Accessibility / Report Error

Síndrome de Horner após transposição de carótida em equino: relato de caso

A síndrome de Horner é uma disfunção do sistema nervoso autônomo simpático, decorrente de qualquer injúria a essa via de transmissão nervosa. Este artigo descreve um caso da síndrome após cirurgia para a transposição da artéria carótida comum. Os sinais clínicos observados foram sudorese de face e pescoço, com hipertermia localizada, paralisia facial e ptose palpebral. A maioria dos sinais foi transitória e se manifestou por até duas horas após a remoção do cateter percutâneo, introduzido na artéria transposta. Como essa manifestação foi recorrente nas venóclises subsequentes e a ptose palpebral perdurou por 10 meses, desde a primeira punção arterial, ressalta-se a importância e o critério quando da necessidade de manipulação cirúrgica dessa região anatômica.

cavalo; desordem neurológica; tronco simpático; disfunção nervosa


Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária Caixa Postal 567, 30123-970 Belo Horizonte MG - Brazil, Tel.: (55 31) 3409-2041, Tel.: (55 31) 3409-2042 - Belo Horizonte - MG - Brazil
E-mail: abmvz.artigo@gmail.com