Accessibility / Report Error

Biopsia hepática em cães: relação entre qualidade da amostra e grau de conclusão do diagnóstico

Hepatic biopsy in dogs: relationship between sampling and degree of diagnosis conclusiveness

O presente estudo objetivou analisar a qualidade do diagnóstico de biopsias colhidas com agulhas tipo aspirativa e cortante, comparando-as ao exame histológico post-mortem do fígado de cães portadores de afecções hepáticas. Foram utilizados 60 cães, sem distinção de sexo, raça ou idade. As biopsias foram procedidas com agulhas tipo Menghini<FONT FACE=Symbol>Ò</FONT> (de natureza aspirativa) e agulhas tipo Tru-Cut<FONT FACE=Symbol>Ò</FONT> (de natureza cortante). As biopsias foram colhidas utilizando-se a técnica percutânea transabdominal. O diagnóstico referente à agulha tipo Tru-Cut<FONT FACE=Symbol>Ò</FONT> não diferiu do diagnóstico referente à agulha tipo Menghini<FONT FACE=Symbol>Ò</FONT>. O referente à agulha tipo Tru-Cut<FONT FACE=Symbol>Ò</FONT> foi o que apresentou maior índice de concordância, 88,3% de acertos. A agulha tipo Tru-Cut<FONT FACE=Symbol>Ò</FONT> apresentou excelentes resultados independente da natureza das lesões, enquanto que a agulha tipo Menghini<FONT FACE=Symbol>Ò</FONT> falhou nos casos de fibrose.

Cão; biopsia hepática; doença hepática


Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária Caixa Postal 567, 30123-970 Belo Horizonte MG - Brazil, Tel.: (55 31) 3409-2041, Tel.: (55 31) 3409-2042 - Belo Horizonte - MG - Brazil
E-mail: abmvz.artigo@gmail.com