Alterações morfológicas e funcionais cardíacas e análise dos fatores determinantes de hipertrofia ventricular esquerda em 40 pacientes com acromegalia

Cardiac morphology and performance alterations and analysis of determinant factors of left ventricular hypertrophy in 40 patients with acromegaly

A acromegalia é uma doença de alta mortalidade, especialmente em razão de complicações cardiovasculares. Com o objetivo de avaliar os fatores determinantes da hipertrofia ventricular esquerda (HVE) e as alterações cardíacas na acromegalia, analisamos 40 acromegálicos submetidos a exames clínico-laboratoriais e ao ecocardiograma. As variáveis analisadas foram idade, sexo, duração de doença, hipertensão arterial (HA), intolerância à glicose/DM, uso ou não de octreotide, GH e %IGF-I. Na análise univariada, pacientes com HVE foram mais idosos (p= 0,031), apresentaram maior prevalência de HA (p= 0,009) e maiores valores da %IGF-I (p= 0,002), comparados aos sem HVE. Na análise multivariada, HA e %IGF-I foram determinantes de HVE (p= 0,035 e p= 0,016). Após a dicotomização da %IGF-I, foi criado um escore e a freqüência de HVE foi 9%, 65%, 92% x 0, 1, 2; p< 0,0001. Encontramos uma prevalência de ectasia de aorta maior e de doença valvar menor do que a da literatura. Concluímos que HA e %IGF-I foram determinantes de HVE.

Acromegalia; Hipertrofia ventricular esquerda; Cardiomiopatia; Ecocardiograma


Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia Rua Botucatu, 572 - conjunto 83, 04023-062 São Paulo, SP, Tel./Fax: (011) 5575-0311 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: abem-editoria@endocrino.org.br