Anais da Academia Brasileira de Ciências, Volume: 75, Issue: 3, Published: 2003
  • On holomorphic one-forms transverse to closed hypersurfaces Mathematical Sciences

    Ito, Toshikazu; Scárdua, Bruno

    Abstract in Portuguese:

    Nesta nota anunciamos alguns resultados obtidos no estudo de distribuições holomorfas admitindo hipersuperfícies reais fechadas transversais. Consideramos um domínio com bordo suave no espaço afim complexo de dimensão dois ou maior. Suponha que o domínio satisfaz uma certa hipótese de trivialidade cohomológica (por exemplo, se o domínio é uma bola). Provamos que se uma um-forma holomorfa em uma vizinhança do domínio é tal que a distribuição holomorfa correspondente é transversal ao bordo do domínio então a característica de Euler-Poincaré-Hopf do domínio é igual à soma dos índices da um-forma nos seus pontos singulares dentro do domínio. Este resultado tem várias conseqüências e se aplica, por exemplo, ao estudo de folheações holomorfas de codimensão um transversais a esferas.

    Abstract in English:

    In this note we announce some achievements in the study of holomorphic distributions admitting transverse closed real hypersurfaces. We consider a domain with smooth boundary in the complex affine space of dimension two or greater. Assume that the domain satisfies some cohomology triviality hypothesis (for instance, if the domain is a ball). We prove that if a holomorphic one form in a neighborhood of the domain is such that the corresponding holomorphic distribution is transverse to the boundary of the domain then the Euler-Poincaré-Hopf characteristic of the domain is equal to the sum of indexes of the one-form at its singular points inside the domain. This result has several consequences and applies, for instance, to the study of codimension one holomorphic foliations transverse to spheres.
  • Minimal surfaces in euclidean 3-space and their mean curvature 1 cousins in hyperbolic 3-space Mathematical Sciences

    Fujimori, Shoichi

    Abstract in Portuguese:

    Mostramos que as diferenciais de Hopf de um par de superfícies primas, a saber, uma superfície mínima em um espaço euclideano de dimensão 3 e uma superfície de curvatura média constante (CMC) um em um espaço hiperbólico de dimensão 3, se estendem holomorficamente em cada fim. Usando este resultado, obtemos condições para que o par seja um plano e uma horosfera.

    Abstract in English:

    We show that the Hopf differentials of a pair of isometric cousin surfaces, a minimal surface in euclidean 3-space and a constant mean curvature (CMC) one surface in the 3-dimensional hyperbolic space, with properly embedded annular ends, extend holomorphically to each end. Using this result, we derive conditions for when the pair must be a plane and a horosphere.
  • On properness of minimal surfaces with bounded curvature Mathematical Sciences

    Bessa, Gregório P.; Jorge, Luquésio P. M.

    Abstract in Portuguese:

    Mostramos que as superfícies mínimas imersas no espaço euclideano de dimensão três, com curvatura limitada e autointersecções próprias, são próprias. Mostramos também que restrita às componentes amplas, a imersão é própria, independentemente do fato de ser a imersão inicial própria ou não. Antes destes resultados, era apenas conhecido que as imersões injetivas, mínimas, completas, com curvatura limitada, eram próprias.

    Abstract in English:

    We show that immersed minimal surfaces in the euclidean 3-space with bounded curvature and proper self intersections are proper. We also showthat restricted to wide components the immersing map is always proper, regardless the map being proper or not. Prior to these results it was only known that injectively immersed minimal surfaces with bounded curvature were proper.
  • Somatic pairing, endomitosis and chromosome aberrations in snakes (Viperidae and Colubridae) Biological Sciences

    Beçak, Maria Luiza; Beçak, Willy; Pereira, Alexandre

    Abstract in Portuguese:

    O posicionamento dos macrocromossomos de Bothrops jararaca e Bothrops insularis (Viperidae) foi estudado em metáfases radiais não alteradas de células não cultivadas (espermatogônias e oogônias) não submetidas a inibidores do fuso. Metáfases colchicinizadas de tecidos não cultivados (baço e intestino) e cultivados (sangue) foram também analisadas. Relatamos dois arranjos cromossômicos antagônicos não casuais em células premeióticas não tratadas: a configuração paralela, com cromossomos homólogos associados lado a lado na placa metafásica, e a configuração antiparalela, tendo os cromossomos homólogos com distribuição antipolar no anel metafásico. O aspecto antiparalelo apareceu também em células colchicinizadas. O arranjo espacial dos cromossomos em ambas configurações é grupal, dependente do tamanho e mantido na meiose. Descrevemos também endomitoses seguidas de mitoses reducionais que restabelecem o número diplóide em gônias não tratadas. Em machos de B. jararaca observamos alterações no mecanismo meiótico em algumas regiões da gônada. Neste caso, as células endoreduplicadas segregam os diplocromossomos para polos opostos, formando diretamente metáfases da segunda divisão da meiose com supressão da primeira divisão. Numa divisão sucessiva, estas metáfases formam núcleos com um conjunto de cromossomos. Duplicação cromossômica em oogônias é conhecida em espécies híbridas e em salamandras e lagartos partenogenéticos. Bothrops jararaca também apresentou rearranjos cromossômicos, ocasionando aneuploidias na mitose e meiose. Sugerimos que o pareamento somático, a endomitose, as alterações da meiose e as aberrações cromossômicas podem ser processos correlacionados. Aspectos similares de configurações nucleares, endomitose e mitose reducional foram encontrados em outras espécies de Viperidae e Colubridae.

    Abstract in English:

    The positioning of macrochromosomes of Bothrops jararaca and Bothrops insularis (Viperidae) was studied in undistorted radial metaphases of uncultured cells (spermatogonia and oogonia) not subjected to spindle inhibitors. Colchicinized metaphases from uncultured (spleen and intestine) and cultured tissues (blood) were also analyzed. We report two antagonic non-random chromosome arrangements in untreated premeiotic cells: the parallel configuration with homologue chromosomes associated side by side in the metaphase plate and the antiparallel configuration having homologue chromosomes with antipolar distribution in the metaphase ring. The antiparallel aspect also appeared in colchicinized cells. The spatial chromosome arrangement in both configurations is groupal size-dependent and maintained through meiosis. We also describe, in untreated gonia cells, endomitosis followed by reductional mitosis which restores the diploid number. In B. jararaca males we observed that some gonad regions present changes in the meiotic mechanism. In this case, endoreduplicated cells segregate the diplochromosomes to opposite poles forming directly endoreduplicated second metaphases of meiosis with the suppression of first meiosis. By a successive division, these cells form nuclei with one set of chromosomes. Chromosome doubling in oogonia is known in hybrid species and in parthenogenetic salamanders and lizards. This species also presented chromosome rearrangements leading to aneuploidies in mitosis and meiosis. It is suggested that somatic pairing, endomitosis, meiotic alterations, and chromosomal aberrations can be correlated processes. Similar aspects of nuclei configurations, endomitosis and reductional mitosis were found in other Viperidae and Colubridae species.
  • Lutzomyia longipalpis (Diptera: Psychodidae: Phlebotominae): a review Biological Sciences

    Soares, Rodrigo P. P.; Turco, Salvatore J.

    Abstract in Portuguese:

    Lutzomya longipalpis é o vetor mais importante da Leishmania chagasi, agente etiológico da Leishmaniose Visceral Americana (AVL), no Novo Mundo. A AVL, uma doença predominante em zonas rurais, tem aumentado sua prevalência, tornando-se urbana nas grandes cidades no Brasil e em outros países na América Latina. Embora a AVL seja uma doença tratável, medidas de prevenção devem ser utilizadas, como a eliminação dos cães infectados e o uso de inseticidas. A melhor compreensão da biologia do vetor poderia ser mais uma medida para o controle da AVL. Um grande número de artigos sobre L. longipalpis foi publicado recentemente. Esta revisão sumariza as pesquisas atuais em L. longipalpis em relação a sua importância, biologia, morfologia, feromônios genética, saliva, fisiologia do intestino e interações com diferentes parasitas.

    Abstract in English:

    Lutzomyia longipalpis is the most important vector of AmericanVisceral Leishmaniasis (AVL) due to Leishmania chagasi in the New World. Despite its importance, AVL, a disease primarily of rural areas, has increased its prevalence and became urbanized in some large cities in Brazil and other countries in Latin America. Although the disease is treatable, other control measures include elimination of infected dogs and the use of insecticides to kill the sand flies. A better understanding of vector biology could also account as one more tool for AVL control. A wide variety of papers about L. longipalpis have been published in the recent past years. This review summarizes our current information of this particular sand fly regarding its importance, biology, morphology, pheromones genetics, saliva, gut physiology and parasite interactions.
  • Shrimp U-Pb age and Sr-Nd isotopes of the Morro do Baú mafic intrusion: implications for the evolution of the Arenópolis volcano-sedimentary sequence, Goiás Magmatic Arc Earth Sciences

    Pimentel, Márcio M.; Hollanda, Maria Helena B. M.; Armstrong, Richard

    Abstract in Portuguese:

    A seqüência vulcano-sedimentar de Arenópolis, localizada na porção sul do Arco Magmárico de Goiás, inclui uma associação de rochas vulcânicas calci-alcalinas de arco com ca. 900 Ma de idade, constituída de rochas variando em composição entre basaltos e riolitos, metamorfisados em fácies xisto verde a anfibolito. Pequenos corpos sub-vulcânicos de gabros a granitos calci-alcalinos são também reconhecidos. A intrusão do Morro do Baú é a maior dessas intrusões, compreendendo dioritos e gabros. Cristais de zircão separados de uma amostra de gabro e analisados no SHRIMP I indicaram a idade 206Pb/238U média de 890 +/- 8 Ma, mostrando que a intrusão é grosseiramente contemporânea, ou talvez um pouco mais jovem que as rochas vulcânicas. Ao contrário das rochas metavulcânicas, que são juvenis, a composição isotópica de Nd do gabro do Morro do Baú indica forte contaminação com material siálico arqueano (T DM de 2.8 Ga e EpsilonNd(T) igual a -9.7), representado na área por uma pequena fatia tectônica de rocha gnáissica arqueana/paleoproterozóica (gnaisse Ribeirão), e que representa a rocha encaixante da intrusão gabro-diorítica. A idade de cristalização de ca. 890 Ma representa, portanto, um limite mínimo para a acresção tectônica do gnaisse Ribeirão às rochas mais jovens da seqüência de Arenópolis. Os dados sugerem que esse evento foi precoce na evolução da seqüência vulcano-sedimentar de Arenópolis, provavelmente entre ca. 920 e 890 Ma.

    Abstract in English:

    The Arenópolis volcano-sedimentary sequence is located in the southern part of the Goiás Magmatic Arc and includes a ca. 900 Ma calc-alkaline arc sequence made of volcanic rocks ranging in composition from basalts to rhyolites, metamorphosed under greenschist to amphibolite facies. Small calc-alkaline gabbro to granite sub-volcanic bodies are also recognized. The Morro do Baú intrusion is the largest of these intrusions, and is made of gabbros and diorites. Zircon grains separated from one gabbro sample and analyzed by SHRIMP I yielded the mean 206Pb/238U age of 890 +/- 8 Ma, indicating that the intrusion is roughly coeval or only slightly younger than the Arenópolis volcanics. Contrary to the metavolcanics, which are juvenile, the Nd isotopic composition of the Morro do Baú gabbro indicates strong contamination with archean sialic material (T DM of 2.8 Ga and EpsilonNd(T) of -9.7), represented in the area by an allochthonous sliver of archean/paleoproterozoic gneisses (Ribeirão gneiss) which are the country-rocks for the gabbro/dioritic intrusion. The emplacement age of ca. 890 Ma represents a minimum age limit for the tectonic accretion of the gneiss sliver to the younger rocks of the Arenópolis sequence. The data suggest that this happened early in the evolution of the Goiás Magmatic Arc, between ca. 920 and 890 Ma.
  • Use of synthetic aperture radar for recognition of Coastal Geomorphological Features, land-use assessment and shoreline changes in Bragança coast, Pará, Northern Brazil Earth Sciences

    Souza-Filho, Pedro W. M.; Paradella, Waldir R.

    Abstract in Portuguese:

    Imagens de radar de abertura sintética (SAR) vem sendo bem mais utilizadas do que antes nas aplicações de geociências em regiões tropicais úmidas. Nesta investigação, uma imagem RADARSAT-1, na banda C, polarização HH adquirida em 1998 foi usada para o mapeamento costeiro e avaliação da cobertura da terra na área de Bragança, norte do Brasil. Imagem do radar aerotransportado GEMS-1000, na banda X, polarização HH, adquirida em 1972 durante o projeto RADAM foi também utilizada para avaliar as variações costeiras ocorridas nas últimas três décadas. A pesquisa tem confirmado a utilidade da imagem RADARSAT-1 para o mapeamento geomorfológico e avaliação da cobertura da terra, particularmente em costas de manguezal de macromaré. Além disso, um novo método para estimar as variações da linha de costa baseado na superposição de vetores extraídos de diferentes imagens SAR, com alta acurácia geométrica, tem mostrado que a planície costeira de Bragança tem estado sujeita a severa erosão responsável pelo recuo de aproximadamente 32 km² e acreção de 20 km², resultando em uma perda de área de manguezal de aproximadamente 12 km². Como perspectiva de aplicação, dados SAR orbitais e aerotransportados provaram ser uma importante fonte de informação tanto para o mapeamento geomorfológico, quando para o monitoramento de modificações costeiras em ambientes tropicais úmidos.

    Abstract in English:

    Synthetic Aperture Radar (SAR) images are being used more extensively than ever before for geoscience applications in the moist tropics. In this investigation, a RADARSAT1-1 C-HH SAR image acquired in 1998 was used for coastal mapping and land-cover assessment in the Bragança area, in the northern Brazil. The airborne GEMS 1000 X-HH radar image acquired in 1972 during the RADAM Project was also used for evaluating coastal changes occurring over the last three decades. The research has confirmed the usefulness of RADARSAT-1 image for geomorphological mapping and land-cover assessment, particularly in macrotidal mangrove coasts. It was possible to map mangroves, salt marshes, chenier sand ridges, dunes, barrier-beach ridges, shallow water morphologies and different forms of land-use. Furthermore, a new method to estimate shoreline changes based on the superimposition of vectors extracted from both sources of SAR data has indicated that the shoreline has been subjected to severe coastal erosion responsible for retreat of 32 km² and accretion of 20 km², resulting in a mangrove land loss of almost 12 km². In an application perspective, orbital and airborne SAR data proved to be a fundamental source of information for both geomorphological mapping and monitoring coastal changes in moist tropical environments.
  • Quaternary evolution of the Caravelas strandplain - Southern Bahia State - Brazil Earth Sciences

    Andrade, Ana C.S.; Dominguez, José M.L.; Martin, Louis; Bittencourt, Abílio C.S.P.

    Abstract in Portuguese:

    Um modelo evolutivo foi proposto para a planície costeira de Caravelas. Este modelo engloba a integração do: (i) mapeamento dos depósitos Quaternários, (ii) cartografia dos alinhamentos dos cordões litorâneos e truncamentos destes, (iii) história do nível relativo do mar, (iv) história do desenvolvimento dos recifes de corais de Abrolhos, (v) testemunhos e (vi) datação C14 dos depósitos Quaternários. Foram identificados sete principais estágios evolutivos. Estes estágios mostram que a planície costeira teve sua evolução Quaternária fortemente controlada pelas variações do nível relativo do mar. Além disso, o desenvolvimento dos recifes de corais de Abrolhos também desempenhou um papel importante na dispersão e acumulação de sedimentos ao longo da costa, causando inversão no transporte de sedimentos.

    Abstract in English:

    An evolutionary model is proposed for the Caravelas strandplain. The model encompasses integration of: (i) mapping of Quaternary deposits, (ii) cartography of beach-ridge alignments and their truncations, (iii) relative sea-level history, (iv) development history of the Abrolhos coral reefs, (v) vibra-coring and (vi) C14 dating of Quaternary deposits. Seven major evolutionary stages were identified. These stages show that the strandplain has had its Quaternary evolution strongly controlled by relative sea-level changes. In addition, the development of the Abrolhos coral reefs has also played an important role in dispersion and accumulation of sediments along the coastline, causing localized inversion in longshore sediment transport.
  • Sm-Nd age of the fazenda brasileiro gabbro, Bahia, Brazil: example of robust behavior of the Sm-Nd isotopic system under extreme hydrothermal alteration Earth Sciences

    Pimentel, Márcio M.; Silva, Maria da Glória

    Abstract in Portuguese:

    A mineralização de ouro de Fazenda Brasileiro é hospedada por um sill gabróico intrusivo em rochas metavulcânicas/metassedimentares do Greenstone Belt do Rio Itapicuru, Craton do São Francisco. A mineralização, com idade de ca. 2.05 Ga, está associada com forte cizalhamento e alteração hidrotermal, e o gabro hospedeiro está alterado para rochas ricas em clorita, actinolita, carbonato e quartzo. Doze amostras de rocha total representando graus variados de alteração hidrotermal, desde rochas com texturas ígneas reliquiares até o minério (quartzo-carbonato-sulfeto-clorita), foram estudadas pelo método Sm-Nd. Os pontos analíticos formaram uma isócrona (MSWD = 1.9) indicando a idade de 2142 ± 47 Ma (1s) e Epsilon Nd (T) de +1.2. Hidrotermalitos ricos em clorita, sericita, actinolita, carbonato e quartzo indicam uma idade de 2148 ± 57 Ma (1s) com Epsilon Nd (T) of +1.1. O Epsilon Nd (T) positivo sugere pouca ou nenhuma contaminação com crosta mais antiga, compatível com um ambiente oceânico para os toleitos. Combinados com os dados de ETR, os dados isotópicos Sm-Nd revelam que a alteração hidrotermal, apesar de intensa, foi incapaz de modificar substancialmente as razões Sm/Nd das rochas ígneas originais, não causou desalinhamento dos pontos, fornecendo um raro exemplo de comportamento robusto do sistema isotópico Sm-Nd em condições extremas de alteração hidrotermal.

