ABCD. Arquivos Brasileiros de Cirurgia Digestiva (São Paulo), Volume: 22, Issue: 4, Published: 2009
  • Os 100 anos da doença de Chagas no Brasil Editorial

    Andreollo, Nelson Adami; Malafaia, Osvaldo
  • Effectiveness of the echoendoscopic puncture in the diagnosis of solid pancreatic mass Orginal Articles

    Silva, Adriano Fernandes da; Moura, Eduardo Guimarães Hourneaux de; Artifon, Everson Luiz de Almeida; Sakai, Paulo; Maluf-Filho, Fauze; Matuguma, Sergio Eiji; Chaves, Dalton Marques

    Abstract in Portuguese:

    RACIONAL: Ecoendoscopia é técnica mista que adiciona as vantagens da endoscopia àquelas da ecografia, somente que o procedimento ecográfico é realizado do interior dos órgãos para fora deles, no sentido centrífugo. OBJETIVO: Verificar a positividade da ecoendoscopia na punção com agulhas (EEPTN) ou (EE-PAF) em tumores sólidos pancreáticos baseados na técnica utilizada pelo Serviço de Endoscopia Digestiva do Hospital de Clínicas da Universidade de São Paulo. MÉTODOS: Cohorte retrospectiva de 138 pacientes que realizaram ecoendoscopia com punção aspirativa por agulha fina (EE-PAAF) no período de maio de 2004 a junho de 2007. Os dados foram coletados por meio de consulta aos prontuários, constantes do arquivo médico. O critério de inclusão foi a presença de massa pancreática sólida à tomografia computadorizada e o critério de exclusão a presença de tumor pancreático não sólido. Foram utilizadas as seguintes variáveis: característica da massa (tamanho, localização, presença de linfonodo peripancreático, presença de linfonodo em tronco celíaco); número de punções para obtenção de microfragmento; citologia e experiência do profissional executante. O aparelho utilizado foi um ecoendoscópio da marca Olympus, modelo OLYMPUS EUS (EYS) EXERA EU-C60, com transdutor setorial eletrônico e agulhas de 22 gauges da marca Boston Scientific. RESULTADOS: Setenta e seis (55,4 %) deles eram do sexo masculino e 61 (44,5 %) do feminino. A idade variou de 16 a 87 anos, com média de 59,9 anos. As lesões foram cefálicas em 94 (68,1 %) dos casos. Massas maiores que 4 cm tiveram percentual de positividade maior, chegando a 40%, mas as lesões menores que 2 cm obtiveram percentual de 43 % de inconclusivo. A obtenção de microfragmentos foi conseguida em 100% dos casos positivos e apenas 73,1 %, quando negativo (P=0,004). Não houve diferença estatística em relação à experiência do endoscopista. Apenas 80 pacientes tiveram anotado o número de punções e notou-se que existe melhor desempenho quanto maior for o número delas. O diagnóstico anatomopatológico definitivo de neoplasia pancreática ocorreu em apenas 41 (29,7 %) indivíduos. CONCLUSÕES: Em relação às características da massa, quanto maior ela era maior a positividade do método; a localização não correlacionou com maior positividade; há tendência de positividade quando presentes os linfonodos peripancreáticos; em relação ao número de punções, quanto maior o número delas, maior a positividade do método; em relação à experiência do profissional, não houve diferença no índice de positividade da punção da massa pancreática sólida.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: Echoendoscopy is a mixed technique which adds the advantages of endoscopy to those of transabdominal ultrasonography through an endoscope with transductor in its distal extremity, allowing for the evaluation of the abdominal organs reached by the endoscope and in contact with the intestinal wall. AIM: To verify the positivity rate of the echoendoscopy with puncture with thin needle (EEPTN) or (EE-PAF) in solid pancreatic mass based on the technique used in the Gastrointestinal Endoscopy Unit of Hospital das Clínicas, University of São Paulo. METHODS: Retrospective evaluation - cohort study - of 138 patients who were submitted to echoendoscopy through aspiration puncture between May 2004 and June 2007. The data were collected through the medical charts present in the medical files of Hospital das Clínicas (Clinical Hospital) of the University of São Paulo, having as inclusion criterion the presence of solid pancreatic mass in computerized tomography and as exclusion criterion the presence of non solid pancreatic tumor. The routine technique was the one used in the Gastrointestinal Endoscopy Unit focusing the following variables: mass characteristics (size, location, presence of peripancreatic lymph node, presence of lymph node in celiac trunk); number of punctures to obtain microfragment for cytology, and experience of the professional in charge. The equipment used was an echoendoscopy device model Olympus EUS (EYES) Exera EU - C60, with electronic sectorial transductor and 22 gauges Wilson-Cook needles. RESULTS: Seventy six (55,4 %) male patients and 61 (44.5 %) female were enrolled. Age ranged from 16 to 87 years and means 59,9 years. The lesions were cephalic in 94 (68,1 %). Mass larger than 4 cm had a higher percentage of positivity reaching 40%, but lesions smaller than 2 cm had a percentage of 43% of inconclusive. Microfragments were obtained in 100% of the positive cases and only 73,1 % when negative (P=0,004). There was no statistic difference regarding the experience of the endoscopy professional. Only 80 patients had the number of punctures written down and it was noticed that there is better performance as the number of punctures was increased. The definitive histopathologycal diagnosis of pancreatic neoplasia occurred in only 41(29,7 %) patients. CONCLUSIONS: Regarding mass characteristics, when larger is the mass, larger is the positivity of the method; the location didn't correlate with higher positivity; when the lymph nodes were present, there was a tendency to positivity; concerning the number of punctures, the higher number, higher positivity; in relationship to the professional experience in endoscopy, there was no difference in the rate of positivity of the puncture of the solid pancreatic mass.
  • Reconstrução esofágica pela esofagocoloplastia no megaesôfago avançado em pacientes gastrectomizados Artigos Originais

