Análise de polimorfismo do gene da somatotropina em vacas Nelore e seu efeito sobre o peso à desmama de suas progênies

Polimorphism analisys of somatotropin gene on Nelore cows and effect on weaning weight of the calf

F.J.C. Faria S.E.F. Guimarães R.M.G. Lima G.B. Mourão L.E.L. Pinheiro Sobre os autores

Informações sobre peso à desmama de um rebanho Nelore foram utilizadas após ajuste para idade padrão de 205 dias, sexo da cria, idade da mãe, touro e mês de desmama, para separar as reprodutrizes em dois grupos, cujos filhos diferiam nesse peso. As médias ajustadas pelo método dos quadrados mínimos foram para os grupos pesado (P) e leve (L) de 163,21± 2,18kg e 134,44± 2,18kg, respectivamente, com 41 animais em cada grupo. Essas reprodutrizes foram submetidas à coleta de sangue para estudo de polimorfismos do gene da somatotropina bovina, pela técnica de PCR-RFLP (polymerase chain reaction-restriction fragment length polymorphism). A amplificação de uma região entre o éxon III e V do gene da somatotropina permitiu analisar dois sítios de restrição. Para o sítio do éxon V, todos os animais foram identificados como monomórficos (Leu-Leu). Quanto ao sítio do íntron 3, foi possível identificar os seguintes genótipos 21 (+/-) e 60 (-/-), com as freqüências de 0,13 e 0,87 para os alelos (+) e (-), respectivamente. O peso dos filhos dos animais com o genótipo +/- foi de 152,42± 4,41kg e os -/- 147,60± 2,61kg. Os grupos P e L não diferiram entre si quanto às freqüências alélicas apresentadas. O genótipo das reprodutrizes não afetou o peso à desmama de suas crias, existindo portanto outros efeitos genéticos e não genéticos de maior magnitude.

Bovino; somatotropina; PCR; RFLP; polimorfismo genético


Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária Caixa Postal 567, 30123-970 Belo Horizonte MG - Brazil, Tel.: (55 31) 3409-2041, Tel.: (55 31) 3409-2042 - Belo Horizonte - MG - Brazil
E-mail: abmvz.artigo@abmvz.org.br