Comparação entre diferentes diluições na congelação do sêmen canino utilizando o tampão tris acrescido de gema de ovo e glicerol

Compararam-se a concentração espermática padronizada e a expansão volume:volume na diluição do sêmen canino para congelação. O sêmen de seis cães, submetidos a duas coletas por estimulação manual, foi avaliado e diluído em tris acrescido de gema de ovo e glicerol, de acordo com duas diferentes diluições. A primeira baseou-se na concentração espermática padronizada de 200x10(6) espermatozóides/ml, e a segunda mediante diluição volume:volume, na proporção de uma parte de sêmen para uma de diluidor. O sêmen foi congelado, armazenado em nitrogênio líquido e descongelado após uma semana. A motilidade e o vigor espermáticos foram avaliados a cada etapa do processo e aos 15 e 30min após descongelação. A morfologia espermática foi avaliada após coleta e descongelação. Nenhuma diferença foi observada entre os tratamentos após a descongelação quanto à motilidade, vigor, porcentagem de espermatozóides morfologicamente normais e longevidade. Ambas as taxas de diluição podem ser eficientemente utilizadas na congelação do sêmen canino.

cão; sêmen; diluidor; congelação; diluição


Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária Caixa Postal 567, 30123-970 Belo Horizonte MG - Brazil, Tel.: (55 31) 3409-2041, Tel.: (55 31) 3409-2042 - Belo Horizonte - MG - Brazil
E-mail: abmvz.artigo@abmvz.org.br