SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.5 número3Ecoescleroterapia com microespuma em varizes tronculares primárias índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Jornal Vascular Brasileiro

versão impressa ISSN 1677-5449versão On-line ISSN 1677-7301

J. vasc. bras. v.5 n.3 Porto Alegre set. 2006

http://dx.doi.org/10.1590/S1677-54492006000300001 

EDITORIAIS

 

Brazilian Vascular Journal

 

 

Winston Bonetti YoshidaI; Airton Delduque FrankiniII

IEditor-Chefe do J Vasc Bras
IIPresidente da SBACV

 

 

O Jornal Vascular Brasileiro (J Vasc Bras) experimentou grande desenvolvimento ao longo do tempo e adquiriu credibilidade crescente entre os leitores, como fruto de um trabalho contínuo de aperfeiçoamento em suas sucessivas edições. Como coroamento desse trabalho perene de intransigência com a qualidade, o J Vasc Bras passou a ser indexado no SciELO a partir de janeiro de 2006. Ainda há muito por fazer para o seu crescimento. Estamos aguardando resposta de solicitação de auxílio financeiro em órgãos oficiais de fomento e temos como meta prioritária futura a indexação na MEDLINE. Assim, se essas iniciativas forem bem-sucedidas, de um lado teremos tranqüilidade adicional para com os custos financeiros da revista e, de outro, um indexador importante para atrair novos artigos e contribuições dos autores nacionais e internacionais.

Para divulgar a produção científica do J Vasc Bras junto à comunidade científica internacional, foi criado, na gestão anterior, paralelamente, o Brazilian Vascular Journal, que seria a edição em língua inglesa e impressa em papel do J Vasc Bras. Essa revista foi sempre composta pela junção de dois números sucessivos do J Vasc Bras, sendo contínua e gratuitamente distribuída para instituições universitárias, bibliotecas e pesquisadores renomados do exterior.

Entretanto, durante o processo de indexação no SciELO, foi levantada a questão de termos, na prática, duas revistas, sendo uma em português e outra em inglês, com o mesmo conteúdo, mas com números de registro diferentes. Isso criaria um impasse em termos de citação de nossos artigos pelos autores e, conseqüentemente, uma dificuldade de se computar o número de citações, que é o principal indicador do fator de impacto de uma publicação científica. O fator de impacto mede o número de citações de artigos da revista por diferentes autores, proporcionalmente ao número de artigos publicados. Assim, ao termos duas revistas, as citações ficariam diluídas entre ambas.

Essa questão foi levantada pelo presente editor na convenção da Sociedade Brasileira de Angiologia e de Cirurgia Vascular (SBACV), realizada em julho deste ano em São Paulo, e pareceu ser consensual que uma delas deveria ser extinta. Após discussões com editores e diretoria da SBACV, chegamos à conclusão de que o Braz Vasc J deveria ser excluído. As razões que determinaram essa escolha foram:

- O J Vasc Bras já tem edições em inglês, sendo acessível tanto em inglês como em português no SciELO (www.scielo.br) e também na página da revista na internet (www.jvascbr.com.br).

- As citações dos artigos através de acesso a essas fontes contabilizariam fator de impacto exclusivamente para o J Vasc Bras.

- Todo esforço de crescimento da revista ficaria concentrado em uma única publicação, a qual continuaria a ser divulgada no exterior, agora por meio de cartas, convidando as instituições, bibliotecas e pesquisadores a observarem o conteúdo de nossa produção nas páginas citadas. Além disso, haveria uma vantagem adicional ao leitor, que estaria com o texto no momento de sua edição e não precisaria aguardar 6 meses para acumular duas edições da revista, como ocorre na versão em papel do Braz Vasc J, desatualizando as referências.

Vale ressaltar que, de nenhuma maneira, tal decisão foi calcada em aspectos econômicos, pois já há muito tempo a gestão financeira da revista está equilibrada, não representando ônus para a SBACV, mesmo com a publicação em papel da versão em inglês. Foi simplesmente o aspecto técnico apontado o motivo dessa decisão.

Evidentemente que, mais do que esse aspecto levantado, o progresso da revista depende dos autores submeterem seus trabalhos para publicação. Nesse sentido, estamos avançando, mas precisamos de muito mais empenho dos colegas para continuar com pontualidade e qualidade editorial, requisitos fundamentais para mantermos o SciELO e para pleitearmos o MEDLINE. Os revisores da revista também precisam trabalhar com mais agilidade e necessitam publicar seus artigos no J Vasc Bras, demonstrando que acreditam no periódico oficial da SBACV. Com um grande aporte de artigos, a revista pode ser aprimorada continuamente e aprovada no MEDLINE. Essa indexação atrairá maior número de artigos nacionais e internacionais, fazendo um ciclo vicioso positivo, em que mais artigos publicados redundarão em mais citações e maior fator de impacto, fechando o ciclo.

Deve-se ressaltar que, mesmo sem ainda ter a indexação MEDLINE, temos recebido alguns artigos de autores estrangeiros, fato este que valoriza nossa revista. Com certeza, a indexação MEDLINE é a expectativa de todos os colegas da SBACV, mas, para tal, o trabalho de escrever e enviar artigos para o J Vasc Bras precisa ser incrementado. Não falta produção científica em nossa sociedade. Necessitamos apenas mudar um hábito cultural em nosso meio de só apresentar essa produção em congressos, restringindo a visibilidade do nosso trabalho. O melhor canal de divulgação dessa pesquisa é, na verdade, a nossa revista, pois será vista - e possivelmente citada -por um número muito grande de pesquisadores e especialistas do Brasil, América Latina e Espanha, atualmente o foco do SciELO.

Portanto, vamos contribuir para o desenvolvimento e crescimento do J Vasc Bras, enviando artigos e confiando em que as decisões que estão sendo tomadas são de caráter técnico e visam valorizar ainda mais o que, com muito esforço, foi construído.

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons