[Efeitos do propofol e midazolam em parâmetros espermatogênicos em ratos]

S. Celaleddin K. Volkan Sobre os autores

RESUMO

São necessários vários agentes anestésicos para obter espermatozoides no campo da medicina humana e veterinária. Propofol e midazolam estão entre os agentes preferidos. O objetivo deste estudo foi determinar como os parâmetros de esperma são afetados de acordo com o agente anestésico utilizado. Propofol (2mg / kg) e midazolam (3,5-7,5mg / kg) foram administrados duas vezes ao dia (manhã e noite) durante uma semana. Neste estudo, não houve diferença estatística na densidade espermática e nas taxas anormais de espermatozoides (respectivamente P = 0,673, P = 0,479). As taxas de motilidade espermática são semelhantes nos grupos controle e propofol, enquanto a taxa de motilidade no grupo midazolam é estatisticamente menor. (Grupo controle % 85 - grupo midazolam % 68,75 - grupo propofol % 83,75), (P <0,05). Neste estudo, o intervalo de confiança do propofol foi maior do que os outros agentes anestésicos utilizados na recuperação espermática.

Palavras-chave:
propofol; midazolam; esperma

Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Veterinária Caixa Postal 567, 30123-970 Belo Horizonte MG - Brazil, Tel.: (55 31) 3409-2041, Tel.: (55 31) 3409-2042 - Belo Horizonte - MG - Brazil
E-mail: abmvz.artigo@abmvz.org.br