Pesquisa de partículas virais em conteúdo intestinal de rãs-touro americanas, Lithobates catesbeianus, por meio da microscopia eletrônica de transmissão

A.M. Antonucci M.H. Catroxo M. Hipolito R.M. Takemoto N.A. Melo F.M. França P.C. Teixeira C.M. Ferreira Sobre os autores

Sabendo-se que as fezes são uma importante via de eliminação de agentes virais pelos animais portadores e que, por estarem na água, os agentes patogênicos podem se propagar mais rapidamente, objetivou-se a pesquisa de vírus em conteúdo intestinal de rãs-touro (Lithobates catesbeianus) de cinco ranários comerciais na região do Vale do Paraíba, no estado de São Paulo, pela técnica de microscopia eletrônica de transmissão. As famílias Coronaviridae, Paramixoviridae, Parvoviridae e Herpesviridae foram observadas e fotografadas. Este trabalho ressalta a importância da adoção de medidas sanitárias nas criações, além da confirmação de que a observação de fezes pela microscopia eletrônica de transmissão é uma eficiente ferramenta de diagnóstico rápido para agentes virais.

anfíbios; herpesvírus; coronavírus; paramixovírus; parvovírus


Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária Caixa Postal 567, 30123-970 Belo Horizonte MG - Brazil, Tel.: (55 31) 3409-2041, Tel.: (55 31) 3409-2042 - Belo Horizonte - MG - Brazil
E-mail: abmvz.artigo@abmvz.org.br