SciELO - Scientific Electronic Library Online

SciELO - Scientific Electronic Library Online

Article References

HILLESHEIN, Eunice Fabiani et al. Capacidade para o trabalho de enfermeiros de um hospital universitário. Rev. Gaúcha Enferm. (Online) [online]. 2011, vol.32, n.3, pp. 509-515. ISSN 1983-1447.  http://dx.doi.org/10.1590/S1983-14472011000300011.

    1 Trindade LL, Gonzales RMB, Beck CLC, Lautert L. Cargas de trabalho entre os agentes comunitários de saúde. Rev Gaúcha Enferm. 2007;28(4):473-9. [ Links ]

    2 Tuomi K, Ilmarinen J, Jahkola A, Katajarinne L, Tulkki A. Índice de capacidade para o trabalho. São Carlos: Universidade Federal de São Carlos; 2005. [ Links ]

    3 Giatti L, Barreto SM. Saúde, trabalho e envelhecimento no Brasil. Cad Saúde Pública. 2003;19(3):759-71. [ Links ]

    4 Bellusci SM, Fischer FM. Envelhecimento funcional e condições de trabalho em servidores forenses. Rev Saúde Pública. 1999;33(6):602-9. [ Links ]

    5 Nurminen E, Malmivaara A, Ilmarinen J, Ylöstalo P, Mutanen P, Ahonen G, et al. Effectiveness of a worksite exercise program with respect to perceives work ability and sick leaves among women with physical work. Scand J Work Environ Health. 2002;28(2):85-93. [ Links ]

    6 Tuomi K, Huuhtanen P, Nykyri E, Ilmarinen J. Promotion of work ability, the quality of work and retirement. Occup Med. 2001;51(5):318-24. [ Links ]

    7 Lancman S, Sznelwar LI. Christophe Dejours: da psicopatologia à psicodinâmica do trabalho. Rio de Janeiro: Fiocruz; 2004. [ Links ]

    8 Dejours C, Abdoucheli E, Jayet C. Psicodinâmica do trabalho: contribuições da Escola Dejouriana à análise da relação prazer, sofrimento e trabalho. São Paulo: Atlas; 1994. [ Links ]

    9 Tuomi K, Ilmarinen J, Jahkola A, Katajarinne L, Tulkki A. Índice de capacidade para o trabalho. Helsinki: Instituto de Saúde Ocupacional; 1997. [ Links ]

    10 Martinez CM, Latorre MRDO, Fischer FM. Validity and reliability of the Brazilian version of the Work Ability Index questionnaire. Rev Saúde Pública. 2009;43(3):525-32. [ Links ]

    11 Raffone A, Hennington EA. Avaliação da capacidade funcional dos trabalhadores de enfermagem. Rev Saúde Pública. 2005;39(4):669-76. [ Links ]

    12 Andrade C, Monteiro MI. Envelhecimento e capacidade para o trabalho dos trabalhadores de higiene e limpeza hospitalar. Rev Esc Enferm USP. 2007;41(2):237-44. [ Links ]

    13 Martinez MC, Latorre MRDO, Fischer FM. Capacidade para o trabalho: revisão de literatura. Ciênc Saúde Colet. 2010;15(Supl 1):1553-61. [ Links ]

    14 Duran ECM, Cocco MIM. Capacidade para o trabalho entre trabalhadores de enfermagem do pronto-socorro de um hospital universitário. Rev Latino-Am Enfermagem. 2004;12(1):43-9. [ Links ]

    15 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (BR). Síntese de indicadores sociais: análise das condições de vida da população brasileira: estudos e pesquisas, informações demográficas e sócio-econômicas. Rio de Janeiro; 2007. [ Links ]

    16 Fischer FM, Borges NS, Rotenberg L, Latorre MRDO, Soares NS, Rosa PLFS, et al. A (in)capacidade para o trabalho em trabalhadores de enfermagem. Rev Bras Med Trab. 2005;3(2):97-103. [ Links ]

    17 Negeliskii C. O estresse laboral e a capacidade para o trabalho de enfermeiros no Grupo Hospitalar Conceição [dissertação]. Porto Alegre: Escola de Enfermagem, Universidade Federal do Rio Grande do Sul; 2010. [ Links ]

    18 Rodrigues FCP, Lima MADS. A multiplicidade de atividades realizadas pelo enfermeiro em unidades de internação. Rev Gaúcha Enferm. 2004;25(3):314-22. [ Links ]