    Aquino, Jose Luis Braga de; Said, Marcelo Manzano; Maziero, Diana; Oliveira, Jean Marc Prado de; Leandro-Merhi, Vania Aparecida

    Abstract in Portuguese:

    RACIONAL: A necessidade de esofagocoloplastia em pacientes com megaesôfago avançado, previamente submetidos à gastrectomia não é frequente, mas quando executada traz consigo maior dificuldade técnica, o que pode elevar o número de complicações. OBJETIVO: Avaliar as complicações da reconstrução de trânsito pela esofagocoloplastia em uma série de pacientes submetidos à esofagectomia transmediastinal por megaesôfago avançado com gastrectomia prévia. MÉTODOS: De julho de 1983 a abril de 2009, 204 pacientes com megaesôfago grau III e IV foram submetidos à ressecção esofágica no Departamento de Cirurgia do Hospital Celso Pierro da Puc-Campinas. Em 92 pacientes a ressecção foi pela técnica da mucosectomia esofágica; em 84 pela via transmediastinal; em 38 pela via transtorácica. Em 194 pacientes (95%) a reconstrução do trânsito foi realizada pela transposição gástrica e nos 10 restantes (5%), pela transposição do colo transverso. O procedimento foi indicado pelo fato dos pacientes já terem sido submetidos à gastrectomia prévia. Todos eram do sexo masculino, com idade média de 47, 5 anos. RESULTADOS: Sete pacientes (70%) apresentaram uma ou mais complicações, sejam sistêmicas ou locais. Das sistêmicas, um paciente apresentou tromboflebite em membro inferior, com boa evolução; outro, infarto do miocárdio, com evolução fatal; três pacientes (30%) apresentaram infecção pulmonar, com boa evolução. Das complicações locais, quatro tiveram deiscência da anastomose esofagocolônica cervical, tendo boa evolução com tratamento conservador. Cinco pacientes evoluíram com estenose da anastomose esofagocolônica cervical entre o 35º e 63º dia do pós-operatório, sendo realizadas dilatações endoscópicas com boa evolução. De oito pacientes acompanhados neste período, seis (75%) apresentavam boa deglutição para sólidos e/ou pastosos, referindo estarem satisfeitos com ato cirúrgico por terem retornado aos hábitos usuais. CONCLUSÕES: A reconstrução com o colo em pacientes submetidos à esofagectomia por megaesôfago avançado não deve ser a primeira opção de tratamento, tendo somente indicação quando for inviável a transposição gástrica, e ela deve ser considerada técnica cirúrgica com alta morbimortalidade em pacientes previamente gastrectomizados.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: Esophagocoloplasty in advanced chagasic megaesophagus is seldom necessary. But, when realized, brings with it a major incidence of complications. AIM: To verify the complications following esophagus reconstruction by esophagocoloplasty in patients with previous gastrectomy submitted to transmediastinal esophagectomy for chagasic megaesophagus end-stage. METHODS: From July 1983 to April 2009, 204 patients with chagasic megaesophagus stage III and IV were submitted to esophageal resection at the Surgery Department at the Hospital Celso Pierro Puc-Campinas, Brasil. Ninety-two patients had the procedure done by esophageal mucosectomy; 84 under-went a transhiatal esophagectomy and in 38, esophagectomies were done through a transthoracic approach. In 194 patients (95%) the reconstruction was done by gastric interposition and in the 10 remaining patients (5%) it was by transposition of the transverse colon. This procedure was recommend due to previous gastrectomy done in all patients. All of them were male with average age of 47.5 years old. RESULTS: Seven patients (70%) developed one or more complications, either systemic or local. Among the systemic complications, one patient had thrombophlebitis in the lower extremity, with good recovery; one had a myocardial infarction with fatal evolution; three patients (30%) had pulmonary infection with good recovery. Amongst the local complications, four patients had cervical anastomotic leak with satisfactory recovery with conservative treatment. Five had cervical anastomotic stricture between the 35th and the 63rd post-operative day, with good recovery after endoscopic anastomotic dilatations. From the eight patients followed during this period, six (75%) had good deglutition for solids and/or semi-solids, and satisfied with the surgery since were able to return to their regular diet. CONCLUSIONS: Despite the fact that the esophagocoloplasty results in a good deglutition and quality of life, in short and medium terms, it must be considered a surgical technic with high morbidity in gastrectomized patients.
  • Dietary polydextrose increases calcium absorption in normal rats Orginal Articles

    Santos, Elisvânia Freitas dos; Tsuboi, Kathia Hitomi; Araújo, Marina Rachel; Ouwehand, Arthur C.; Andreollo, Nelson Adami; Miyasaka, Celio Kenji

    Abstract in Portuguese:

