jesselyn Nayara Tashima e Sinésio Gomide Júnior, apresenta os estudos de adaptação da Intercultural Adjustment Potencial Scale para o Brasil.

Jucelaine Bier Di Domenico Grazziotin e Silvana Alba Scortegagna verificam se as variáveis 'relacionamento' e 'produtividade no Zulliger' se correlacionam com os fatores do Inventário de Habilidades Sociais-IHS-Del-Prette. Os resultados da pesquisa são apresentados no artigo Relacionamento interpessoal, produtividade e habilidades sociais: um estudo correlacional.

Por fim, O artigo Evidências de validade da Escala Triangular do Amor de Sternberg - Reduzida (ETAS-R) foi elaborado por Alexsandro Luiz de Andrade, Agnaldo Garcia e Vicente Cassepp-Borges. Os autores averiguaram as evidências de validade e indicadores de confiabilidade de uma medida dos componentes do amor numa amostra brasileira.

Aproveitamos para desejar um excelente final de ano. A todos, boa leitura!

 

Ana Paula Porto Noronha
Editora

Lucas de Francisco Carvalho
Editor associado

Dezembro de 2013

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons