SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.7 issue5Lactacidemic levels during water polo game: preliminary study author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de Medicina do Esporte

Print version ISSN 1517-8692

Rev Bras Med Esporte vol.7 no.5 Niterói Sept./Oct. 2001

http://dx.doi.org/10.1590/S1517-86922001000500001 

EDITORIAL

 

 

Antonio Claudio Lucas da Nóbrega

Editor-Chefe

 

 

A divulgação do conhecimento atualizado, tornando-o acessível ao maior número de indivíduos, é a missão fundamental de um periódico, seja ele de natureza jornalística, científica ou representativo de classes profissionais. No caso de periódicos científicos, obedecemos a critérios metodológicos que estabelecem o formato e o padrão de abordagem de um texto, classificando-o como acadêmico-científico. Dentre os periódicos científicos, existe naturalmente um amplo espectro de prestígio, determinado pela qualidade científica dos artigos publicados, sua periodicidade e regularidade e qualidade do trabalho editorial e gráfico. Neste contexto, a busca continuada de estratégias que promovam a qualidade científica dos artigos, como a revisão pelos pares, fazem parte do funcionamento de um periódico de excelência. Se, por um lado, a estrita obediência aos critérios de qualidade estabelecidos permite separar o joio do trigo, por outro lado pode restringir a valorização de bons artigos nacionais, muitas vezes desprovidos de alta tecnologia, mas com grande implicação prática e impacto social. Esta questão está discutida no artigo "Geração e transmissão do conhecimento", de Vagner Raso, neste número da RBME, que sugere a citação de artigos nacionais quando da publicação de artigos científicos. Concordamos que muitas publicações nacionais são de qualidade e devem ser citadas. Coerentemente, não há qualquer restrição da RBME à referência de artigos de periódicos não-indexados. Entretanto, lembramos que uma regra fundamental da citação bibliográfica (regra esta lógica e justa) determina que um conceito ou informação mencionada no corpo de um artigo deve referir-se à fonte original, evitando-se assim a citação secundária. Em outras palavras, quando um autor escreve, por exemplo, que "o treinamento físico reduz os níveis de marcadores inflamatórios na insuficiência cardíaca crônica" deve ser citada uma publicação que tenha demonstrado experimentalmente tal fato com metodologia adequada1 e não um livro texto ou artigo de revisão que tenha citado o artigo original, o verdadeiro responsável pela informação. Assim sendo, propomos a adoção de uma postura equilibrada entre a xenofobia e a submissão ao estrangeiro na citação de publicações nacionais, prestigiando os artigos de periódicos brasileiros quando forem de qualidade e geradores de fato da informação original.

 

REFERÊNCIA

1. Adamopoulos S, Parissis J, Kroupis C et al. Physical training reduces peripheral markers of inflammation in patients with chronic heart failure. Eur Heart J 2001;22:791-7.