    RACIONAL: A cirurgia gástrica é conhecida por causar desordens ósseas, possivelmente relacionado com a absorção do cálcio na dieta. OBJETIVO: verificar se polidextrose (PDX) poderia estimular a absorção de cálcio em ratos parcialmente gastrectomizados e ratos sham operados. MÉTODOS: Os ratos foram laparotomizadas (sham-operados de controle) ou parcialmente gastrectomizados (Billroth II), em grupos de 20 animais cada. Metade de cada grupo operado foi alimentada com uma dieta controle (AIN-93M) sem PDX ou a mesma dieta contendo (PDX 50g/kg de ração) durante oito semanas. Os animais foram divididos em quatro subgrupos: sham-operados e gastrectomizados sem PDX; sham-operados e gastrectomizados com PDX. No dia final do estudo, sangue foi coletado para determinação da concentração de cálcio sérico. RESULTADOS: Na dieta com PDX, a excreção de cálcio nas fezes foi significativamente menor do que nos grupos que não recebem PDX, independentemente da operação. Absorção aparente de cálcio e cálcio sérico foi maior no sham operados com PDX do que no grupo controle. Em ratos sham operados, a concentração de cálcio nos ossos foi maior no grupo com PDX. CONCLUSÃO: A inclusão de polidextrose na alimentação pode aumentar a absorção de cálcio e aumentar a concentração dele nos ossos em ratos normais, que podem ser relevantes para diminuir o risco de osteoporose. A gastrectomia parcial não afetou a concentração de cálcio ósseo em 56 dias de período experimental.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: Gastric surgery is known to cause bone disorders, possibly related to an impaired capacity for the absorption of dietary calcium. AIM: To verify if polydextrose (PDX) could stimulate calcium absorption in partially gastrectomized and sham operated rats. METHODS: The rats were laparotomized (sham-operated control) or partially gastrectomized (Billroth II), in groups of 20 each. Half in each operated group were fed a control diet (AIN-93M) without PDX or the same diet containing (PDX 50g/Kg of diet) for eight weeks. The rats were divided into four subgroups: sham-operated and gastrectomized without PDX; sham-operated and gastrectomized with PDX. On the final day of the study, total blood was collected for determination of serum calcium concentration. RESULTS: In the diet with PDX, excretion of calcium in the feces was significantly lower than in the groups not receiving PDX, irrespective of the operation. Apparent calcium absorption and serum calcium was higher in the sham operated PDX fed group than in the control group. In sham operated rats, the calcium concentration in bone was higher in the PDX fed group. CONCLUSION: The polydextrose feeding increased calcium absorption and bone calcium concentration in normal rats, which may be relevant for decreasing the risk of osteoporosis. Partially gastrectomy did not affect the bone calcium concentration in 56 days of experimental period.
  • Influência do pneumoperitônio nas funções hepática e renal e na liberação de citocinas pró-inflamatórias em modelo experimental de endotoxemia induzida por lipopolissacarídeo de Escherichia coli Artigos Originais

    Macri, Matheus Martin; Matias, Jorge Eduardo Fouto; Souza, Carlos José Franco de; Nicoluzzi, João Eduardo Leal; Caron, Pedro Ernesto; Repka, João Carlos Domingues

    Abstract in Portuguese:

    RACIONAL: A videocirurgia pode apresentar complicações inerentes ao método e dentre elas destacam-se as relacionadas ao aumento da pressão na cavidade intra-abdominal. OBJETIVO: Analisar os efeitos do pneumoperitônio em modelo experimental de endotoxemia causada por lipopolissacarídeo. MÉTODO: Foram utilizados 32 ratos Wistar dos quais foi coletado sangue 24 horas prévias para obtenção dos valores de referência nas provas de função renal, hepática e do estado endotóxico (contagens total e diferencial de leucócitos, contagem de plaquetas e dosagens de lipopolissacarídeo, TNFα, IL6). A seguir os ratos foram separados em quatro grupos com oito: grupos controle inoculados com lipopolissacarídeo (10 mg/kg via intraperitoneal) e mantidos por quatro e 11 horas (C-LPS4 e C-LPS11). Grupo C-PP, submetido ao pneumoperitônio por CO2 por uma hora e mantido sob observação por seis horas. Grupo experimento (E) inoculados com 10 mg/kg de lipopolissacarídeo por via intraperitoneal, após quatro horas submetidos ao pneumoperitônio por CO2 por uma hora e mantidos sob observação por seis horas. Ao término destes períodos foram coletadas amostras de sangue para as mesmas avaliações iniciais. Utilizou-se o método de T-Student para as comparações dos resultados, com nível de significância de 0,05. RESULTADOS: Em comparação aos valores iniciais e aos grupos controle, o grupo E apresentou maiores valores nas dosagens de creatinina e uréia, bilirrubina direta, ALT e TAP, aumento nas dosagens de IL6, TNFα e diminuição de plaquetas, aumento de leucócitos e bastonetes e detecção de endotoxina circulante. CONCLUSÃO: O pneumoperitônio por dióxido de carbono induz aumentos na liberação de TNFα, IL6, piora das funções hepática e renal em modelo experimental de endotoxemia induzida por lipopolissacarídeo.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: Videosurgery can bring complications with it´s manipulation and among them the hyperpression into the abdominal cavity is important factor. AIM: To analyze the pneumoperitoneum effects in an endotoxemia experimental model caused by lipopolyssacharide. METHOD: Thirty-two Wistar rats were utilized, from which blood was collected 24 hours prior to the experiment for the initial evaluations of the renal function, the hepatic function and the endotoxic state (total counts and differential of leukocytes, platelet count and dosages of lipopolyssacharide, TNFα, IL6). The rats were then separated into four groups of eight: control groups inoculated with lipopolyssacharide (10 mg/kg via intraperitoneum) and kept for four and 11 hours (C-LPS4 and C-LPS11). Group C-PP, control of pneumoperitoneum by carbon dioxide at 10 mmHg for one hour and kept under observation for six hours. Experiment group (E) in which the rats were inoculated with 10 mg/kg of lipopolyssacharide via intraperitoneum and after four hours were submitted to pneumoperitoneum by carbon dioxide at 10 mmHg for one hour and kept under observation for six hours. At the end of these periods, blood samples were collected for the same initial evaluations. The T-student method was utilized for statistical comparisons of results, with a significance level of 0.05. RESULTS: Compared to the initial values and the control groups, Group E had higher values in the renal function tests (creatinine=0.85 ± 0.24 and urea=106.38 ± 37.61 mg/dL). In the hepatic function tests, there were higher values in the dosages of direct bilirubin (0.34 ± 0.09mg/dL), ALT (390,38 ± 351.88) and TAP (17.01 ± 2.18). The endotoxic state was confirmed by the dosages of IL6 (36.0 ± 11.23 pg/mL), TNFα (518.36 ± 203.39 pg/mL) and by the hematological alterations: reduction of platelets, increased leukocytes and band neutrophils and the detection of circulating endotoxin (0.21 ± 0.08 UE/mL). CONCLUSION: Pneumoperitoneum by carbon dioxide induces increase of TNFα, IL6, worsens the hepatic and renal function in the experimental endotoxemia model induced by lipopolyssacharide.
  • Evaluation of patients with schistosomal portal hypertension treated in a tertiary hospital Orginal Articles

