SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.20 issue3Brazilian Adaptation and Factor Structure of the 240-item VIA Inventory of Strengths Scale author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Psico-USF

On-line version ISSN 2175-3563

Psico-USF vol.20 no.3 Itatiba Sept./Dec. 2015

http://dx.doi.org/10.1590/1413-82712015200300 

Editorial

Editorial

Ana Paula Porto Noronha1 

Rodolfo Augusto Matteo Ambiel1 

1Editora e Editor associado. Universidade São Francisco

A Psico-USF tem, em respeito aos seus leitores, publicado seus números nas datas previstas e, portanto, sem nenhum atraso. Também, em respeito aos autores, vem se empenhando maximamente para diminuir o tempo de tramitação de seus manuscritos. Uma nova publicação é apresentada pela revista Psico-USF. Neste volume 20, número 3, são oferecidos 15 artigos inéditos e uma resenha, que visam contribuir para a ciência da Psicologia. Esperamos que nossos leitores desfrutem desses trabalhos e possam adquirir novos conhecimentos.

O primeiro trabalho apresentado nesta edição se refere à Adaptação Brasileira e Estrutura Fatorial da Escala 240-Item VIA Inventory of Strengths, de autoria de Bruna Larissa Seibel, Diogo DeSousa e Silvia Helena Koller. Os autores tiveram três objetivos, sendo eles: realizar a adaptação transcultural do 240-Item VIA Inventory of Strengths (VIA-IS) para o Brasil, investigar a estrutura fatorial do VIA-IS em uma amostra brasileira e reportar dados descritivos de escores de forças no VIA-IS nessa amostra.

Emerson Diógenes de Medeiros, Valdiney Veloso Gouveia, Renan Pereira Monteiro, Paulo Gregório Nascimento da Silva, Bruna de Jesus Lopes, Paloma Cavalcante Bezerra de Medeiros e Élido Santiago da Silva realizaram uma pesquisa com o intuito de elaborar a Escala de Comportamentos de Bullying (ECB), checando evidências de validade e precisão. Esse artigo é intitulado Escala de Comportamentos de Bullying (ECB): Elaboração e Evidências Psicométricas.

Escalas de Crenças de Eficácia Pessoal e Coletiva para Educadores: Evidências de Validade apresenta o processo de adaptação e de busca de evidências de validade da escala de Autoeficácia Docente, versão curta, e da escala de Crença Coletiva Escolar. A autoria é de Daniela Couto Guerreiro Casanova e Roberta Gurgel Azzi.

O foco do trabalho de Anna Elisa Villemor-Amaral, Fabiola Cristina Biasi, Lucila Moraes Cardoso, Pâmela Malio Pardini Pavan e Raquel Rossi Tavella foi comparar o uso das diferentes tonalidades de azul e vermelho no Pfister de crianças e adultos de ambos os sexos. O título do artigo é Rosa e Azul: Sexo e Idade no Teste de Pfister. Adaptação Acadêmica e Coping em Estudantes Universitários é um estudo de Rodrigo Carvalho Carlotto, Marco Antônio Pereira Teixeira e Ana Cristina Garcia Dias. Os autores investigaram as possíveis relações entre estratégias de coping e a adaptação acadêmica em estudantes universitários.

O objetivo dos autores Fabio Alexandre Pereira Scacchetti, Katya Luciane de Oliveira e Ana Elisa da Costa Moreira foi a validação da escala de Estratégias de Aprendizagem, voltada ao ensino fundamental, de forma que possibilitasse a busca de evidências de validade fatorial para seu emprego no ensino técnico profissional. O trabalho é intitulado Estratégias de Aprendizagem no Ensino Técnico Profissional.

As contribuições de Alessandra Turini Bolsoni-Silva e Sonia Regina Loureiro podem ser consultadas no artigo Habilidades Sociais de Universitários sem Transtorno Mental: Variáveis Acadêmicas e Sociodemográficas. As autores tiveram o intuito de caracterizar e comparar as habilidades sociais de estudantes universitários, sem indicadores de transtorno mental, quanto às variáveis acadêmicas e sociodemográficas.

