Estudos sobre a vegetação das Campinas Amazônicas - II Observações gerais e revisão bibliográfica sobre as campinas amazônicas de areia branca

Pedro L. Lisbôa Sobre o autor

Resumo

O autor analisa a vegetação de campina de Areia Branca, incluindo uma extensa revisão bibliográfica, a qual mostra a complexidade de interpretação para estudos de campinas amazônicas, em decorrência do emprego de diferentes termos para designar o mesmo tipo de vegetação, além do emprego indevido do termo "campina" para áreas de vegetação, que não são campinas. Discussão sobre origem, estrutura etc., além de aspectos socio-ecológicos são abordados pelo autor. Por fim, definições de termos são feitas para elucidar o problema.

Summary

A literature survey is made of the vegetation characteristic of white sand soils, or regosols, in Northern Amazonia. It is shown that in the past there has been much confusion concerning the definitions applied to this vegetation. On the basis of the literature and the author's own experience, this vegetation is here defined as consisting of four distinct types: Campina of the Upper Rio Negro (formerly often called Caatinga), Campinarana of the Upper Rio Negro, Campina proper, and Campinarana. A glossary defining these types of vegetation is also provided.

Texto disponível apenas em PDF

Datas de Publicação

  • Publicação nesta coleção
    Dez 1975
Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia Av. André Araujo, 2936 Aleixo, 69060-001 Manaus AM Brasil, Tel.: +55 92 3643-3030, Fax: +55 92 643-3223 - Manaus - AM - Brazil
E-mail: acta@inpa.gov.br