Implantação de stent autoexpansível para tratamento de estenose uretral em cão: relato de caso

Implantation of self-expanding stent for treatment of urethral stenosis in dog - case report

A.A. Ferreira N.N. Kano L. Ozório P.F. Freitas R. Carareto J.L.C. Castro T.R. Froes P.T. Dornbusch Sobre os autores

RESUMO

O stent endovascular autoexpansível pode ser utilizado como forma de tratamento para estenose uretral em cães. O stent de nitinol é composto por uma liga de níquel e titânio que permite mudanças em suas estruturas sob a influência da temperatura corporal e tem excelente biocompatibilidade na uretra canina. Este estudo relata o caso de um cão, sem raça definida, 14 anos de idade, com histórico de disúria há duas semanas, diagnosticado com grande quantidade de cálculos e microcálculos na bexiga, no colo vesical e na uretra prostática, também cistite e hiperplasia prostática. Depois de tratamento para cistite, orquiectomia e cistotomia para retirada dos cálculos, porém sem melhora clínica após 30 dias de acompanhamento, com o paciente apresentando disúria, foi realizada uretrocistografia retrógrada, que evidenciou estenose da uretra prostática. Esse paciente foi encaminhado para procedimento de implantação de um stent de nitinol na uretra prostática. Imediatamente após o procedimento e até o presente momento, o paciente apresenta micção espontânea, sem qualquer sinal de disúria, sendo este o primeiro relato no Brasil do uso dessa técnica.

Palavras-chave:
stent endovascular autoexpansível; uretra prostática; disúria

Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária Caixa Postal 567, 30123-970 Belo Horizonte MG - Brazil, Tel.: (55 31) 3409-2041, Tel.: (55 31) 3409-2042 - Belo Horizonte - MG - Brazil
E-mail: abmvz.artigo@abmvz.org.br