Alterações histopatológicas do tecido laminar do casco em cavalos com adenoma da Pars Intermedia da Hipófise: relato de casos

L. M. Laskoski R. Locatelli Dittrich C. A. A Valadão M. L. Castro F. F. Araujo J. R. Silva F. Z. Basso P. T. Dornbusch I. Deconto R. S. Sousa Sobre os autores

RESUMO

A laminite em cavalos está frequentemente associada a distúrbios endócrinos, como a disfunção da pars intermedia da pituitária (PPID) em animais mais velhos. Exames morfológicos do tecido laminar do casco foram realizados em dois cavalos com suspeita de PPID após o óbito, os quais não apresentaram sinais clínicos de laminite. Alterações compatíveis com a laminite de origem endócrina foram observadas, como arredondamento da núcleo das células basais, alongamento e afilamento das lâminas epidérmicas secundárias e proliferação tecidual. Cavalos com PPID sem sinais clínicos de laminite podem estar acometidos por lesões do tecido laminar do casco que comprometam a integridade das interdigitações dérmico-epidérmicas e podem desenvolver a sintomatologia clínica da doença. Sugere-se que o período de desenvolvimento da laminite endócrina seja mais longo, porém estudos adicionais devem ser realizados para confirmar essa hipótese.

laminite; síndrome metabólica; síndrome de cushing; alterações endócrinas; adenoma de pituitária


Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária Caixa Postal 567, 30123-970 Belo Horizonte MG - Brazil, Tel.: (55 31) 3409-2041, Tel.: (55 31) 3409-2042 - Belo Horizonte - MG - Brazil
E-mail: abmvz.artigo@abmvz.org.br