Influência da brucelose canina nos aspectos morfofuncionais de espermatozoides epididimários: relato de caso

D.S.R. Angrimani C.F. Lúcio J.D.A. Losano M.M. Brito R.A. Silva Júnior L.B. Keid M. Nichi C.I. Vannucchi Sobre os autores

RESUMO

Relata-se o caso de um cão mestiço, com diagnóstico sorológico para brucelose canina, a partir do qual foram realizadas análises do sêmen epididimário. As amostras espermáticas foram coletadas dos diferentes segmentos epididimários (cabeça, corpo e cauda). Foram realizadas as avaliações de motilidade computadorizada do sêmen (CASA), morfologia espermática, atividade mitocondrial, integridade das membranas plasmática e acrossomal. Houve alteração no padrão de movimentação espermática (motilidade progressiva, espermatozoides rápidos, velocidade média da trajetória, velocidade curvilínea, velocidade linear progressiva, amplitude de deslocamento lateral da cabeça, retilinearidade e linearidade), aumento do total de defeitos morfológicos (51%) e da ausência de atividade mitocondrial espermática (20%) dos espermatozoides, especialmente da cauda do epidídimo. Ressalta-se que tais achados podem contribuir para o diagnóstico clínico da brucelose canina e para a utilização do sêmen epididimário em biotecnologias da reprodução.

Palavras-chave:
cães; Brucella canis; espermatozoides epididimários

Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária Caixa Postal 567, 30123-970 Belo Horizonte MG - Brazil, Tel.: (55 31) 3409-2041, Tel.: (55 31) 3409-2042 - Belo Horizonte - MG - Brazil
E-mail: abmvz.artigo@abmvz.org.br