SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.30 número2O papel de Rhizoctonia spp. binucleadas na indução de resistência a mela da sojaCorrelações e repetibilidade em progênies de dendê índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

  • Português (pdf)
  • Artigo em XML
  • Como citar este artigo
  • SciELO Analytics
  • Curriculum ScienTI
  • Tradução automática

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Acta Scientiarum. Agronomy

versão On-line ISSN 1807-8621

Acta Sci., Agron. vol.30 no.2 Maringá abr./jun. 2008

https://doi.org/10.4025/actasciagron.v30i2.1726 

GENÉTICA E MELHORAMENTO GENETICS AND IMPROVEMENT

 

Análise da estabilidade e previsibilidade da qualidade fisiológica de sementes de soja produzidas em Cristalina, Goiás

 

Stability and predictability analyses of the physiological quality of soybean seeds produced in Cristalina, Goiás (Brazil)

 

 

Éder MatsuoI, *; Tuneo SediyamaI; Hélio Bandeira BarrosI; Cosme Damião CruzI; Mário do Carmo OdaI; Rita de Cássia TeixeiraII

IUniversidade Federal de Viçosa, Viçosa, Av. P.H. Rolfs, s/n, 36571-000, Viçosa, Minas Gerais, Brasil
IIBacuri Pesquisa e Melhoramento, Viçosa, Minas Gerais, Brasil

 

 


RESUMO

Avaliaram-se a estabilidade e a previsibilidade da qualidade fisiológica de sementes de 13 genótipos de soja [Glycine max (L.) Merrill], produzidas em três localidades do município de Cristalina, Estado de Goiás. Os ensaios de melhoramento foram conduzidos no campo no ano agrícola 2004/05. Os ensaios de avaliação da qualidade das sementes foram realizados nos laboratórios e casa-de-vegetação da Universidade Federal de Viçosa, instalados no delineamento inteiramente casualizado com quatro repetições. Foram realizados os testes de germinação em papel toalha, emergência em leito de areia, índice de velocidade de emergência e análises de estabilidade pelos métodos propostos por Lin e Binns (1988) e Annicchiarico (1992). As médias de porcentagem de germinação, emergência de plântulas e índice de velocidade de germinação foram comparadas pelo teste de Tukey, a 5% de probabilidade. Na avaliação da qualidade fisiológica de sementes, foi identificado, como melhor, o genótipo 7B1454170 e como pior, o genótipo 9B1459189. Os genótipos Emgopa 313, 7B1454170, 11B145341 e DM339 foram classificados como de alta estabilidade para qualidade fisiológica, e os genótipos 3B1346193 e 9B1459189 classificaram-se como de baixa previsibilidade. Os métodos de estimação utilizados foram eficazes, coerentes entre si e permitiram identificar, entre os genótipos avaliados, os de maior estabilidade e previsibilidade.

Palavras-chave: Glycine max, manejo.


ABSTRACT

The physiological quality stability and predictability of seeds from 13 soybean genotypes [Glycine max (L.) Merrill] were analyzed. They were produced at three different locations in the town of Cristalina, Goiás. The field improvement trials were held in the agricultural year of 2004/05. The seed quality evaluation studies took place in the laboratories and in the greenhouse of the Federal University of Viçosa, in a completely randomized design with four repetitions. Germination in paper towels, emergence in sand bed, index of emergence speed and stability analyses were tested through the methods proposed by Lin and Binns (1988) and Annicchiarico (1992). The germination percentage averages, the emergence of plants and the emergence speed index were compared through Tukey's test at 5% probability. In the evaluation of the seeds' physiological quality, genotype 7B1454170 was identified as the best, and genotype 9B1459189 as the worst. The genotypes Emgopa 313, 7B1454170, 11B145341 and DM339 were classified as offering high stability in physiological quality, and genotypes 3B1346193 and 9B1459189 offered low predictability. The estimation methods used were efficient, coherent among them and allowed the identification, among the evaluated genotypes, of the ones that offered greater stability and predictability.

Key words: Glycine max, management.


 

 

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text available only in PDF format.

 

 

 

Agradecimentos

Ao CNPq, pelo apoio financeiro.

