Resposta clínica e metabólica de potros neonatos em relação aos achados histopatológicos da placenta na égua

Clinical and metabolic response of neonatal foals related to histopathology finds in mare placenta

L.A. Lins I.S. Finger C.G. Fernandes B.R. Curcio M.N. Corrêa C.E.W. Nogueira Sobre os autores

Avaliaram-se as respostas clínica e metabólica de potros neonatos em relação aos achados histopatológicos da placenta na égua. Foram avaliados dois grupos de éguas da raça Puro Sangue Inglês - um grupo-problema (n=25) e um grupo-controle (n=25), de acordo com os achados da placenta. O exame dos potros constou de avaliação clínica geral, hematologia e bioquímica sérica. O exame histopatológico da placenta apresentou resultado compatível com a apresentação clínica do potro, sendo que a presença de lesões inflamatórias resultou na produção de potros debilitados. A presença de lesões degenerativas não comprometeu o estado clínico do neonato, mas pode ser responsável pela manifestação de distúrbios subclínicos, evidenciados pelo aumento das taxas de AST e GGT. A ureia pareceu ser um indicador de dano renal decorrente de insuficiência placentária em potros neonatos.

potro; placenta; metabolismo; histopatologia


Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária Caixa Postal 567, 30123-970 Belo Horizonte MG - Brazil, Tel.: (55 31) 3409-2041, Tel.: (55 31) 3409-2042 - Belo Horizonte - MG - Brazil
E-mail: abmvz.artigo@abmvz.org.br