    Makdissi, Fábio Ferrari; Herman, Paulo; Colaneri, Renata Potonyacz; Nunes, Barbara dos Santos; Pugliese, Vincenzo; Cleva, Roberto de; Saad, William A.; D`Albuquerque, Luiz Augusto Carneiro; Cecconello, Ivan

    Abstract in Portuguese:

    RACIONAL: Esquistossomose é importante doença na saúde pública envolvendo mais de 70 países. Cerca de 600 milhões de pessoas estão em áreas de risco para adquirir a doença e em torno de 200 milhões estão por ela infectados. OBJETIVO: Avaliar as características da hipertensão porta esquistossomótica em indivíduos que se submeteram previamente a tratamento de varizes esofágicas hemorrágicas em hospital terciário. MÉTODOS: Os prontuários de 155 pacientes foram avaliados analisando-se aspectos clínicos, laboratoriais, endoscópicos, epidemiológicos e intensidade de eventos hemorrágicos. RESULTADOS: A idade média foi de 37.2 anos e não havia sinais clínicos de insuficiência hepática. Análises séricas para avaliação da função hepática foram normais ou levemente alteradas. Anemia estava presente em 70 %, leucopenia em 75 % e trombocitopenia em 86 %. Na endoscopia as varizes foram classificadas em graus III e V em 91.3 %; red spots foram vistos em 40.3 % e gastropatia congestiva em 13.6 %. Os pacientes apresentaram média de 2.8 prévios episódios de hemorragia por varizes e em 75 % havia instabilidade hemodinâmica. Conclusões - Pacientes com hipertensão porta esquistossomótica e histórico de sangramento digestivo alto por varizes esofágicas são jovens, sem evidências laboratoriais de alteração hepática importante e apresentam alta morbidade, devido à severidade do evento hemorrágico.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: Schistosomiasis is an important public health issue in more than 70 countries around the world. About 600 million people are at risk to acquire the parasite and there are 200 million infected worldwide. AIM: To evaluate the characteristics of schistosomal portal hypertension individuals who underwent previous esophageal varices bleeding treated in a tertiary hospital. METHODS: The records of 155 patients were evaluated and clinical, laboratorial, endoscopic, epidemiological features and hemorrhagic event severity were analyzed to individualize this population. RESULTS: Mean age was 37.2 years and no clinical signs of hepatic failure were observed. Serum laboratory tests to evaluate liver function were normal or slightly alter. Anemia was present in 70 %, leucopenia in 75 % and thrombocytopenia in 86 % of the patients. At endoscopic evaluation varices were classified as grade III and IV in 91.3 %; red spots were observed in 40.3 % and congestive gastropathy in 13.6 %. Patients presented a mean of 2.8 previous episodes of variceal hemorrhage and, in 75 % with hemodynamic instability. CONCLUSIONS: Patients with schistosomal portal hypertension and history of upper digestive bleeding from esophageal varices are young individuals, without either clinical or laboratorial evidence of liver dysfunction, that present high morbidity due to the severity of the acute event of bleeding.
  • Protocolo eletrônico de coleta de dados clínicos da microcirurgia endoscópica transanal (TEM): desenvolvimento e aplicação Artigos Originais

