Estrutura multidimensional dos Meliponídeos (1 1 — Este trabalho foi amparado pelo projeto 69/555 da FAPESP a favor do autor principal (J.F.P.). )

José Furtado Pisani Warwick Estevam Kerr Rubens A. Cunha Sobre os autores

Resumo

Estudou-se 12 variáveis de 21 espécies de Meliponídeos. Como medida de semelhança morfológica estimou-se a distância generalizada de Mahalanobis. Quatro figuras representam as distâncias estimadas. Conclui-se que, das espécies estudadas, Melipona rufiventris, M. seminigra e M. scutellaris são próximas e formam um aglomerado. O trigoníneo mais próximo do gênero Melipona é a Meliponula bocandei e o grupo das Partamona. Por sua vez, as Melíponas mais próximas das Trigona são as M. marginala, M. schwarzi, M. favosa e M. mandaçaia. As Hypotrigona africanas são próximas de Plebeia.

Summary

Twelve characters of 21 species were studied in stingless bees (Meliponidae). The Mahalanobis generalized distance was estimated as a measure of morphological likelihood. Four figures represented all the distances calculated. This study shows that: 1) Melipona rufiventris, M. seminigra and M. scutellaris cluster in a group; 2) The Trigona closet to the Meliponas are Meliponula and Partamona; 3) The Melipona closest to Trigonas are: M. marginata, M. schwarzi, M. favosa, M. mandaçaia; 4) The African Hypotrigona are close to the Plebeia.

Texto disponível apenas em PDF

  • 1
    — Este trabalho foi amparado pelo projeto 69/555 da FAPESP a favor do autor principal (J.F.P.).

Datas de Publicação

  • Publicação nesta coleção
    Jun 1977
Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia Av. André Araujo, 2936 Aleixo, 69060-001 Manaus AM Brasil, Tel.: +55 92 3643-3030, Fax: +55 92 643-3223 - Manaus - AM - Brazil
E-mail: acta@inpa.gov.br