    Abstract in English:

    The Fazenda Brasileiro gold mineralization is hosted by a gabbroic sill, intrusive into metavolcanicmetasedimentary rocks of the Rio Itapicuru Greenstone Belt, São Francisco Craton. The 2.05 Ga old mineralization is associated with intense shearing and hydrothermal alteration, and the host gabbro is altered to a series of rocks rich in sericite, chlorite, actinolite, carbonate and quartz. Twelve whole-rock samples of the gold mineralization, representing varied degrees of alteration, from rocks with preserved igneous textures to the ore (quartz-carbonate-sulfide-chlorite), were studied by the Sm-Nd method. All analytical points resulted in an isochron (MSWD = 1.9) indicating the age of 2142 +/- 47 Ma (1s) and Epsilon Nd (T) of +1.2. Chlorite-sericite-carbonate rich hydrothermal rocks indicate the age of 2148 +/- 57 Ma and Epsilon Nd (T) of +1.1. The positive Epsilon Nd (T) suggest limited or no contamination with older continental crust, compatible with an oceanic setting for the tholeiites. Combined withREEdata, the Sm-Nd isotopic results reveal that the hydrothermal alteration, although intense, was unable to alter significantly the Sm/Nd ratios of the original igneous rocks and did not cause important scatter of the analytical points, providing a rare example of robust behavior of the isotopic system, even under intense hydrothermal alteration.
  • Metamorphic evolution and U-Pb zircon SHRIMP geochronology of the Belizário ultramafic amphibolite, Encantadas Complex, southernmost Brazil Earth Sciences

    Hartmann, Léo A.; Santos, João O.S.; Leite, Jayme A.D.; Porcher, Carla C.; Mcnaughton, Neal J.

    Abstract in Portuguese:

    O entendimento dos processos evolutivos do Complexo Encantadas no sul do Brasil foi aperfeiçoado através do estudo integrado do metamorfismo de um anfibolito ultramáfico e da geocronologia U-Pb SHRIMP de zircão. Os núcleos herdados de alguns cristais de zircão tem idades em torno de 2257 ±12 Ma e constituem a única evidência preservada do protólito ígneo, que pode ter sido um basalto magnesiano ou um piroxenito. O metamorfismo M de fácies anfibolito formou abundante hornblenda na amostra investigada, possivelmente há 1989 ±21 Ma. Esta rocha ultramáfica foi re-metamorfizada talvez há cerca de 702 ±21 Ma durante um evento M de fácies xistos verdes do metamorfismo regional. Durante o evento M, a hornblenda foi recristalizada e formou a assembléia actinolita + oligoclásio + microclínio + epidoto + titanita + monazita. Estes eventos foram a manifestação da Orogênese Encantadas (2257 ±12 Ma) e da Orogênese Camboriú ( ~ 1989 Ma) do Ciclo Transamazônico, seguidos por um evento orogênico (702 ±21 Ma) do Ciclo Brasiliano. O período intra-cratônico entre 2000-900 Ma corresponde à estabilidade do Supercontinente Atlântica, cujos remanescentes são conhecidos como Cráton Rio de la Plata.

    Abstract in English:

    The integrated investigation of metamorphism and zircon U-Pb SHRIMP geochronology of the Belizário ultramafic amphibolite from southernmost Brazil leads to a better understanding of the processes involved in the generation of the Encantadas Complex. Magmatic evidence of the magnesian basalt or pyroxenite protolith is only preserved in cores of zircon crystals, which are dated at 2257 ± 12 Ma. Amphibolite facies metamorphism M1 formed voluminous hornblende in the investigated rock possibly at 1989 ± 21 Ma. This ultramafic rock was re-metamorphosed at 702±21 Ma during a greenschist facies eventM2; the assemblage actinolite + oligoclase + microcline + epidote + titanite + monazite formed by alteration of hornblende. The metamorphic events are probably related to the Encantadas Orogeny (2257±12 Ma) and Camboriú Orogeny (~ 1989 Ma) of the Trans-Amazonian Cycle, followed by an orogenic event (702±21 Ma) of the Brasiliano Cycle. The intervening cratonic period (2000-700 Ma) corresponds to the existence of the Supercontinent Atlantica, known regionally as the Rio de la Plata Craton.
Academia Brasileira de Ciências Rua Anfilófio de Carvalho, 29, 3º andar, 20030-060 Rio de Janeiro RJ Brasil, Tel: +55 21 2533-6274, +55 21 2532-0562 - Rio de Janeiro - RJ - Brazil
E-mail: aabc@abc.org.br