SciELO - Scientific Electronic Library Online

SciELO - Scientific Electronic Library Online

Article References

ALVIM, Neide Aparecida Titonelli; FERREIRA, Márcia de Assunção; CABRAL, Ivone Evangelista  and  ALMEIDA FILHO, Antonio José de. The use of medicinal plants as a therapeutical resource: from the influences of the professional formation to the ethical and legal implications of its applicability as an extension of nursing care practice. Rev. Latino-Am. Enfermagem [online]. 2006, vol.14, n.3, pp. 316-323. ISSN 0104-1169.  http://dx.doi.org/10.1590/S0104-11692006000300003.

    1. Capra F. O ponto de mutação. São Paulo (SP): Cultrix; 1993. [ Links ]

    2. Singer P, Campos O, Oliveira EM. Prevenir e curar. O controle social através dos serviços de saúde. 3rd ed. Rio de Janeiro (RJ): Forense Universitária; 1988. [ Links ]

    3. Alvim NAT. Práticas e saberes das enfermeiras sobre o uso de plantas medicinais na vida das enfermeiras: uma construção em espiral. [dissertação]. Rio de Janeiro (RJ): Escola de Enfermagem Anna Nery/UFRJ; 1999. [ Links ]

    4. Cabral IE. O método criativo-sensível: alternativa de pesquisa na enfermagem. In: Gauthier JHM, Cabral IE, Santos I, Tavares CMM, organizadores. Pesquisa em enfermagem: novas metodologias aplicadas. Rio de Janeiro (RJ): Guanabara Koogan; 1999. p. 177-203. [ Links ]

    5. Valla VV. A construção desigual do conhecimento e o controle social dos serviços públicos de educação e saúde. In: Valla VV, Stotz EM, organizadores. Participação popular, educação e saúde: teoria e prática. Rio de Janeiro (RJ): Relume-Dumará; 1993. p. 95-96. [ Links ]

    6. Morin E. Ciência com consciência. 2ª ed. Rio de Janeiro (RJ): Bertrand Brasil; 1998. p.132-33. [ Links ]

    7. Conselho Federal de Enfermagem (BR). Código de ética dos profissionais de enfermagem. Brasília (DF): COFEn; 1993. p.9-10. [ Links ]

    8. Matos FJA. Farmácias vivas. Sistema de utilização de plantas medicinais projetado para pequenas comunidades. 2ª ed. Fortaleza (CE): Universidade Federal do Ceará; 1994. [ Links ]

    9. Martins ER. Plantas medicinais. Viçosa (MG): Universidade Federal de Viçosa; 1994. [ Links ]

    10. Machado ACC. A fitoterapia como uma necessidade do cliente. Uma perspectiva de assistência de enfermagem. [tese]. Rio de Janeiro (RJ): Escola de Enfermagem Alfredo Pinto/UNI-RIO; 1996. [ Links ]

    11. Medeiros LCM. As plantas medicinais e a enfermagem - a arte de assistir de curar, de cuidar e de transformar os saberes. [dissertação]. Rio de Janeiro (RJ): Escola de Enfermagem Anna Nery/UFRJ; 2001. [ Links ]

    12. Viveiros AA, Goulart PF, Alvim NAT. A influência dos meios sociocultural e científico no uso de plantas medicinais por estudantes universitários da área da saúde. Esc. Anna Nery Rev. Enfermagem 2004 abril; 8(1):62-70. [ Links ]

    13. Goulart PF, Viveiros AA, Alvim NAT. O diálogo com gestantes sobre plantas medicinais: contribuições para os cuidados básicos de saúde. Rev. Acta Scientiarum 2005 setembro; 26(1):287-94. [ Links ]

    14. Conselho Federal de Enfermagem. Resolução COFEn nº 197/97. Estabelece e reconhece as Terapias Alternativas como especialidade e/ou qualificação do profissional de enfermagem. Brasília (DF): Conselho Federal de Enfermagem; 1997. [ Links ]

    15. Lei nº 7.498 de 25 de junho de 1986. Dispõe sobre a regulamentação do exercício da enfermagem e dá outras providências. Diário Oficial da União 26 de junho de 1986, Seção 1, p.9273-5. [ Links ]

    16. Ferreira ABH. Minidicionário da Língua Portuguesa. 3 ed. Rio de Janeiro (RJ): Nova Fronteira; 1993. p.209; 273. [ Links ]