SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.6 número4Luto, tabu e ambivalência afetiva: a experiência de sofrimento no psíquico e na culturaLa gratitud: una cualidad natural índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista Latinoamericana de Psicopatologia Fundamental

versão impressa ISSN 1415-4714versão On-line ISSN 1984-0381

Rev. latinoam. psicopatol. fundam. vol.6 no.4 São Paulo out./dez. 2003

https://doi.org/10.1590/1415-47142003004004 

ARTIGOS

A ideologia na obra de Antonio Carlos Pacheco e Silva

Francisco B. Assumpção Jr.


RESUMO

O autor apresenta, através da obra de Antonio Carlos Pacheco e Silva, a questão ideológica na psiquiatria.

Discute também sua importância naquele momento histórico brasileiro, bem como sua influência na psiquiatria brasileira até os dias de hoje.

Palavras-Chave: Antonio Carlos Pacheco e Silva; ideologia; história da psiquiatria

RESUMEN

El autor presenta, través la obra de Antonio Carlos Pacheco e Silva, la cuestión ideológica en la Psiquiatría.

También discute su importancia en aquel momento histórico brasileño, asi como su influencia en la Psiquiatría del Brasil hasta los días hoy.

Palabras-clave: Antonio Carlos Pacheco e Silva; ideología; historia de la psiquiatría

ABSTRACT

L´auteur présente ici, à travers l’œuvre d’Antonio Carlos Pacheco e Silva, la question idéologique dans la Psychiatrie.

Il discute également de son importance pour le Brésil de l’époque, ainsi que de son influence dans la Psychiatrie brésilienne jusqu’à nos jours.

Key words: Antonio Carlos Pacheco e Silva; idéologie; histoire de la psychiatrie

ABSTRACT

In this article the author discusses ideological questions in psychiatry, based on the work of Antonio Carlos Pacheco e Silva. Also discussed are Pacheco e Silva’s importance during his period in Brazilian history and his influence on Brazilian psychiatry until today.

Key words: Antonio Carlos Pacheco e Silva; ideology; history of psychiatry

Texto completo disponível apenas em PDF.

Referências

ABRÃO, J. L. F. A história da psicanálise de crianças no Brasil. São Paulo: Escuta, 2001, p. 67. [ Links ]

ALTHUSSER, L. Ideologia e aparelhos ideológicos do Estado. Lisboa: Presença, s/d. 120p. [ Links ]

CAMPOS, R. H. F. Dicionário biográfico da psicologia no Brasil. Rio de Janeiro: Imago, 2001. [ Links ]

CAMPOS, C. São Paulo pela lente da Higiene. São Paulo: FAPESP, 2002, p. 23-4. [ Links ]

CHAUÍ, M. Contra o discurso competente. Folhetim, Folha de S. Paulo, 7/2/1982. [ Links ]

DESVIAT, M. A reforma psiquiátrica. Rio de Janeiro: Fiocruz, 1994. 166p. [ Links ]

EDITORIAL. Prof. Antonio Carlos Pacheco e Silva (1898-1988) – Na história da Psiquiatria Brasileira. Arq. Saúde Mental Estado de São Paulo (XLVII-LII), p. 158-61; 1988-1993. [ Links ]

FAUSTO, B. A crise dos anos vinte e a revolução de 1930. In: FAUSTO, B. História geral da civilização brasileira III. O Brasile Republicanos Sociedade e Instituições (1889-1930). Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 1997. [ Links ]

GOLDMAN, L. Ciências humanas e filosofia. São Paulo: Difel, 1986. [ Links ]

IACOPONI, E., RAMOS LARANJEIRA, R., JESUS MARI, J. Brazil: a giant wakes up to progress and inequality In: APPLEBY, L., ARAYA, R. Mental Services in the Global Village. London: Royal College of Psychiatrists, 1991. [ Links ]

MARX, K. Excertos da ideologia alemã. In: FROMM, E. Conceito marxista do homem. Rio de Janeiro: Zahar, 1979, p. 171-86. [ Links ]

NIETZSCHE, F. Além do bem e do mal – prelúdio a uma filosofia do futuro. São Paulo: Companhia das Letras, 2000. [ Links ]

PACHECO E SILVA, A. C. Porque não sou anti-semita. In: Por que ser anti semita: um inquérito entre intellectuaes brasileiros. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1933. [ Links ]

PACHECO E SILVA, A. C. Problemas de Higiene Mental. São Paulo: Oficinas Gráficas do Hospital do Juqueri, 1936. 141p. [ Links ]

PACHECO E SILVA, A. C. A psiquiatria e a vida moderna. São Paulo: s/ed, 1948. [ Links ]

PACHECO E SILVA, A. C. Iniciação médica. São Paulo: Edigraf, 1950, p. 18. [ Links ]

PACHECO E SILVA, A. C. Palavras de psiquiatria. São Paulo: Edigraf, 1950. [ Links ]

PACHECO E SILVA, A. C. A guerra subversiva em marcha. São Paulo: Centro das Indústrias do Estado de São Paulo, 1961. [ Links ]

PACHECO E SILVA, A. C. Hippies, drogas, sexo, poluição. São Paulo: Martins Editora, 1974. [ Links ]

PACHECO E SILVA, A. C. Desajustes psico-sociais. São Paulo: Edigraf, s/d. [ Links ]

PROCTOR, R. N. Nazi Doctors, Racial Medicine, and Human Experimentation. In: ANNAS, G. J., GRODIN, M. A. The Nazi Doctors and the Nuremberg Code. New York: Oxford University, 1992, p. 17-31. [ Links ]

RAMOS, J. S. Dos males que vêm com o sangue: as representações raciais e a categoria do imigrante indesejável nas concepções sobre a imigração da década de 20. In: MAIO, M. C., SANTOS, R. V. Raça, ciência e sociedade. Rio de Janeiro: Fiocruz, 1998, p. 59-84. [ Links ]

RUSSO, J. O mundo psi no Brasil. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2002, p. 19. [ Links ]

SANSONE, L. As relações raciais em Casa-Grande e Senzala revisitadas à luz do processo de internacionalização e globalização. In: MAIO, M. C., SANTOS, R. V. Raça, ciência e sociedade. Rio de Janeiro: Fiocruz, 1998, p. 207-17. [ Links ]

SILVEIRA, C. A formação da nacionalidade brasileira no pensamento médico paulista: a contribuição de Antonio Carlos Pacheco e Silva. 1993. Tese (Mestrado), Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, 1993. [ Links ]

Recebido: Março de 2003; Aceito: Setembro de 2003

Creative Commons License  This is an Open Access article distributed under the terms of the Creative Commons Attribution Non-Commercial License, which permits unrestricted non-commercial use, distribution, and reproduction in any medium, provided the original work is properly cited.