SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.23 issue5Jaws can be referred to as narrow or hypoplastic, but the term “atresia” is inaccurate! author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Dental Press Journal of Orthodontics

Print version ISSN 2176-9451On-line version ISSN 2177-6709

Dental Press J. Orthod. vol.23 no.5 Maringá Sept./Oct. 2018

https://doi.org/10.1590/2177-6709.23.5.014-015.edt 

Editorial

Mudar para transformar

Flávia Artese1 

1Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Departamento de Odontologia Preventiva e Comunitária (Rio de Janeiro/RJ, Brasil).


Nos últimos anos, os índices bibliométricos do DPJO vêm crescendo exponencialmente1, fruto do trabalho da equipe editorial, assim como da organização no cronograma de publicação. Para agilizar esse processo, uma das adequações atuais foi a criação da sessão On-line Article: na versão impressa do DPJO, encontramos o abstract de dois artigos que se apresentam na íntegra na versão digital. No presente número, um desses artigos é intitulado “Conhecimento e conscientização da saúde periodontal entre indivíduos com aparelho fixo”, de autoria de um grupo de pesquisadores da Jordânia. Eles avaliaram 297 pacientes por meio de questionário autoaplicável e concluíram que apenas 8% têm conhecimento do que é a placa bacteriana. E, mais ainda, observaram que a duração do tratamento afetou negativamente a atitude dos pacientes com relação à conscientização quanto à saúde periodontal.

Em 2013, o DPJO se tornou a revista oficial do Board Brasileiro de Ortodontia e passou a incluir em seus números um relato de caso apresentado por um diplomado para obter sua certificação. Desde o início deste ano, esses relatos de caso foram enriquecidos com uma revisão de literatura mais ampla e maior discussão sobre os principais pontos do caso. Na presente edição, discute-se a necessidade das extrações dentárias na Ortodontia, quando bem indicadas, e apresenta-se um caso com extrações de segundos pré-molares para dissolução do apinhamento - porém, sem retração dos incisivos e, portanto, com manutenção do perfil facial. Primou-se não apenas pela melhora estética, mas também pela adequação funcional, que pode ser apreciada no acompanhamento aos cinco anos pós-tratamento.

Ao reunir essas duas informações - a desmotivação dos pacientes com a higiene bucal em tratamentos longos e o receio das extrações dentárias -, faço um paralelo com a realidade da Ortodontia brasileira. Não raro, nos deparamos com retratamentos de pacientes que sofreram longos tratamentos prévios, devido a diagnósticos absolutamente inadequados. Lidar com um paciente desgastado e oferecer a ele a possibilidade de reiniciar, por vezes com extrações de dentes, não é tarefa fácil. Exige transmitir um alto grau de confiabilidade, e não há espaço para deslizes.

Desconheço o número de retratamentos ortodônticos no Brasil, mas sabemos das nossas disparidades no ensino e no preparo de nossos profissionais. Além disso, vivemos um fenômeno muito semelhante ao que acontece em outros países, com o crescimento do atendimento de massa em clínicas corporativas, diminuindo o caráter individualizado do cuidado com os pacientes.

Esse cenário que demanda confiabilidade não é exclusividade nossa, e foi muito bem descrito por Jorgensen em um editorial para o AJO-DO,2 a respeito das mudanças implementadas no American Board of Orthodontics. A Ortodontia brasileira tem o orgulho de possuir o Board Brasileiro de Ortodontia, um órgão que tem como objetivo maior promover o aperfeiçoamento profissional e valorizar a excelência do exercício profissional. A certificação de um profissional pode representar muito mais do que uma mudança na sua carreira. De forma coletiva, isso pode ter um importante impacto na sociedade, na intenção de melhorar o atendimento clínico, assim como elevar o nível de confiabilidade na nossa especialidade3.

Afinal, segundo Platão, para tentar mover o mundo, o primeiro passo é mover a si mesmo.

Boa leitura!

Flavia Artese - editora-chefe (flaviaartese@gmail.com)

REFERENCES

1 Normando D. Dental Press Journal of Orthodontics: One year later, and more growth. Dental Press J Orthod. 2017 July-Aug;22(4):9-10. [ Links ]

2 Jorgensen G. Rethinking American Board of Orthodontics certification: A paradigm shift. Am J Orthod Dentofacial Orthop. 2017 Jan;151(1):1-2. [ Links ]

3 Castelein PT, DeLeon E Jr, Dugoni SA, Chung CH, Tadlock LP, Barone ND, et al. Certification renewal process of the American Board of Orthodontics. Am J Orthod Dentofacial Orthop. 2015 May;147(5 Suppl):S232-3. [ Links ]

Creative Commons License This is an open-access article distributed under the terms of the Creative Commons Attribution License