[Uso da cana-de-açúcar na alimentação de cabras leiteiras em lactação]

A.M.D. Cabral F.F.R. Carvalho G.C.L. Santos J.C. Ferreira M.J.M.S. Silva G.R.A. Santos G.S. Belo Júnior N.D. Melo Sobre os autores

RESUMO

O objetivo do presente estudo foi avaliar os efeitos da substituição da silagem de milho por cana-de-açúcar na dieta de cabras Saanen em lactação e determinar a ingestão e a digestibilidade de nutrientes, o comportamento ingestivo, a produção e a composição do leite. As dietas experimentais foram compostas de níveis crescentes (0, 33, 66 e 100%) de substituição na matéria seca (MS). Doze cabras Saanen multíparas, com peso corporal médio de 45,2kg, produção média de leite de 3,0kg dia-1, foram distribuídas em delineamento experimental triplo quadrado latino (4 × 4). A ingestão de matéria seca (IMS) e de outros nutrientes foi estimada por meio da diferença entre o total de nutrientes nos alimentos oferecidos e o total nas sobras. A IMS, a proteína bruta, a fibra em detergente neutro (FDN) e os nutrientes digestíveis totais não foram influenciados, mas a digestibilidade aparente da MS e da FDN diminuiu. A produção de leite não foi influenciada pelos níveis de substituição, mas a produção de leite corrigida para 3,5% de gordura diminuiu. A cana-de-açúcar representa uma alternativa alimentar para cabras com produção média de leite em períodos críticos de forragem, pois não altera o consumo de MS e a produção de leite, mesmo diminuindo a digestibilidade aparente de alguns nutrientes e influenciando o comportamento ingestivo dos animais.

Palavras-chave:
digestibilidade; fibra; produção de leite; ruminantes

Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária Caixa Postal 567, 30123-970 Belo Horizonte MG - Brazil, Tel.: (55 31) 3409-2041, Tel.: (55 31) 3409-2042 - Belo Horizonte - MG - Brazil
E-mail: abmvz.artigo@abmvz.org.br