SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.67Hipnose no controle da dor e da ansiedade em Odontopediatria: uma revisão de literaturaExérese de adenocarcinoma polimorfo em maxila esquerda com reconstrução a base de retalho mucocutâneo índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


RGO - Revista Gaúcha de Odontologia

versão impressa ISSN 1981-8637versão On-line ISSN 1981-8637

RGO, Rev. Gaúch. Odontol. vol.67  Campinas  2019  Epub 23-Maio-2019

http://dx.doi.org/10.1590/1981-8637201920190047 

COMUNICAÇÃO

A altmetria na mensuração da Ciência em mídias sociais

César Antonio PEREIRA1 
http://orcid.org/0000-0001-7620-7874

1Pontifícia Universidade Católica de Campinas - PUC Campinas, Programa de Pós-Graduação em Linguagens, Mídia e Arte. Rod. D. Pedro I, km 136, Pq. das Universidades, 13086-900, Campinas, SP, Brasil.

A adaptação dos meios de comunicação tradicionais aos novos suportes digitais e sua interface, tem contribuído a uma paulatina transformação dos próprios meios e suas audiências. Mediante novos desenhos, recursos e suportes, verifica-se complementariedade entre as formas de distribuição e consumo de mensagens e informações. De outra forma, o modo de disponibilização e recepção da informação, além da forma como a comunicação exerce sua função foi totalmente alterada. Os meios de comunicação convencionais têm encontrado na Internet e nas redes sociais um aliado natural.

No âmbito da ciência, as mídias sociais são cada vez mais utilizadas por pesquisadores e instituições no compartilhamento de suas pesquisas. A intensidade do uso das mídias sociais em pesquisa possibilita não somente a rápida conexão entre pesquisadores, mas também dinamiza as relações entre eles nos mais variados campos do conhecimento. Permite ainda, a troca de experiências e difusão dos trabalhos científicos [1].

Aos canais de comunicação, como os periódicos, é permitida a divulgação científica dos artigos publicados de forma personalizada, direta com interessados e demais pesquisadores. A divulgação de artigos em mídias sociais possibilita aos pesquisadores, o acesso direto aos estudos, facilidade na leitura, mobilidade nos formatos de acesso e gerenciamento dos arquivos bibliográficos. Estabelece-se um formato dinâmico de comunicação entre a ciência e a sociedade, acentuando a importância do uso das mídias sociais na visibilidade da ciência praticada.

Outrossim, observa-se uso de mídias sociais como suporte metodológico para compreensão de variados fenômenos científicos nos campos do conhecimento. Na Odontologia, os estudos sobre redes sociais já tomam proporções quantitativas significativas. Nos últimos anos, houve crescimento exponencial do número de trabalhos publicados sobre a temática. A Odontologia vê-se envolvida sobre os impactos e interferências desses estudos, sobremaneira, nas perspectivas educacional e profissional e na compreensão dos modelos de mediação da informação por meio de plataformas de colaboração social. Evidencia-se, portanto, atenção aos formatos de uso, comportamento e usuários de informação visando o aperfeiçoamento dos modelos de gestão educacional e de prática profissional, melhoria de negócios, produtos e serviços odontológicos [2].

O reconhecimento do papel das mídias sociais, assim como os nuances de suas aplicações e representações nos contextos de produção, representação e divulgação da informação científica, assume relevância no contexto contemporâneo. À luz dessa importância, torna-se vital a mensuração do impacto dessa visibilidade midiática.

Para tanto, foram desenvolvidos métodos e ferramentas que coletam informações sobre artigos e autores em redes sociais, como a Altmetria. A altmetria, termo cunhado por Priem et al. [3], refere-se à métrica alternativa de estudos de indicadores baseados na Web 2.0, com a finalidade de analisar a atividade científica e acadêmica, explorando as propriedades das medições baseadas em mídias sociais. Basicamente, a altmetria mede o índice de citação de determinada pesquisa em mídias sociais, permitindo a verificação da visibilidade do autor e da própria pesquisa, ou seja, o estado da arte da atividade científica praticada [1]. De acordo com Vanti & Sanz-Casaco [4], tem por objetivo contar as menções e compartilhamento dos links dos artigos nas mídias sociais, ou seja, indo além das contagens das citações por meios formais, sendo aplicada para a compreensão do impacto das mídias na sociedade e o impacto das publicações e distribuição geográfica das mesmas. É um método que auxilia, junto com outras métricas, na compreensão da disseminação da informação e da comunicação científica.

O uso de medidas altmétricas podem captar a influência das publicações acadêmicas em uma seção mais ampla e diferente de seus leitores do que as contagens de citações, que refletem apenas o comportamento dos autores de publicações. As medidas altmétricas derivadas da mídia social são cada vez mais defendidas e usadas como indicadores precoces do impacto e utilidade do artigo. Nas ciências médicas e biológicas, há fortes evidências da associação do aumento de citações em artigos científicos com o aumento da visibilidade desses artigos em mídias sociais [5].

No âmbito da odontologia, recentes estudos já indicam a importância e efetividade do uso de indicadores altmétricos para a área [6-8]. Basicamente, é possibilitado a medição da atenção online em torno de artigos de periódicos [5].

A aplicação da altmetria permite não somente a identificação e compreensão da popularidade, interesse de leitura, acesso, suporte e estrutura de consumo da informação científica nas mídias sociais. Mais ainda, possibilita a compreensão da visibilidade científica não mensurada em indicadores de ciência e tecnologia tradicionais. Entende-se, portanto, como importante recurso contemporâneo para a democratização da ciência.

Como citar este artigo

Pereira CA. A altmetria na mensuração da Ciência em mídias sociais. RGO, Rev Gaúch Odontol. 2019;67:e20190020. http://dx.doi.org/10.1590/1981-8637201920190047

REFERENCES

1 Haustein S. Grand challenges in altmetrics: heterogeneity, data quality and dependencies. Scientometrics. 2016;108(1):413-423. https://doi.org/10.1007/s11192-016-1910-9 [ Links ]

2 Pereira CA. Dentistry and the social media. RGO, Rev Gaúch Odontol. 2017;65(3):229-236. http://dx.doi.org/10.1590/1981-863720170002000073487 [ Links ]

3 Priem J, Taraborelli D, Groth P, Neylon C. Altmetrics: a manifesto. 2010 [online[ [ citado 2019 Fev 10]. Disponível em: <http://altmetrics.org/manifesto>. [ Links ]

4 Vanti N, Sanz-Casado E. Altmetria: a métrica social a serviço de uma ciência mais democrática. Transinformação. 2016;28(3):349-358. http://dx.doi.org/10.1590/2318-08892016000300009. [ Links ]

5 Kolahi J, Khazaei S. Altmetric: Top 50 dental articles in 2014. Br Dent J. 2016;220(11):569-74. http://dx.doi.org/10.1038/sj.bdj.2016.411 [ Links ]

6 Kolahi J, Khazaei S. Altmetric analysis of contemporary dental literature. Br Dent J. 2018;225(1):68-72. http://dx.doi.org/10.1038/sj.bdj.2018.521 [ Links ]

7 Kolahi J, Iranmanesh P, Khazaei S. Altmetric analysis of 2015 dental literature: a cross sectional survey. Br Dent J. 2017;222(9):695-699. http://dx.doi.org/10.1038/sj.bdj.2017.408 [ Links ]

8 Livas C, Delli K. Looking beyond traditional metrics in orthodontics: an altmetric study on the most discussed articles on the web. Eur J Orthod. 2018;40(2):193-199. http://dx.doi.org/10.1093/ejo/cjx050 [ Links ]

Recebido: 25 de Março de 2019; Revisado: 04 de Abril de 2019; Aceito: 07 de Maio de 2019

Correspondência para / Correspondence to: CA PEREIRA. E-mail: <cesarpereira@puc-campinas.edu.br>

Creative Commons License Este é um artigo publicado em acesso aberto (Open Access) sob a licença Creative Commons Attribution, que permite uso, distribuição e reprodução em qualquer meio, sem restrições desde que o trabalho original seja corretamente citado.