 

Referências

ANNICCHIARICO, P. Cultivar adaptation and recommendation from alfalfa trials in Northern Italy. J. Genet. Breed., Rome, v. 46, n. 1, p. 269-278, 1992.         [ Links ]

BRASIL. Ministério da Agricultura e Reforma Agrária. Regras para análise de sementes. Brasília: SNAD/DNDV/CLAV, 1992.         [ Links ]

CABALLERO AGUERO, P.J. Relação entre o conteúdo de lignina no tegumento da semente de soja e sua relação ao dano mecânico. 1994. Dissertação (Mestrado em Agronomia)-Universidade Estadual de Londrina, Londrina, 1994.         [ Links ]

CARBONELL, S.A. et al. Avaliação do "teste de quebra" para seleção de genótipos de soja com semente resistente ao dano mecânico. Rev. Bras. Sementes, Brasília, v. 14, n. 2, p. 215-219, 1992.         [ Links ]

CARBONELL, S.A.; KRZYZANOWSKI, F.C. The pendulum test for screening soybean genotypes for seed resistant to mechanical damage. Seed Sci. Technol., Zurich, v. 23, n. 2, p. 331-339, 1995.         [ Links ]

COSTA, A.V. Retardamento da colheita após a maturação e seu efeito sobre a qualidade da semente e emergência de plântulas em 18 cultivares e linhagens de soja. In: SEMINÁRIO NACIONAL DE PESQUISA DE SOJA, 1., 1978, Londrina. Anais... Londrina: Embrapa-CNPSo, 1979. v. 2, p. 293-308.         [ Links ]

COSTA, A.V. et al. Alguns fatores que afetam a qualidade fisiológica da semente de soja. Goiânia: Emgopa, 1987.         [ Links ]

COSTA, N.P. et al. Efeito da colheita da soja nas características físicas, fisiológicas e químicas das sementes em três Estados brasileiros. Rev. Bras. Sementes, Brasília, DF, v. 23, n. 1, p. 140-145, 2001.         [ Links ]

CRUZ, C.D.; CARNEIRO, P.C.S. Modelos biométricos aplicados ao melhoramento genético. Viçosa: UFV, 2003. v. 2.         [ Links ]

CRUZ, C.D.; REGAZZI, A.J. Modelos biométricos aplicados ao melhoramento genético. 2. ed. Viçosa: UFV, 1997.         [ Links ]

DELOUCHE, J.C. Environmental effects on seed development and seed quality. Hortscience, Alexandria, v. 15, n. 6, p. 775-780, 1980.         [ Links ]

FEHR, W.R.; CAVINESS, C.E. Stages of soybean development. Iowa: Iowa State University of Science and Technology, 1977. (Special Report, 80).         [ Links ]

FERREIRA, E.V. Panorama da indústria de sementes no Brasil. Brasília: Anuário Abrasem, 1993. p. 4.         [ Links ]

LIN, C.S. et al. Stability analysis: where do we stand? Crop Sci., Madison, v. 26, p. 894-900, 1986.         [ Links ]

LIN, C.S.; BINNS, M.R. A superiority measure of cultivar performance for cultivars x location data. Can. J. Plant Sci., Pinawa, v. 68, n. 1, p. 193-198, 1988.         [ Links ]

MAGUIRE, J.D. Speed of germination-aid in selection and evaluation for seedling emergence and vigor. Crop Sci. Madison, v. 2, n. 2, p. 176-177, 1962.         [ Links ]

MESQUITA, C.M. et al. Colheita mecânica da soja: avaliação das perdas e da qualidade física do grão. Eng. Agric., Jaboticabal, v. 18, n. 3, p. 44-53, 1999.         [ Links ]

PASCHAL II, E.H.; ELLIS, M.A. Variation in seed quality characteristics of tropically grow soybeans. Crop Sci., Madison, v. 18, n. 5, p. 837-840, 1978.         [ Links ]

PELUZIO, J.M. et al. Qualidade fisiológica de sementes de soja em diferentes épocas de colheita no sul do Estado do Tocantins. Rev. Ceres, Viçosa, v. 50, n. 289, p. 347-355, 2003.         [ Links ]

SANTOS, M.R. et al. Qualidade fisiológica e sanitária de sementes de genótipos de soja colhidas em três regiões de Minas Gerais. Rev. Bras. Sementes, Brasília, v. 22, n.2, p. 62-71, 2000.         [ Links ]

SEDIYAMA, C.S. Influência do retardamento da colheita de soja sobre a deiscência das vagens, qualidade e poder germinativo das sementes. 1972. Dissertação (Mestrado em Fitotecnia)-Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 1972.         [ Links ]

SEVERO, J.L.; LIN, S.S. Efeito do período de colheita no vigor e fitossanidade das sementes de soja [Glycine max (L.) Merrill]. Agronomia Sulriograndense, Porto Alegre, v. 17, n. 2, p. 257-271, 1981.         [ Links ]

 

 

Received on November 07, 2006.
Accepted on July 18, 2007.

 

 

* Autor para correspondência. E-mail: matsuoeder@yahoo.com.br

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons