Criptorquismo em eqüinos: aspectos clínico-cirúrgicos e determinação da testosterona sérica

Cryptorchism in horses: clinical and surgical aspects and serum testosterone determination

Alguns aspectos clínico-cirúrgicos do criptorquismo foram investigados em 42 eqüinos. A freqüência da afecção foi elevada em cavalos Mangalarga, Quarto de Milha e sem raça definida que, em conjunto, totalizaram 73,8% dos casos. O criptorquismo abdominal (64,3%) predominou sobre o inguinal (35,7%). A retenção unilateral ocorreu na maioria dos casos (95,2%), com prevalência do criptorquismo abdominal unilateral esquerdo (45,2%). Também foi determinada a concentração da testosterona sérica em seis garanhões normais (grupo I) em plena atividade sexual (grupo-controle) e em 10 criptórquios (grupos II e III, respectivamente, cinco abdominais e cinco inguinais). A dosagem da testosterona sérica não revelou diferença (P> 0,05) entre os três grupos. Os achados indicam que a produção desse hormônio permanece inalterada no criptórquio, justificando seu comportamento sexual, semelhante ao do garanhão normal.

criptorquismo; testosterona; eqüino


Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária Caixa Postal 567, 30123-970 Belo Horizonte MG - Brazil, Tel.: (55 31) 3409-2041, Tel.: (55 31) 3409-2042 - Belo Horizonte - MG - Brazil
E-mail: abmvz.artigo@abmvz.org.br