Visual impairment and blindness: an overview of prevalence and causes in Brazil

Nosso objetivo é fazer uma revisão de cegueira e deficiência visual no contexto de recentes estudos epidemiológicos oculares brasileiros. É apresentada a síntese dos dados de dois estudos populacionais transversais - o Estudo Ocular de São Paulo e o Estudo de Erros Refrativos em Escolares. Entre julho de 2004 e dezembro de 2005 foram examinados 3678 adultos e 2441 escolares. A prevalência de cegueira em adultos mais velhos considerando a acuidade visual apresentada foi de 1, 51% diminuindo para 1, 07% com a correção refrativa. As causas mais comuns de cegueira em adultos mais velhos foram os distúrbios de retina, seguidos de catarata e glaucoma. Em escolares a prevalência de deficiência visual não corrigida foi de 4,82% diminuindo para 0,41% com a correção refrativa. Em escolares a causa mais comum de deficiência visual foram erros refrativos não corrigidos. A deficiência visual e a cegueira são um importante problema de saúde pública no Brasil. É um problema significante em brasileiros mais velhos reforçando a necessidade de implementação de programas de prevenção de cegueira para pessoas idosas com ênfase nos indivíduos sem escolaridade. Em escolares são necessárias estratégias de custo-eficácia para atingir uma causa de deficiência visual facilmente tratável - a prescrição e a provisão de óculos.

cegueira; deficiência visual; prevalência; estudo populacional; epidemiologia ocular


Academia Brasileira de Ciências Rua Anfilófio de Carvalho, 29, 3º andar, 20030-060 Rio de Janeiro RJ Brasil, Tel: +55 21 2533-6274, +55 21 2532-0562 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: aabc@abc.org.br