Resíduo de acerola em dietas para codornas

Acerola residue in feed for quails

T.S. Ferreira S.R.V. Lana G.R.Q. Lana J.A. Madalena L.C.L. Silva E.C. Torres Sobre os autores

RESUMO

Objetivou-se avaliar a inclusão do resíduo da acerola em dietas de codornas de corte sobre o desempenho produtivo, rendimento de carcaça, biometria intestinal e viabilidade econômica das aves, aos 42 dias de idade. Foram utilizadas 400 codornas europeias, não sexadas, de um dia de idade, distribuídas em delineamento experimental inteiramente ao acaso, com cinco níveis de inclusão (0,0; 3,0; 6,0; 9,0 e 12,0%) de resíduo da acerola, com oito repetições e 10 aves por unidade experimental. Não foram observadas diferenças significativas (P>0,05) para o ganho de peso, o consumo de ração, a conversão alimentar, os pesos absolutos e os rendimentos de carcaça e os cortes nobres (peito, coxa e sobrecoxa). Houve efeito (P<0,05) linear para os pesos absolutos e relativos de fígado e moela. A biometria intestinal das aves não foi (P>0,05) influenciada pelos níveis de inclusão do resíduo de acerola. O resíduo de acerola pode ser utilizado como ingrediente alternativo nas dietas de codornas europeias, até o nível de 12% de inclusão, sem comprometer o desempenho produtivo, o rendimento de carcaça das aves e a viabilidade econômica.

Palavras-chave:
coturnicultura; Malpighiagalbra; subproduto da agroindústria

Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária Caixa Postal 567, 30123-970 Belo Horizonte MG - Brazil, Tel.: (55 31) 3409-2041, Tel.: (55 31) 3409-2042 - Belo Horizonte - MG - Brazil
E-mail: abmvz.artigo@abmvz.org.br