Alterações oculares em cães infectados naturalmente por Leishmania (Leishmania) chagasi

F.L.C. Brito L.C. Alves F.C.L. Maia E.S.C. Santos J.L. Laus I.M.J. Meunier Sobre os autores

Estudaram-se as condições oculares, os anticorpos anti-Leishmania e os valores de proteína total no humor aquoso de cães infectados naturalmente por Leishmania (Leishmania) chagasi. Analisaram-se 50 cães, divididos em dois grupos de 25 animais. Todos os animais foram submetidos a exame oftálmico rotineiro. Os resultados mostraram que 76% dos cães infectados apresentaram sinais oculares, sendo a uveíte a alteração predominante. A média de proteína total no humor aquoso dos animais com uveíte foi maior (P<0,05), que a dos animais com outros sinais oculares ou sem qualquer sinal. Os valores de anticorpos anti-L. chagasi obtidos no plasma foram estatisticamente superiores aos encontrados no humor aquoso (P<0,05).

cão; Leishmania (Leishmania) chagasi; humor aquoso; anticorpo; proteína


Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária Caixa Postal 567, 30123-970 Belo Horizonte MG - Brazil, Tel.: (55 31) 3409-2041, Tel.: (55 31) 3409-2042 - Belo Horizonte - MG - Brazil
E-mail: abmvz.artigo@abmvz.org.br