SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.19 issue3TIME SERIES ANALYSIS OF THE BEHAVIOR OF NATURAL RUBBER PRICES IN THE INTERNATIONAL MARKETMARKET OF NON-WOOD FOREST PRODUCTS FROM BRAZILIAN SAVANNA author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Ciência Florestal

Print version ISSN 0103-9954On-line version ISSN 1980-5098

Ciênc. Florest. vol.19 no.3 Santa Maria July-Sept. 2009

https://doi.org/10.5902/19805098886 

Artigo

INCREMENTO VOLUMÉTRICO DE Nectandra megapotamica (Spreng.) Mez EM FLORESTA OMBRÓFILA MISTA

VOLUME INCREMENT OF Nectandra megapotamica (Spreng.) MEZ ON A MIXED RAIN FOREST

Luis Henrique da Silva Souza1 

César Augusto Guimarães Finger2 

Paulo Renato Schneider3 

1 Engenheiro Florestal, MSc. pelo Programa de Pós-Graduação em Engenharia Florestal, Centro de Ciências Rurais, Universidade Federal de Santa Maria, Av. Roraima, 1000, CEP 97105-900, Santa Maria (RS).

2 Engenheiro Florestal, Dr., Professor Associado do Departamento de Ciências Florestais, Centro de Ciências Rurais, Universidade Federal de Santa Maria, Av. Roraima, 1000, CEP 97105-900, Santa Maria (RS). finger@smail.ufsm.br

3 Engenheiro Florestal, Dr., Professor Titular do Departamento de Ciências Florestais, Centro de Ciências Rurais, Universidade Federal de Santa Maria, Av. Roraima, 1000, CEP 97105-900, Santa Maria (RS). paulors@smail.ufsm.br


RESUMO

O crescimento de árvores dominantes de Nectandra megapotamica (Spreng.) Mez, amostradas em Floresta Ombrófila Mista, no município de Nova Prata, RS foi reconstruído com base em dados obtidos com a técnica da dendrocronologia. O crescimento volumétrico expresso pelo incremento percentual foi modelado para cada árvore por iv% = (b + b1.ln d)2, e a seguir comparadas por análise de covariância, permitindo classifica-las em 3 grupos distintos quanto a inclinação do modelo (b1) e intercepto (b) das linhas de regressão. Os coeficientes de inclinação e intercepto foram modelados como função da variável altura - diâmetro (h/d), incremento diamétrico medido sobre rolo de incremento nos últimos 5cm (id5) amostrado ao nível do diâmetro a altura do peito(d), exposição do terreno (EXPOS), índice de competição BAL corrigido (BALcor), e comprimento da copa exposta a luz (Lc), pelas equações b1 = 0,41739 + 4,16179.id5 - 6,29332.h/d + 0,37823.EXPOS - 0,11519Ir + 5,80419.BALcor - 0,06858.Lc, com coeficiente de determinação ajustado igual a 0,9979 e erro padrão em percentagem da média de - 1,73%, e b = 2,62466 - 13,37024.id5 + 22,08329.h/d - 1,33161.EXPOS + 0,34689.Ir -23,88899.BALcor + 0,25692.Lc, com coeficiente de determinação ajustado de 0,9907 e erro-padrão em percentagem da média igual a 2,71%.

Palavras-chave: Canela-preta; crescimento; dendrocronologia

ABSTRACT

In this work, it is studied the growth of Nectandra megapotamica (Spreng.) Mez species through a sampler compounded by eleven dominant trees selected from a rainforest in Nova Prata, Rio Grande do Sul. The mathematical model which better represents the growth trend in percentage volume was described as iv%=(b0+b1.ln d)2, fitting individually per tree, being possible to describe the variations of slope (b1) and intercept (b0) coefficients between trees with the relation height - diameter (h/d), diameter increment measured on the last 5 cm on bore increment (id5) sampled on diameter breast height (d), exposition (EXPOS), corrected Basal Area Large (BALcor) and crown length exposed to sunlight (Lc), considering the following expressions: b1= 0,41739 + 4,16179.id5 - 6,29332.h/d + 0,37823.EXPOS - 0,11519Ir + 5,80419.BALcor - 0,06858.Lc, with determination coefficient equal to 0,9979 and standard error in percentage of the mean of -1,73%, and b0= 2,62466 -13,37024.id5 + 22,08329.h/d - 1,33161.EXPOS + 0,34689.Ir -23,88899.BALcor + 0,25692.L, with determination coefficient fitting on 0,9907 and standard error in percentage of the mean of 2,71%.

Keywords: Nectandra megapotamica; canela preta; growth; dendrocronology

Texto completo disponível apenas em PDF.

Full text available only in PDF format.

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

DAVIS, L. S.; JOHNSON, K. N. Forest management. 3. ed. Mc-Graw-Hill, 1986. 790p. [ Links ]

DELLA-FLORA, J. B. Modelos de crescimento para árvores singulares - Nectandra magapotamica (Spreng) Mez. e Ocotea puberula Ness. 2001. 60f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria. [ Links ]

ESBER, L. M. Crescimento de Cedrela fissilis (Vellozo) Mart. como subsídio para o manejo sustentado de florestas nativas no Estado do Rio Grande do Sul. 2003. 68f Dissertação (Mestrado em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria. [ Links ]

FINGER, C.A.G. Fundamentos de biometria florestal. Santa Maria: UFSM/CEPEF/FATEC, 1992. 269p. [ Links ]

FINGER, C. A. G. et al. Crescimento diamétrico do Pau-Ferro (Astronium balansae) em reflorestamento no município de São Sepé, RS. Ciência Florestal, Santa Maria, v. 6, n.1, p. 101-108, 1996. [ Links ]

KIVISTE, A. et al. Funciones de crecimiento de aplicación en el Ámbito Forestal. Madrid: Instituto Nacional de Investigación y Tecnología Agraria y Alimentar. 2002. 190p. [ Links ]

MORENO, J. A. Clima do Rio Grande do Sul. Porto Alegre: Secretaria da Agricultura, 1961. 42p. [ Links ]

SCHNEIDER, P. R.; FINGER, C. A. G. Manejo sustentado de florestas inequiâneas heterogêneas. Santa Maria: Imprensa Universitária/UFSM, 2000. 195p. [ Links ]

STRECK, E.V. et al. Solos do Rio Grande do Sul. Porto Alegre: EMATER/RS; UFRGS, 2002. 126p. [ Links ]

SCHNEIDER, P. S.; SCHNEIDER, P.R.; FINGER, C.A. Crescimento do ipê-roxo, Tabebuia impetiginosa Martius ex A. P. de Candolle, na Depressão Central do Estado do Rio Grande do Sul. Ciência Florestal , v.10, n.2, p.1-15, 2000. [ Links ]

SPATHELF, P. et al. Análise dendroecológica de Ocotea pulchella Nest et Mart. Ex Nees (Canela - lageana) na Serra Geral de Santa Maria, RS, Brasil. Ciência Florestal , v. 10, n. 1, p. 95-108, 2000. [ Links ]

TONINI, H.; FINGER, C.A.G.; SCHNEIDER, P. R. O crescimento de Nectandra megapotamica Mez., em floresta nativa na Depressão Central do Estado do Rio Grande do Sul. Ciência Rural, v. 33, n. 1, p. 85-90, 2003. [ Links ]

Recebido: 26 de Outubro de 2005; Aceito: 28 de Junho de 2009

Creative Commons License Este é um artigo publicado em acesso aberto sob uma licença Creative Commons