    Oliveira, Mateus Martinelli de; Moraes, Roberto da Silveira; Matias, Jorge Eduardo Fouto; Pinto, José Simão de Paula; Kuretzki, Carlos

    Abstract in Portuguese:

    INTRODUÇÃO: A coleta de dados na forma prospectiva melhora a assistência ao paciente e o acesso à informação. Os registros feitos em prontuários de papel geralmente não trazem informação satisfatória, pois os dados acabam sendo perdidos ou não coletados adequadamente. A informática na saúde possibilita o melhor uso da informação, servindo, inclusive, como suporte para pesquisas científicas. OBJETIVOS: 1 - Criar, informatizar e armazenar uma base de dados clínicos da Microcirurgia Endoscópica Transanal (TEM), incorporando-a ao SINPE© e realizando coleta de dados; 2 - apresentar estudo descritivo dos resultados da coleta de dados realizada em 59 pacientes submetidos a TEM. MÉTODOS: Primeiro foi realizada a criação da base teórica de dados da TEM, que foi a seguir informatizada e incorporando-a ao SINPE© e realizou-se a coleta de dados. Segundo, efetuou-se estudo descritivo com interpretação das informações obtidas através de estatísticas e gráficos pelo módulo SINPE©Analisador. RESULTADOS: A utilização do software possibilitou a criação do protocolo da TEM. Os dados armazenados pela coleta de 59 pacientes submetidos ao procedimento cirúrgico foram resgatados e analisados pelo módulo SINPE Analisador©, gerando gráficos e estudos descritivos automaticamente. Verificou-se que 74,55% (41) dos pacientes apresentavam, antes do procedimento operatório, o diagnóstico de adenoma. No estadiamento pré-operatório realizado por ultrassonografia transrretal, notou-se que a maioria dos tumores apresentaram estadiamento pré-operatório de adenoma (uT0). Em relação ao acometimento linfonodal dois foram avaliados no ultrassom como comprometidos. Quanto à profundidade de ressecção da parede retal verificou-se que mais de 60% dos pacientes submetidos à TEM realizaram ressecção em bloco de toda a parede retal, ou seja, até a gordura perirretal. Verificou-se, que o número total de pacientes portadores de adenocarcinoma foi maior no estudo histopatológico da peça cirúrgica que na biópsia pré-operatória. Os resultados do estadiamento histopatológico da peça cirúrgica apresentou diferenças entre o estadiamento pré-operatório e pós-operatório. A presença de carcinoma incidental em pacientes que possuíam diagnóstico pré-operatório de adenoma, foi de 13 (31,7%). Realizou-se avaliação dos pacientes portadores de adenocarcinoma que foram submetidos à ressecção em bloco da parede retal, ou seja, até a gordura perirretal. Foram diagnosticados, no exame histológico pós-operatório, 22 pacientes (37,28% dos pacientes submetidos à TEM) portadores de adenocarcinoma. Destes 19 foram submetidos à ressecção até a gordura perirretal (86,36% dos pacientes portadores de adenocarcinoma). O estadiamento realizado pela ultrassonografia transrretal demonstrou 24 tumores uT0. No exame histopatológico das peças cirúrgicas, observou-se que 11 apresentavam adenoma, nove carcinoma in situ, ou seja, dos 24 tumores estadiados em uT0, 20 apresentaram estadiamento pós-operatório compatível o exame pré-operatório (83,33%). CONCLUSÕES: O software SINPE© representou ferramenta adequada à pesquisa clínica e contribuiu com o levantamento preciso e fácil dos dados coletados em pesquisa prospectiva.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: Prospective data collection improves patient care and information access. Written medical records frequently are not well done, due to bad collected data associated to the risk of loosing important items. The use of computer technology in health care system provides better information. OBJECTIVES: To create, computerize and store a clinical database to Transanal Endoscopic Microsurgery (TEM), and it´s incorporation into SINPE© software; to present a descriptive study from 59 patients submitted to TEM. METHODS: Initially was created an Word® questionnaire containing all clinical data concerning to TEM; afterwards, this base was computerized and incorporated into SINPE© and, then, data started to be collected. Later, a descriptive study was done using the database with statistic analysis generated through SINPE©Analisador module. Finally, datamining studies verified patterns and tendencies which could not be visualized from simple data collection. RESULTS: The software allowed creation of TEM protocol. The data stored by collecting 59 patients undergoing the surgical procedure were recovered and analyzed by SINPE©Analisador module, generating charts and statistic automatically. It was found that 74.55% (41) of the patients presented with the diagnosis of adenoma before the surgical procedure. Preoperative staging conducted by transrectal ultrasonography defined most tumors as adenomas (uT0). Ultrasound identified that two lymph nodes were involved. With regard to the depth of the rectal wall resection, it was found that over 60% of the patients who underwent TEM had a full-thickness resection of all rectal wall, i.e., up to the peri-rectal fat. The total number of adenocarcinoma patients was greater in the histopathological study of the surgical specimen than in the preoperative biopsy. The results for the histopathological staging of the surgical specimen revealed differences between pre- and postoperative staging. Incidental carcinoma was present in 13 (31.7%) patients with a preoperative diagnosis of adenoma. An evaluation was conducted of the adenocarcinoma patients who underwent the full-thickness resection of the rectal wall. Postoperative histological review diagnosed 22 patients (37.28% of the patients submitted to TEM) with adenocarcinoma. Of these, 19 underwent resection up to the peri-rectal fat (86.36% of the adenocarcinoma patients). The staging carried out through transrectal ultrasonography identified 24 uT0 tumors. The histopathological examinatin of the surgical specimens showed that 11 were adenomas and nine were carcinomas in situ. Thus, 20 (83.33%) of the 24 tumors that had been staged as uT0 presented a postoperative staging consistent with the preoperative assessment. CONCLUSIONS: SINPE© software is an adequate tool for clinical research and contributed to the accurate and easy management of the prospectively collected data.
  • Avaliação da qualidade de vida em pacientes cirróticos com hérnia da parede abdominal Artigos Originais

