SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.8 issue2Maximal oxygen uptake and anaerobic threshold in professional soccer players: comparison between different positions author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Brasileira de Medicina do Esporte

Print version ISSN 1517-8692On-line version ISSN 1806-9940

Rev Bras Med Esporte vol.8 no.2 Niterói Mar./Apr. 2002

http://dx.doi.org/10.1590/S1517-86922002000200001 

EDITORIAL

 

Resultado concreto de ações continuadas

 

Prof. Dr. Antonio Claudio Lucas da Nóbrega

Editor-Chefe

 

 

As ações implementadas na RBME ao longo dos anos têm resultados no crescimento do seu prestígio junto aos profissionais da Medicina do Exercício e Ciências do Esporte. Muito embora este resultado envolva aspectos subjetivos e conceituais, o retorno espontâneo e estimulado que temos recebido embasam tal conclusão. Além disto, existem indicadores concretos do maior interesse dos formadores de opinião e geradores de conhecimento na nossa área pela publicação de seus trabalhos na RBME, como o crescimento da submissão de artigos (ver gráfico). Destaca-se que o aumento no número de submissões deveu-se principalmente ao maior número de artigos originais com resultados de pesquisas, fato que fortalece a RBME como veículo de divulgação privilegiada de novas informações científicas. Outro indicador formal de prestígio da RBME foi a sua inclusão na lista de periódicos Qualys da CAPES que passou a considerar as publicações na nossa Revista como critério de produção científica qualificada dentro da avaliação periódica dos Programa de Mestrado e Doutorado nas áreas de Medicina e Educação Física.

 

 

Estamos todos satisfeitos com o alcance de tais metas físicas, mas precisamos avançar ainda mais. Dentro de um planejamento estratégico mais amplo, estamos adotando ações de caráter interno e regulamentador fundamentais, tais como a ampliação do corpo de revisores ad-hoc e a necessidade da assinatura de um termo de transferência de propriedade autoral quando da aceitação definitiva dos artigos. Desta forma, atendemos a uma necessidade legal de respeito à lei de propriedade intelectual, ao mesmo tempo que nos igualamos em procedimentos aos periódicos mais importantes do mundo. Salientamos ainda que, já a partir do próximo número, estaremos destacando a declaração de conflito de interesse por parte dos autores em consonância com a determinação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) e Conselho Federal de Medicina (CFM).

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License