A new age to an old site: the earliest Tupiguarani settlement in Rio de Janeiro State?

Rita Scheel-Ybert Kita Macario Angela Buarque Roberto M. Anjos Mariana Beauclair Sobre os autores

Este artigo apresenta datações inesperadamente antigas para umassentamento Tupiguarani no sudeste do Brasil. Uma datação radiocarbono de 1740 ± 90 anos AP (1820-1390 cal anos AP) já existia para o sítio de Morro Grande, situado no município de Araruama, na costa sudeste do Estado do Rio de Janeiro. Duas novas datações, obtidas de amostras de carvão, são apresentadas neste trabalho. A data de 2920 ± 70 anos AP (3220-2790 cal anos AP) foi obtida a partir de uma fogueira de uso específico, provavelmente destinada a queimar cerâmica; uma outra provém de uma fogueira funerária do mesmo setor arqueológico, datada em 2600 ± 160 anos AP (3000-2150 cal anos AP). As duas medidas foram feitas independentemente, em laboratórios diferentes, o que reforça sua validade. Estas datações mostram que o momento de chegada de populações Tupiguarani à costa brasileira ocorreu muito antes do que se imaginava. Elas podem ter importantes implicações para as hipóteses sobre a origem e a dispersão dessas populaçõesa partir da Amazônia, corroborando a hipótese de autores recentes que consideram que a expansão Tupi deve ter começado bem antes de 2000 anos AP.

datação radiocarbono; ocupação pré-histórica; Arqueologia; Tupiguarani; Brasil


Academia Brasileira de Ciências Rua Anfilófio de Carvalho, 29, 3º andar, 20030-060 Rio de Janeiro RJ Brasil, Tel: +55 21 3907-8100 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: aabc@abc.org.br