Isolamento e identificação pela imunofluorescência direta e reação em cadeia de polimerase do vírus da artrite-encefalite caprina

Caprine arthritis encephalitis virus isolation and identification using fluorescent antibody and polimerase chain reaction

Amostras do vírus da artrite-encefalite caprina (CAEV) de animais dos estados de Minas Gerais e Pernambuco foram isoladas a partir de explantes de membrana sinovial (MS) (amostras BrMg 1-01, BrMg 2-01, BrMg 2-02, BrMg 2-03 e BrPe 1-01) ou de co-cultivo de leucócitos com MS (BrMg 1-02). As amostras foram identificadas pelo efeito citopático-ECP (formação de sincícios), imunofluorescência direta (IFD) e reação em cadeia de polimerase (PCR) aperfeiçoada para amplificação de parte do gene gag da amostra CAEV Cork. O estudo do ECP revelou a presença de amostras pouco (BrMg 1-01 e BrMg 1-02) ou fortemente indutoras de ECP (BrMg 2-01, BrMg 2-02, BrMg 2-03 e BrPe 1-01). A IFD mostrou resultado positivo em células de todas as monocamadas infectadas pelas amostras isoladas e em células de referência (CAEV Cork e visna/maedi K 1514). A PCR do DNA de células infectadas resultou na amplificação específica de um fragmento de DNA de 286pb da amostras testadas, exceto do visna/maedi K 1514.

Caprino; artrite-encefalite; reação em cadeia de polimerase


Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária Caixa Postal 567, 30123-970 Belo Horizonte MG - Brazil, Tel.: (55 31) 3409-2041, Tel.: (55 31) 3409-2042 - Belo Horizonte - MG - Brazil
E-mail: abmvz.artigo@abmvz.org.br