SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.1 número1A doença e o doente: relatos de vivências hospitalares. Um estudo das relações entre medicina e psicologiaJornalismo, saúde e cidadania índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Revista

Articulo

Indicadores

Links relacionados

Compartir


Interface - Comunicação, Saúde, Educação

versión impresa ISSN 1414-3283versión On-line ISSN 1807-5762

Interface (Botucatu) vol.1 no.1 Botucatu agosto 1997

http://dx.doi.org/10.1590/S1414-32831997000200020 

TESES

 

Formação continuada de docentes na universidade: protótipo de um sistema hipermídia de educação à distância

 

 

Miríam Celí Pimentel Porto Foresti

Tese de Doutorado, 1996 Faculdade de Educação / USP

 

 

O trabalho representa a síntese provisória das experiências e reflexões da autora sobre a prática docente na Universidade e sobre o uso de novas tecnologias de comunicação em educação. Pretende, ainda, ser uma contribuição aos profissionais que, oriundos de diferentes áreas do conhecimento, desempenham o papel de educadores, construindo seu caminho na prática da sala de aula do terceiro grau.

Parte desta tese — DIDÁTICA em hipermídia —  é o resultado primeiro da articulação desses interesses. Apresentada como um protótipo parcial de um sistema de educação à distância via computador, objetiva oferecer subsídios teóricos a docentes universitários para uma reflexão pessoal sobre o processo de ensino tal como ocorre em sala de aula, em suas relações com objetivos formativos mais amplos, e contribuir para o desenvolvimento crítico do papel de educador e para o aperfeiçoamento de sua prática docente na Universidade. 

A partir da análise do referencial teórico pertinente ao processo de ensino na Universidade e aos meios e tecnologias de comunicação em educação, foram definidos os conteúdos a serem veiculados pelo sistema, mapeando as informações, tendo como pressuposto o conhecimento como uma rede de significações. Como metáfora de interface propõe-se a idéia de caminho, criando a rede de hipertexto, que inclui  os seguintes tópicos (nós-âncora da rede), na linguagem da hipermídia: Caminhos e Caminhantes, focalizando a prática cotidiana do professor universitário e alguns de seus pressupostos; Caminhos da Universidade, focalizando a função social da Universidade, a partir de sua história, e o papel do ensino para  que essa função se concretize; Aprendizagens pelos Caminhos, focalizando os elementos técnicos  essenciais para uma didática no ensino superior. Em cada um desses nós, o usuário (no caso, o professor) pode navegar pela Biblioteca do Professor , contendo referências  trabalhadas  nos  nós de conteúdo do sistema, e utilizar-se do espaço Novos Caminhos, para apresentar suas experiências docentes significativas,  sugestões e críticas, estabelecendo a interação  com o sistema.

A escolha de um sistema hipermídia para veiculação de conteúdos sobre formação pedagógica que não são definitivos, visou respeitar o significado da educação continuada e atender às características da clientela potencial do projeto - profissionais responsáveis pela produção do conhecimento científico. A intenção, com base nessas características, mais do que elaborar um programa formal de Didática do Ensino Superior, foi contribuir para a construção crítica de um caminho próprio do professor e, neste sentido, a hipermídia apresenta-se como uma alternativa viável. Como tecnologia em que as informações são apresentadas de modo não linear, possibilita ao usuário construir sua própria seqüência, criando um sistema dinâmico e interativo de informações.

Tendo como metáfora a idéia de caminho em construção, o protótipo do sistema foi, então, implementado, focalizando os nós Caminhos e Caminhantes, Biblioteca do Professor respectiva e Novos Caminhos, tendo como plataforma de hardware um microcomputador Aptiva 550M, 486DX4, 100Mhz, HDD 540MB, memória de 16MB e como software de autoria o Authorware profisional. O protótipo resultante integraliza textos imagens e sons em um sistema interativo e não linear de informações.

Os resultados obtidos permitem concluir pela viabilidade da hipermídia como ferramenta de veiculação de conteúdos que, não sendo definitivos, podem, portanto, ser expandidos dentro do sistema, resgatando a utilização crítica da mídia como componente do projeto pedagógico.

Trabalho apenas iniciado, DIDÁTICA em hipermídia espera vir a favorecer a troca de idéias e a reflexão coletiva em torno da formação pedagógica e da prática docente na Universidade, levando à sistematização de uma proposta de formação continuada à distância, tendo o computador e a Telemática como mediadores.

Creative Commons License Todo el contenido de esta revista, excepto dónde está identificado, está bajo una Licencia Creative Commons