    Andraus, Wellington; Paoletti, Bianca; Pinheiro, Rafael Soares Nunes; Bitencourt, Fabricio Souza; Farias, Cynthia N. de Freitas; D'Albuquerque, Luiz Augusto Carneiro

    Abstract in Portuguese:

    RACIONAL: As hérnias de parede abdominal são um problema frequente no paciente cirrótico. Elas costumam ser volumosas e muito sintomáticas. OBJETIVO: Avaliar a qualidade de vida, através da aplicação do questionário Short Form-36 (SF-36), nos pacientes com hérnia e cirrose. MÉTODOS: Foram avaliados 39 pacientes cirróticos com hérnia de parede abdominal estratificados pela classificação de Child e submetidos ao questionário SF-36 por um mesmo profissional. RESULTADOS: A média dos escores obtidos no SF-36 mostra diminuição em todos os domínios nos pacientes cirróticos, principalmente no aspecto físico. O grupo Child B mostrou pior avaliação ao estado geral de saúde e capacidade funcional em relação ao grupo Child A, contudo não houve diferença em relação ao aspecto físico. CONCLUSÃO: A presença de hérnia de parede abdominal ocasiona piora na qualidade de vida do paciente cirrótico. A deterioração da função hepática está relacionada a pior qualidade de vida. A hérnia abdominal leva a restrição importante no aspecto físico também no Child A.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: Abdominal hernias are frequent issue in cirrhotic patients. These hernias tend to be large and symptomatic. AIM: To analyze the quality of life using a Short Form-36 (SF-36) questionnaire in cirrhotic patients with abdominal hernia. METHODS: Thirty nine cirrhotic patients with abdominal wall hernia were analyzed. They were stratified according to Child´s classification and answered the SF-36 questionnaire administered by a same professional. RESULTS: The scores from SF-36 show impairment in all questionnaire domains in cirrhotic patients, especially in the physical aspect. The Child B group showed worse health general condition and functional capacity comparing with Child A group; however it did not show any significant difference related to physical aspect. CONCLUSION: The presence of abdominal hernia leads to worse quality of life in cirrhotic patients. Hepatic function deterioration is related to a worse quality of life. Abdominal hernia causes an important restriction in physical aspect even in Child A.
  • Ressecões hepáticas por videolaparoscopia Artigos de Revisão

    Herman, Paulo; Coelho, Fabricio Ferreira; Lupinacci, Renato Micelli; Perini, Marcos Vinicius; Machado, Marcel Autran C.; D´Albuquerque, Luiz A. Carneiro; Cecconello, Ivan

    Abstract in Portuguese:

    INTRODUÇÃO: As ressecções hepáticas representam umas das últimas fronteiras vencidas pela cirurgia videolaparoscópica. Apesar da complexidade do procedimento, da demanda de grande incorporação de tecnologia e necessidade de experiência em cirurgia hepática e laparoscópica, a indicação do método tem crescido de forma expressiva nos últimos anos. OBJETIVO: Realizar análise crítica do método, baseada nos trabalhos existentes na literatura, ressaltando o estado atual de suas indicações, exequibilidade, segurança, resultados e aspectos técnicos primordiais. MÉTODO: Foram identificados e analisados os trabalhos pertinentes nas bases de dados LILACS e PUBMED até dezembro de 2009, utilizando-se os descritores "liver resection", "laparoscopic" e "liver surgery". Não foram encontrados trabalhos prospectivos e randomizados sobre o tema, sendo os dados disponíveis provenientes de série de casos, estudos caso-controle e alguns estudos multicêntricos e metanálises. CONCLUSÃO: A hepatectomia por videolaparoscopia é hoje operação segura e factível, mesmo para as ressecções hepáticas maiores, com baixo índice de morbimortalidade. O método pode ser utilizado para lesões malignas sem prejuízo dos princípios oncológicos e com vantagens nos pacientes com cirrose ou disfunção hepática. A melhor indicação recai sobre as lesões benignas, em especial o adenoma hepatocelular. Em mãos experientes e casos selecionados, como as lesões benignas localizadas nos segmentos anterolaterais hepáticos, principalmente no segmento lateral esquerdo, a ressecção videolaparoscópica pode ser considerada hoje como tratamento padrão.

