Hepatectomia parcial em bezerra portadora de onfalocele: relato de caso

F.A. Lucas E.M. Panelli E. Nardin Neto A.L. Kandrotas S. Mastrocinque R.A. Lataro G.G.S. Oliveira Sobre os autores

RESUMO

A onfalocele é um defeito no fechamento da parede abdominal durante a fase embrionária, não permitindo o retorno de alguns órgãos abdominais à cavidade. O envolvimento do fígado em onfalocele tem sido relatado, porém em animais natimortos. Com o presente estudo, objetiva-se relatar uma ressecção parcial do fígado realizada com sucesso em uma fêmea bovina com dois dias de idade apresentando onfalocele ao nascimento. Foi indicada a intervenção cirúrgica para a redução e rafia da parede abdominal. Durante o procedimento cirúrgico, notou-se, no interior do saco recoberto pela membrana amniótica, a presença de tecido firme, de coloração avermelhada, com características compatíveis com parênquima hepático. Devido à impossibilidade de redução do conteúdo e sugestão de infecção do tecido encontrado, optou-se pela ressecção parcial dele. O exame histopatológico confirmou tratar-se de parênquima hepático o tecido resseccionado. No pós-cirúrgico, realizaram-se terapias antibiótica e antiinflamatória sistêmicas. Após 15 dias do procedimento cirúrgico, foi detectada infecção do sítio operatório e deiscência da sutura abdominal, sendo realizada reintervenção cirúrgica. No exame físico, realizado no animal após quatro meses da segunda intervenção cirúrgica, constatou-se desenvolvimento normal para a espécie. Conclui-se que o fígado pode ser conteúdo da onfalolocele, sendo uma condição extremamente rara. O tratamento cirúrgico no caso apresentado, com exploração da cicatriz umbilical e da cavidade abdominal, foi suficiente.

Palavras-chave:
bovinos; ressecção hepática; onfalocele

Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária Caixa Postal 567, 30123-970 Belo Horizonte MG - Brazil, Tel.: (55 31) 3409-2041, Tel.: (55 31) 3409-2042 - Belo Horizonte - MG - Brazil
E-mail: abmvz.artigo@abmvz.org.br