HYDROELECTRIC ENERGY, REPRESSED DEMAND AND ECONOMIC CHANGE IN AMAZONIA

Rolf Sternberg About the author

SUMMARY

The economic activities that have been historically identified with Brazilian Amazonia required no inanimate energy. Extraction of forest products was managed with manual labor, so was placer mining. Steam powered machines and internal combustion motors became part of doing things in the context of time and space without conferring a measure of energy autarchy upon the region. Brazil's Amazon region, inspite of its physical wealth, could not mount a much needed infrastructure, It produced wealth without lasting benefits for the region. Amazonia, like the American prairie, had to await technological changes that make its careful utilization possible. One of these technological changes is hydroelectric energy. While hydroelectric energy will hardly be an exclusive agent of change, it will occupy a central position in reordering the human use of the land. It may provide the basic means for the much needed careful domestication of the land. Hydroelectric energy opens perspectives on Amazonia that invite rethinking about what is possible, desirable and necessary.

Resumo

As atividades econômicas que têm sido historicamente identificadas com a Amazônia brasileira não exigiam energia de fonte "inanimada". O extrativismo vegetal é trabalho braçal, assim como a garimpagem. As máquinas a vapor e os motores de explosão se difundiram com o tempo, mas não promoveram uma apreciável auto-suficiência energética da região. Apesar dos recursos naturais existentes, a infra-estrutura tão necessária à Amazônia não se implantou. Houve produção de riqueza, mas sem benefícios duráveis para a região. A Amazônia, tal como a Prairie americana, precisou esperar pelos avanços tecnológicos que facultam sua explotação diligente. Um desses avanços tecnológicos é a energia hidrelétrica. Embora a energia hidrelétrica não seja condicionador exclusivo de transmutações, ela é fator preponderante na replanificação do uso da terra pelo homem. Ela proporciona os meios básicos ao reordenamento diligente e necessário das terras tropicais. A energia hidrelétrica abre amplas perspectivas à Amazônia brasileira, clamando por um reexame do que é possível, desejável e necessário.

Texto completo disponível apenas em PDF.

Publication Dates

  • Publication in this collection
    Apr 1983
Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia Av. André Araujo, 2936 Aleixo, 69060-001 Manaus AM Brasil, Tel.: +55 92 3643-3030, Fax: +55 92 643-3223 - Manaus - AM - Brazil
E-mail: acta@inpa.gov.br