    Abstract in English:

    INTRODUCTION: Hepatic resection is the last frontier to be surpassed by laparoscopic surgery. Although a highly complex procedure, the need of advanced technology and experience in both laparoscopic and hepatic surgery, the indications and number of cases done worldwide had a major growth in the last few years. AIM: Critically analyze the technique, based on published articles and acquired experience with more than 50 laparoscopic hepatic resections. Indications, feasibility, safety, and basic technical aspects are outlined. METHODS: Original published studies were identified by searching the Lilacs and Medline databases (up to December 2009) using the keywords "liver resection", "laparoscopic" and "liver surgery". It was not found any prospective randomized trial, so all data came from case series, case-control studies, and meta-analysis. CONCLUSION: Laparoscopic liver resection is safe and feasible even for major resections, with low morbidity and mortality rates. Laparoscopic approach is considered to be oncologically similar to its open counterpart and may have some advantage in cirrhotic patients. Benign lesions, especially hepatocellular adenoma, remains the best indication. In experienced centers the laparoscopic approach may be considered the standard of care for benign antero-lateral located lesions, and for left lateral sectorectomy.
  • Aneurisma da veia femoral simulando uma hérnia inguinal Relatos de Casos

    Buffara-Jr, Victor Assad; Coelho, Júlio Cezar. Uili; Oliveira, Mateus Martinelli de

    Abstract in Portuguese:

    INTRODUÇÃO: Somente seis casos de aneurismas da veia femoral simulando hérnia inguinal foram descritos na literatura. RELATO DO CASO: Um caso de aneurisma da veia femoral comum direita que simulava uma hérnia inguinal é descrito em jovem de 19 anos de idade com uma massa dolorosa de consistência mole na região inguinal direita de seis meses de duração. Durante a consulta médica, o paciente morreu durante em episódio de convulsão generalizada. Na necropsia, tromboembolismo pulmonar maciço e um aneurisma da veia femoral comum de 8x8x7 cm com trombos foram diagnosticados.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: Only six cases of femoral vein aneurysm are related on medical literature. CASE REPORT: A case of a right common femoral vein aneurysm simulating an inguinal hernia in a 19 year-old male. He had a soft and painful mass in the right inguinal area of six months of duration. At medical consultation, the patient died during a generalized convulsive episode. At necropsy, massive pulmonary thromboembolism and an 8x8x7 cm common femoral vein aneurysm with thrombus were recognized.
  • Emphysematous cholecystitis Case Reports

    Lupinacci, Renato Micelli; Chafai, Najim; Tiret, Emmanuel

    Abstract in Portuguese:

    INTRODUÇÃO: Colecistite enfisematosa é uma condição de risco de vida caracterizada por infecção da vesícula biliar por agentes produtores de gás. Na sua apresentação mais comum atinge preferencialmente homens idosos portadores de doenças sistêmicas em especial diabetes e vasculopatias. RELATO DO CASO: Paciente do sexo masculino, 30 anos de idade e sem co-morbidades que se apresenta ao pronto-socorro com história de dor abdominal em hipocôndrio direito há cinco dias, febre (38,7o) e náuseas. Os exames laboratoriais mostravam leucocitose (26700/µl) e elevação dos marcadores de inflamação (proteína C reativa, PCR 470). A tomografia computadorizada do abdome revelou realce da parede vesicular após injeção de contraste i.v., bem como dilatação da vesícula com a presença de ar intraluminal. O paciente foi submetido à colecistectomia através de incisão subcostal direita. A cultura da bile foi positiva para Clostridium perfringes. A evolução pós-operatória do paciente foi satisfatória. CONCLUSÃO: Esta é uma rara forma de colecistite com alta mortalidade e usualmente se apresenta com sinais clínicos insidiosos.Tomografia computadorizada é a mais acurada forma de diagnóstico de imagem. Antibioticoterapia de largo espectro deve começar rapidamente incluindo proteção à Clostridia. Procedimento cirúrgico deve ser indicado tão cedo quanto possível.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: Emphysematous cholecystitis is life-threatening condition characterized by gas-forming infection of the gallbladder. It is mostly seems in old male patients with systemic, specially diabetes and vascular diseases. CASE REPORT: - A 30-year-old man without previous diseases was admitted because of right upper quadrant pain and nausea. On admission the patient was febrile (38.7o) with normal bilirubin levels. The white blood count was 26700/µl and reactive protein C was 470. Axial sections of single slice computed tomography imaging (section thickness 5 mm), revealed gallbladder wall enhancement after i.v. contrast, as well as dilatation of the gallbladder with intraluminal air. The patient underwent open cholecystectomy. The culture of the bile showed clostridium perfringes. The postoperative course of the patient was uneventful. CONCLUSION: This is a rare form of cholecystitis that carries a high mortality and usually present insidious clinical signs. CT is the most accurate imaging technique. Antibiotic therapy should begin quickly and include coverage of common pathogens, particularly Clostridia. Surgical intervention should take place as early as possible.
  • Rotura espontânea de aneurisma da artéria cólica média Relatos de Casos

    Ielo, Samuel Moraes; Jaldin, Rodrigo Gibin; Costa, Laura Siqueira da; Watanabe, Rogério Massaru; Saad-Hossne, Rogério; Henry, Maria Aparecida C. de Arruda

    Abstract in Portuguese:

    INTRODUÇÃO: Os aneurismas que envolvem os ramos principais da artéria mesentérica superior são incomuns e entre eles encontra-se uma situação rara: o aneurisma da artéria cólica média. Embora pouco frequente, é um importante grupo de doença vascular, pois boa parte destes é diagnosticada em emergências cirúrgicas. RELATO DO CASO: Descreve-se um caso de aneurisma roto de artéria cólica média em paciente jovem e hígida do sexo feminino, diagnosticado no intra-operatório de laparotomia exploradora frente a um quadro de dor abdominal e diarréia que evoluiu subitamente para abdome agudo e choque. Realizou-se a ligadura desta artéria com controle efetivo da hemorragia, sem comprometimento identificável macroscopicamente de irrigação ou viabilidade do cólon transverso ou demais segmentos colônicos. Apesar do sucesso do tratamento cirúrgico, a paciente evolui para óbito no 12º. dia pós-operatório por complicações hemorrágicas do sistema nervoso central. CONCLUSÃO: A provável causa do aneurisma da artéria cólica média envolve a mediólise segmentar idiopática na qual se observa processo degenerativo da camada média.

