Miracetyma etimaruya gen. et sp. n. (COPEPODA, POECILOSTOMATOIDA, ERGASILIDAE) FROM FRESHWATER FISHES OF THE BRAZILIAN AMAZON

Miracetyma etimaruya gen. et. sp. N. (Copepoda, Poecilostomatoida, Ergasilidae) dos Peixes de Água Doce da Amazônia Brasileira

José Celso O. MALTA About the author

Abstracts

Miracetyma etimaruya gen. et sp. n. is proposed from the gills filaments of Curimata cyprinoides (Linnaeus, 1758), Potamorhina latior (Spix, 1829) and Psectrogaster essequibensis (Gunther, 1864). The species of the new genus is characterized by having a more complex latching antenna. The claw is greatly reduced and has a groove; the third segment has one or two grooves; the first, second and third segments have one or two cuticular extensions. The legs have pectinate setae and the first endopod is greatly modified, very long, and without setae. The first segment of the first endopod is large, strong and elongate and the second segment is subcylindrical, slender and elongate. These modifications imply in a loss of swimming capacity which is linked to secure fixation on the gill filament. As a result, the leg morphology has evolved other functions.

Copepoda; Ergasilidae; new genus; Miracetyma; Amazônia


Miracetyma etimaruya gen. et sp. n. é proposto. Os espécimens foram coletados dos filamentos branquiais de Curimata cyprinoides (Linnaeus, 1758), Potamorhina latior (Spix, 1829) e Psectrogaster essequibensis (Gunther, 1864). A espécie deste gênero caracteriza-se por apresentar um sistema de encaixe das antenas mais complexo e eficiente. A garra é muito reduzida e possui uma ranhura; o terceiro segmento tem uma ou duas ranhuras; o primeiro, o segundo e o terceiro segmentos têm uma ou duas extenções cuticulares. As pernas apresentam setas pectinadas e o primeiro endopodito é extremamente modificado, muito longo e sem setas. O primeiro segmento do primeiro endopodito é largo, forte e alongado e o segundo segmento é subcilíndrico, fino e alongado. Estas modificações implicam na perda da capacidade natatòria a qual esta ligada a uma segura fixação no filamento branquial. Como resultado da morfologia, as pernas desenvolveram outras funções.

Copepoda; Ergasilidae; gênero novo; Miracetyma; Amazônia


Full text available only in PDF format.

Publication Dates

  • Publication in this collection
    1993
Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia Av. André Araujo, 2936 Aleixo, 69060-001 Manaus AM Brasil, Tel.: +55 92 3643-3030, Fax: +55 92 643-3223 - Manaus - AM - Brazil
E-mail: acta@inpa.gov.br