Rhadinorhynchus plagioscionis n. sp. (Acanthocephala: Rhadinorhynchidae) da pescada (Plagioscion Squamosissimus) da Amazônia Brasileira

Vernon E. Thatcher Sobre o autor

Resumo

Rhadinorhynchus plagioscionis n. sp. (Acanthocephala: Rhadinorhynchidae) é descrita do intestino da pescada (Plagioscion squamosissimus (Heckel), obtida perto de Manaus, Amazonas, Brasil. A nova espécie distingue-se das demais espécies do gênero por ter espinhos no tronco com raízes bifurcadas e pontas livres. A distribuição destes espinhos é também diferente, sendo contínua desde o pescoço até a parte posterior aos testículos no macho e bem posterior à campainha uterina na fêmea. A nova espécie tem 12 fileiras de ganchos na probóscide, no sentido longitudinal, com 23 e 24 ganchos por fileira, alternando. No número de ganchos na probóscide, a nova espécie aproxima-se mais da R. trachuri Harada, 1935, de um peixe marinho japonês. R. plagioscionis distingue-se dessa espécie nor ter glândulas de cimento que são longas e tubulares (não curtas e em forma de garrafa); lemniscos mais curtos (não mais compridos) que a bainha da probóscide; ovos maiores e um hospedeiro de água doce. A nova espécie é a terceira a ser encontrada em hospedeiro de água doce no mundo.

Summary

Rhadinorhynchus plagioscionis n. sp. (Acanthocephala: Rhadinorhynchidae) is described from the intestine of a freshwater fish called the "pescada" (Plagioscion squamosissimus (Heckel) from Manaus, Amazonas, Brazil. The new species differs from others in the genus in that the trunk spines have bifurcated roots and free points. The distribution of these spines is also different, being from the neck region posteriorly to beyond the testes in the male, and well-posterior to the uterine bell in the female. The new species has 12 longitudinal rows of hooks on the proboscis, quincuncially arranged, with 23 and 24 hooks per row alternating. In hook number, the new species most resembles R. trachuri Harada, 1935, described from a Japonese marine fish. R. plagioscionis differs from that species, however, in having cement glands that are long and tubular (not short and flask-shaped); lemnisci that are shorter (not longer) than the proboscis sac; larger eggs and a freshwater host. The new species is the thir in the genus to be reported from a freshwater host fish in the world.

Texto disponível apenas em PDF

Datas de Publicação

  • Publicação nesta coleção
    Dez 1980
Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia Av. André Araujo, 2936 Aleixo, 69060-001 Manaus AM Brasil, Tel.: +55 92 3643-3030, Fax: +55 92 643-3223 - Manaus - AM - Brazil
E-mail: acta@inpa.gov.br