    Abstract in English:

    BACKGROUND: Aneurysms of the superior mesenteric artery branches are uncommon, even among them colic artery aneurysms are rare. These aneurysms are usually asymptomatic, but rupture, thrombosis and distal embolization have been reported like complications. CASE REPORT: A case of a 45-year-old female patient with spontaneous rupture of an aneurysm of middle colic artery, which was diagnosed at exploratory laparotomy, is presented. The patient suddenly developed severe abdominal pain and shock. The aneurysm was completely resected at surgery. Therefore the bleeding could be successfully managed with surgery, but the patient died with post-operative complications. CONCLUSION: In this case, the aneurysm of middle colic artery was probably resulting from idiopatic segmental mediolysis.
  • Má rotação intestinal em adulto, relato de caso e revisão da literatura Relatos de Casos

    Araújo, Ubirajara Rutilio Mendes e Ferreira de; El Tawil, Imad Izat

    Abstract in Portuguese:

    INTRODUÇÃO: Má rotação intestinal é entidade clínico-cirúrgica que faz parte do cotidiano do cirurgião pediátrico, mas que se torna um desafio diagnóstico quando desenvolve sintomas em adolescentes e adultos. RELATO DO CASO: Mulher deu entrada no hospital com quadro de intensa dor abdominal com três dias de evolução e piora progressiva nas últimas 24 horas. A dor apresentava piora importante após as refeições, quando era acompanhada de náuseas e vômitos. Ao exame físico apresentava-se em bom estado gera, abdômen plano, flácido, ruídos presentes, levemente doloroso à palpação de epigástrio, mas sem sinais de irritação peritoneal. Exames laboratoriais encontravam-se dentro dos limites da normalidade, bem como estudo ultrassonográfico. Não houve melhora clínica apesar do tratamento instituído e optou-se por investigação cirúrgica por tomografia sugerir má rotação intestinal. No intra-operatório observou-se todo o intestino delgado disposto para o lado direito do abdômen e o cólon para o lado esquerdo. Além disto, o jejuno proximal encontrava-se isquêmico e fazendo um volvo de 720º sobre o eixo dos vasos mesentéricos superiores. Para a correção da anomalia fez-se enterotomia do jejuno proximal, a cerca de 10 cm do ligamento de Treitz, e desconfecção do volvo, o que cursou com melhora progressiva da isquemia intestinal, permitindo que se fizesse enteroanastomose. Realizou-se ligadura do pedículo da artéria cólica média em sua origem e colectomia direita seguida de anastomose íleo-transversa látero-lateral. A paciente evolui bem. CONCLUSÃO: - A má rotação intestinal em adultos é doença de difícil diagnóstico primário, devido a não constar entre as hipóteses diagnósticas iniciais do cirurgião geral.

    Abstract in English:

    INTRODUCTION: Intestinal malrotation is a clinical surgical entity that is present in the everyday practice of the pediatric surgeon. However, it becomes a diagnostic challenge when symptoms develop in adolescents and adults. CASE REPORT: A woman presented to the hospital with intense abdominal pain of three days' duration and progressive worsening over the preceding 24 hours. The pain increased markedly after meals, accompanied by nausea and vomiting. On physical examination, the patient was in good general health, her abdomen was flat, flaccid, with normal bowel sounds, and tender to palpation of the epigastrium, yet with no signs of peritoneal irritation. Laboratory test results were within the limits of normal, as was ultrasonography. No clinical improvement was achieved despite the treatment instituted; surgical exploration was chosen as tomography was suggestive of intestinal malrotation. Intraoperatively, all the small intestine was found to be positioned to the right side of the abdomen and the colon, to the left side. In addition, the proximal jejunum was ischemic and forming a volvulus of 720º over the axis of the superior mesenteric vessels. In order to correct the anomaly, enterotomy of the proximal jejunum was performed at approximately 10 cm from the ligament of Treitz, and the volvulus was corrected. This promoted a progressive improvement of the intestinal ischemia, which made enteroanastomosis possible. The middle colic artery pedicle was ligated at its root and a right colectomy was performed, followed by a side-to-side ileo-transverse anastomosis. The patient is doing well. CONCLUSION: Intestinal malrotation in adults is a condition of difficult primary diagnosis, since it is not among the initial diagnostic hypotheses of the general surgeon.
Colégio Brasileiro de Cirurgia Digestiva Av. Brigadeiro Luiz Antonio, 278 - 6° - Salas 10 e 11, 01318-901 São Paulo/SP Brasil, Tel.: (11) 3288-8174/3289-0741 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: revistaabcd@gmail.com