Distribuição da gordura corporal e perfis lipídico e glicêmico de pacientes infectados pelo HIV

Corporal fat distribution and lipidic and glicemic profiles of HIV-infected patients

Os objetivos foram avaliar dados antropométricos e perfis lipídico e glicêmico de pacientes infectados pelo HIV usuários e não usuários de anti-retrovirais (ARV), e verificar a associação entre ARV e alterações da gordura corporal, distúrbios lipídicos e da homeostase da glicose. Foram incluídos 176 pacientes (133 usuários e 43 não usuários de ARV). Os pacientes foram submetidos a avaliação clínica, exames laboratoriais, ultrassonografia, biompedanciometria e medida de pregas cutâneas. Pacientes usuários de ARV apresentaram maior relação cintura/quadril (p= 0,0002), maior espessura da gordura intra-abdominal medida pela ultrassonografia (p= 0,003) e menores pregas de gordura bicipital (p= 0,01) e tricipital (p= 0,0002). Estes pacientes tiveram níveis mais elevados de triglicérides (p= 0,0002), colesterol total (p= 0,00007) e colesterol HDL (p= 0,009). Eles também apresentaram maiores níveis de glicose aos 60 (p= 0,01) e 120 minutos (p= 0,001) após dextrosol, maiores níveis de insulina de jejum (p= 0,03) e maiores valores do índice HOMA (p= 0,02). As drogas anti-retrovirais estão associadas a acúmulo central e perda periférica de gordura. Além disso, estas drogas estão associadas a alterações lipídicas e a aumento da resistência insulínica, conhecidos fatores de risco cardiovascular.

HIV; Terapia anti-retroviral; Efeitos adversos; Síndrome lipodistrófica do HIV; Lipodistrofia; Síndrome metabólica do HIV


Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia Rua Botucatu, 572 - conjunto 83, 04023-062 São Paulo, SP, Tel./Fax: (011) 5575-0311 - São Paulo - SP - Brazil
E-mail: abem-editoria@endocrino.org.br