SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.9 número2PRODUTIVIDADE E CUSTOS DO PROCESSADOR TRABALHANDO EM POVOAMENTOS DE Eucalyptus grandis Hill ex MaidenENRAIZAMENTO DE ESTACAS DE DIFERENTES DIÂMETROS EM Platanus acerifolia (Aiton) Willdenow índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Ciência Florestal

versão impressa ISSN 0103-9954versão On-line ISSN 1980-5098

Ciênc. Florest. vol.9 no.2 Santa Maria jul./dez. 1999

https://doi.org/10.5902/19805098389 

Artigos

CRESCIMENTO DE MUDAS DE Eucalyptus globulus EM RESPOSTA À FERTILIZAÇÃO NPK

GROWTH OF Eucalyptus globulus SEEDLINGS IN RESPONSE TO NPK FERTILIZATION

Raul Vicente Pezzutti1 

Mauro Valdir Schumacher2 

Juarez Martins Hoppe3 

1. Engenheiro Florestal, M.Sc. pelo Programa de Pós-Graduação em Engenharia Florestal, Centro de Ciências Rurais, Universidade Federal de Santa Maria, CEP: 97105-900, Santa Maria. (RS). Brazil.

2. Engenheiro Florestal, Dr. nat. techn., Professor Adjunto do Departamento de Ciências Florestais, Centro de Ciências Rurais, Universidade Federal de Santa Maria, CEP: 97105-900, Santa Maria. (RS). Brazil.

3. Engenheiro Florestal, M.Sc., Professor Adjunto do Departamento de Ciências Florestais, Centro de Ciências Rurais, Universidade Federal de Santa Maria, CEP: 97105-900, Santa Maria. (RS). Brazil.


RESUMO

O presente trabalho teve como objetivo avaliar o crescimento de mudas de Eucalyptus globulus subsp. maidenii em resposta a diferentes doses de NPK, originadas da combinação de fertilizantes de liberação rápida e lenta. O estudo foi realizado em casa de vegetação climatizada, localizada no Centro Tecnológico de Silvicultura, pertencente ao Departamento de Ciências Floretais da Universidade Federal de Santa Maria-RS, no perído de setembro a dezembro de 1997. As plantas foram cultivadas em substrato à base de uma composto orgânico de casca de Pinus spp.. O delineamento utilizado foi o inteiramente casualizado, constando de 4 tratamentos, constituídos de doses de fósforo (superfostato simples (0-18-0)) e de um fertilizante de liberação lenta N-P-K (1414-14) denominado Osmocote, sendo derivado de nitrato de amônio, fosfato de amônio, fosfato de cálcio e sulfato de potássio. Os tratamentos, resultantes da combinação de 60% de superfostato simples e 40% de osmocote foram 0,0; 2,5; 5,0 e 7,5 Kg m-3 de substrato. Para cada tratamento foram usadas 4 repetições, sendo cada uma composta de 11 plantas. Ao final de 100 dias, foram avaliados a altura, o diâmetro do colo, a massa seca da parte aérea, a massa seca do sistema radicular e o número de folhas. Pelos resultados obtidos verificou-se que o crescimento das plantas de Eucalyptus globulus subsp. maidenii, respondeu positivamente à fertilização NPK [60% Super Simples (0-18-0) + 40% fertilizante de liberação lenta (14-14-14)]. Quando não foi aplicado fertilizante as mudas apresentaram um menor crescimento enquanto que os máximos crescimentos em altura, diâmetro do colo, massa seca da parte aérea, massa seca radicular e número de folhas foram obtidos no intervalo de doses de 6,7 a 7,5 Kg m-3 de substrato.

Palavras-chave: Eucalyptus maidenii; fertilização; mudas; composto de casca de pinus