Outros cinco artigos, não vinculados à Avaliação Psicológica, são apresentados neste número.

Supervisão em Terapias Cognitivo-Comportamentais: Trilhando outros Caminhos Além do Serviço-Escola é de autoria de Conceição Reis de Sousa e Ricardo da Costa Padovani. O trabalho descreve um modelo de supervisão que prepara psicólogos para desenvolver ações voltadas para prevenção, promoção, proteção e reabilitação em saúde.

No estudo Então, a Consciência Morfológica Contribui para a Leitura no Português Brasileiro? foi investigado se a consciência morfológica contribui para a leitura após controlar as variáveis inteligência não verbal e consciência fonológica no português brasileiro. O trabalho é de autoria de Pedro Viana de Freitas Junior e Márcia Maria Peruzzi Elia da Mota.

Fabio Scorsolini-Comin, Anne Marie Germaine Victorine Fontaine, Sabrina Martins Barroso e Manoel Antônio dos Santos realizaram a pesquisa intitulada Relações entre Conjugalidade dos Pais, Conjugalidade dos Filhos e Bem-Estar Subjetivo. Os autores objetivaram investigar as relações existentes entre a medida da conjugalidade dos pais, tal como percebida por filhos casados, e medidas do bem-estar subjetivo e da satisfação em relacionamentos amorosos apresentados por esses filhos.

O Impacto da Liderança Transacional e Transformacional sobre a Cidadania Organizacional é um artigo de Alexandra de Oliveira Rodrigues e Maria Cristina Ferreira. Na pesquisa, foi investigado o impacto dos estilos de liderança transacional e transformacional sobre os comportamentos de cidadania organizacional.

Josieli Piovesan, Silvana Alba Scortegagna e Ana Carolina Bertoletti De Marchi desenvolveram o trabalho Qualidade de Vida e Sintomatologia Depressiva em Mães de Indivíduos com Autismo. As autoras investigaram a Qualidade de Vida (QV) e a presença de sintomas depressivos em mães de indivíduos com Transtorno do Espectro Autista (TEA) e a possível relação com a idade do filho.

Vivências e Representações sobre o Crack: Um Estudo com Mulheres Usuárias é de autoria de Katruccy Tenório Medeiros, Silvana Carneiro Maciel, Patrícia Fonseca de Sousa e Giselli Lucy Souza Vieira. Esse estudo objetivou conhecer e analisar as representações sociais acerca do crack elaboradas por dependentes químicas em tratamento com base na Teoria das Representações Sociais.

Na pesquisa Avaliação da Imagem Corporal: Instrumentos Usados no Brasil, é apresentado um panorama das investigações científicas nacionais acerca da adaptação e construção de instrumentos sistematizados de avaliação desse construto. Os autores são Gabriela Salim Xavier, Sonia Regina Pasian e Sebastião Sousa Almeida.

O objetivo do trabalho de Ariállisson Monteiro dos Santos, Alexandra Ayach Anache e Ronilce Cavichioli de Santana foi a investigação metacientífica das publicações nacionais do período de 2003 a 2012. O título do artigo é Panorama da Produção Científica Brasileira em Avaliação Psicológica.

Por fim, é apresentada a resenha Temas Fundamentais em Avaliação Psicológica do livro Psicometria, escrita por Jeferson Pires. A equipe da Psico-USF agradece a oportunidade de contribuir para o avanço da ciência psicológica, oferecendo uma ferramenta valiosa para o crescimento de psicólogos e pesquisadores da área. Desejamos aos nossos leitores uma leitura instrutiva e também boas festas de final de ano.

Dezembro de 2015

Creative Commons License This is an open-access article distributed under the terms of the Creative Commons Attribution License