Lower nappe aeration in smooth channels: experimental data and numerical simulation

Aeradores de fundo projetados para aumentar a concentração de ar são utilizados para previnir a cavitação e danos dela derivados em vertedouros. O oxigênio contido na água também é um parâmetro relevante para garantir alta qualidade das águas a jusante do vertedouro, com reflexos na qualidade ambiental. Equações e critérios de projeto existentes ainda são considerados aproximados, mostrando a necessidade de mais estudos para elucidar os mecanismos que governam o carreamento de ar. Este trabalho apresenta resultados de uma série sistemática de medidas de concentração de ar ao longo da superfície inferior do jato de um aerador de fundo, juntamente com medidas pertinentes de descargas de ar e campos de velocidade da água. Foram feitas comparações com resultados da literatura, considerando perfis de concentração ao longo do jato do aerador até a região de jusante. As medições sob condições controladas forneceram informações necessárias para testar resultados numéricos de aeração obtidos em simulações desses escoamentos, utilizando mecânica dos fluidos computacional (CFD). Mostra-se que ferramentas numéricas preditivas fornecem vazões de ar comparáveis aos valores medidos. Também é concluído que, se detalhes são necessários, experimentos são ainda úteis.

aeradores de vertedouros; carreamento de ar; escoamento ar-água; escoamentos multifásicos


Academia Brasileira de Ciências Rua Anfilófio de Carvalho, 29, 3º andar, 20030-060 Rio de Janeiro RJ Brasil, Tel: +55 21 2533-6274, +55 21 2532-0562 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: aabc@abc.org.br