ABSTRACT

The present study has had as its objectives to evaluate the seedlings of Eucalyptus globulus subspecies maidenii, in response to different NPK originated from the combination of slow release and quick release fertilizers. The study was conducted in a climatized green house at a the Technological Center of Forestry, in the Forest Department of the Federal University of Santa Maria-RS, from September to December of 1997. The plants were cultivated in a compost of pine bark substrate, in a completely randomized design, consisting of 4 treatments which consisted of Phosphorus dosages (60% of Super Simple (0-18-0)) and a slow release NPK fertilizer (14-14-14), known as Osmocote, which derived from ammonium nitrate, ammonium phosphate, calcium phosphate and potassium sulfate. The treatments, resulting from the combination of 60% super simple and 40% osmocote were 0,0; 2,5; 5,0 and 7,5 Kg m-3 of substrate. There were 4 repetitions of 11 plants for each treatment. After 100 days the height, collar diameter, above-ground dry matter, root dry matter and number of leaves were evaluated. The results indicate that the E. globulus subsp. maidenii seedlings growth responded positively to NPK fertilization [60% of Super Simple (0-180)+40% of slow release fertilizer (14-14-14)]; when the fertilizer was not applied the seedlings did not grow as much while the maximum increment in height, collar diameter, above-ground dry matter, root dry matter and number of leaves were obtained in the dosage range of 6,7 Kg m-3 to 7,5 Kg m-3 of substrate.

Key words: Eucalyptus maidenii; fertilization; seedlings; pine bark compost

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text available only in PDF format.

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

BELLÉ, S. Uso de turfa "Lagoa dos Patos" (Viamão/RS) como substrato hortícola. 1990. 143 p. Dissertação (Mestrado Fitotecnia) - Faculdade de Agronomia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 1990. [ Links ]

CAMPINHOS JR., E.; IKEMORI, Y. K. Nova técnica para produção de mudas de essências florestais. Revista IPEF, Piracicaba, n. 23, p. 47-52, 1983. [ Links ]

CARNEIRO, J. G. A. de. Produção e controle de qualidade de mudas florestais. Curitiba: UFPR/FUPEF, 1995. 451 p. [ Links ]

COMISSÃO DE FERTILIDADE DO SOLO - RS/SC. Recomendações de adubação e de calagem para os estados de Rio Grande do Sul e de Santa Catarina. 3. ed. Santa Maria: SBCS - Núcleo Regional Sul, 1997. 224 p. [ Links ]

ELDRIDGE, K. et al. Eucalypt domestication and breeding. Oxford: Clarendon, 1993. 288 p. [ Links ]

FERMINIO, M. H. Aproveitamento de resíduos industrias e agrícolas como alternativas de substratos hortícolas. 1996. 90 p. Dissertação (Mestrado Fitotecnia) - Faculdade de Agronomia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 1996. [ Links ]

FERREIRA, M. G. R. Crescimento de mudas de Eucalyptus grandis Hill ex Maiden, em resposta a tamanhos de embalagem, substratos e fertilização NPK. 1994. 44 p. Dissertação (Mestrado Ciência Florestal) - Universidade Federal de Viçosa, 1994. [ Links ]

GOMES, J. M., BARROS, N. F. de, NEVES, J. C. L. Métodos de aplicação de adubo em diferentes solos para produção de mudas de Eucalyptus grandis W. Hill ex Maiden. Revista árvore, Viçosa, v. 6, n. 1, p. 52-63, 1982. [ Links ]

GONÇALVES, J. L. M. de. Produção de mudas de Eucalipto e Pinus usando o sistema de tubetes. In: JORNADAS FORESTALES DE ENTRE RÍOS, 10., 1995, Concordia. Anais ... Concordia: [s.n.], 1995. p. 1 - 4. [ Links ]

NEVES, J. N. C. L., GOMES, J. M., NOVAIS, R. F. Fertilização mineral de mudas de Eucalipto. In: BARROS, N. F. de., NOVAIS, R. F. de. Relação solo - Eucalipto. 1990, Cap. 3., p. 99-126. Viçosa: 330 p. [ Links ]

RAIJ, B.V. Fertilidade do solo e adubação. Piracicaba: Ceres, Potafos, 1991. 343 p. [ Links ]

RIVADENEIRA, R. M. Em busca del substrato ideal. Chile Florestal., Santiago de Chile, p. 34-36, 1995. [ Links ]

STORCK, L., SIDINEI, J. L. Experimentação II. Santa Maria: UFSM/CCR/Departamento de Fitotecnia, 1997. 197 p. [ Links ]

TEDESCO, M. J., VOLKWEISS, S. J., BOHEN, H. Análises de solo, plantas e outros materais. 2. ed. rev. atual. Porto Alegre: UFRGS/Departamento de solos, 1995. 174 p. (Boletim técnico). [ Links ]

Creative Commons License Este é um artigo publicado em acesso aberto sob uma licença Creative Commons