Consumo e digestibilidade aparente de silagens de sorgo em diferentes estádios de maturação

Intake and apparent digestibility of sorghum silages at different maturation stages

Avaliaram-se o consumo e a digestibilidade aparente, em ovinos, das silagens dos híbridos de sorgo BRS 610, BR 700 e BRS 655 colhidos em três estádios de maturação dos grãos: leitoso, pastoso e farináceo. Os valores de consumo da matéria seca, em gramas por quilograma de unidade de tamanho metabólico (CMS-UTM), variaram de 45,90g/UTM/dia a 59,99g/UTM/dia e não diferiram com o avanço do estádio de maturação para todos os híbridos (P>0,05). No estádio pastoso, o BRS 655 apresentou menor CMS-UTM em relação aos demais híbridos (P<0,05), que foram semelhantes entre si (P>0,05). Foi observado menor consumo de proteína digestível para os híbridos com tanino, BR 700 e BRS 655, em relação ao BRS 610 (P<0,05) nos estádios pastoso e farináceo. Todos os tratamentos apresentaram balanço de nitrogênio levemente positivo, com valores entre 0,02g/UTM/dia e 0,20g/UTM/dia. Não houve diferenças nos valores de digestibilidade da fibra entre os híbridos com tanino, BR 700 e BRS 655, e sem tanino, BRS 610. Recomenda-se a utilização da silagem do híbrido BRS 610, colhida no estádio pastoso. Os híbridos BRS 655 e BR 700 devem ser colhidos no estádio leitoso.

ruminante; sorghum bicolor; valor nutricional


Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária Caixa Postal 567, 30123-970 Belo Horizonte MG - Brazil, Tel.: (55 31) 3409-2041, Tel.: (55 31) 3409-2042 - Belo Horizonte - MG - Brazil
E-mail: abmvz.artigo@abmvz.org.br